Câmaras

A alma de uma fotografia – Leica em campanha no Brasil

via release da F/Nazca

Confira aqui o primeiro filme feito para a Leica na história do país. Criado pela agência de publicidade F/Nazca Saatchi & Saatchi, o filme faz parte de uma campanha que apresenta ao mercado brasileiro a M-Monochrom, a câmera digital da Leica que só faz fotos em preto & branco. Com o conceito “Toda Leica tem alma” a campanha também reforça o posicionamento institucional da marca:

Narrado em alemão, o filme P&B revela a história de uma Leica III que morreu nas mãos de um grande fotógrafo (que pode ser identificado como sendo Robert Capa, como bem lembrou Daniela Ribeiro em comentário aqui pro artigo). 58 anos depois, ela, a câmera, volta à vida no modelo que é a reencarnação do preto e branco.

Segundo Eduardo Lima, diretor de criação da F/Nazca Saatchi & Saatchi, “cada frame do filme foi pensado como se fosse uma fotografia”. A direção de cena é de Vellas, da Sentimental Filme, com direção de fotografia de André Faccioli. A equipe passou ao todo 10 dias no exterior para a produção do filme “Alma”.

No Facebook (monochrom.com.br), outras máquinas Leica que pertenceram a fotógrafos famosos voltam à vida, e ganham seu próprio perfil na rede social. Agora reencarnadas na M-Monochrom, elas passam a acompanhar artistas contemporâneos como Bob Wolfenson e Marcio Scavone em ensaios em preto & branco.

Ao todo cinco perfis fazem uma releitura dos fatos sob o ponto de vista da máquina, dando voz para algo inanimado. A timeline das câmeras recupera momentos marcantes de suas trajetórias, anuncia a sua morte e a data da sua reencarnação. A partir daí, os ensaios com a M-Monochrom começam, expondo a “alma” da fotografia p&b numa perspectiva moderna.

Para os que acreditam que a foto em preto e branco só fica boa quando registrada em filme, a nova Leica promete uma reavaliação do universo digital. Como o sensor da M-Monochrom não distingue as cores, o resultado é verdadeiramente monocromático e incrivelmente nítido.

O novo modelo da marca alemã é todo preto, sem o logo vermelho clássico da Leica na frente. O nome Leica está grafado no topo da câmera, como nas primeiras versões da linha M, criada em 1954.

Ficha técnica (resumida)

Agência: F/Nazca Saatchi & Saatchi
Direção de criação: Fabio Fernandes e Eduardo Lima
Criação: Bruno Oppido | Thiago Carvalho e  João Linneu
Head of art: João Linneu
Produtora: Sentimental Filme
Direção: Vellas
Diretor de fotografia: André Faccioli
Produção: Equipe Satélite
Locução: Christine Behm
Aprovação cliente: Luiz Marinho (da Marinho Store, representante exclusivo)

[divider]

acrescentando:

A Leica M Monochrom está à venda ao preço de R$ 28.000 (atualmente indisponível, mas há a possibilidade de inscrever-se para ser avisado da chegada do produto). Quem comprá-la tem a possibilidade de poder baixar gratuita e legalmente o Adobe Photoshop Lightroom (para PC ou Mac) e o Nik Software Silver Efex Pro, além de poder ter suas imagens impressas em processo e papel de alta qualidade através de serviço exclusivo.

Especificações técnicas podem ser vistas na oferta da Marinho Store; outras informações (incluindo fotos de amostra) podem ser encontradas no site em inglês da Leica.

agradecimentos a Carolina Aranha

Alexandre Maia

Clico, viajo, olho, analiso, converso, e repito — em qualquer ordem!

Também estou no Atelliê Fotografia.

2 Comentários

Clique aqui para comentar

Receba 15 livros de fotografia

Aprenda DE GRAÇA os principais segredos dos experts em fotografia com os nossos livros digitais.
Insira aqui o seu melhor email

Aprenda DE GRAÇA os principais segredos dos experts em fotografia

Insira aqui o seu melhor email