Câmaras

Canon celebra produção de 40 milhões de câmaras EOS

A Canon anuncia um novo marco na sua história ao ultrapassar os 40 milhões de câmaras single-lens reflex (SLR) analógicas e digitais da série EOS produzidas.

A série EOS, que significa “Sistema Óptico Electrónico” e é também o nome da deusa grega do amanhecer, foi apresentada em 1987. Desde o seu lançamento, o sistema sofreu vários avanços tecnológicos. A crescente procura do mercado levou a níveis de produção cada vez maiores que atingiram já mais de 40 milhões de unidades, das quais, 20 milhões de modelos EOS digitais. Este acontecimento marca também o período de produção mais rápido na história da gama EOS:

  • Em 1987 foi produzida a primeira EOS SLR, a EOS 650, na fábrica da Canon em Fukushima, Japão
  • Em 1997, em apenas 10 anos o fabrico de câmaras EOS ultrapassava já o marco dos 10 milhões
  • 6 anos depois, em 2003 a Canon atingiu os 20 milhões de câmaras EOS
  • Em Dezembro de 2007, ano em que a série EOS comemorou 20 anos, a Canon chegou aos 30 milhões de câmaras SLR EOS produzidas
  • Em Abril de 2010, a Canon atingiu os 40 milhões – cresceu de 30 milhões de unidades para 40 milhões em apenas dois anos e quatro meses.

A série EOS foi lançada como um sistema completamente novo de câmaras AF SLR, incluindo o primeiro interface electrónico do Mundo que permitia um controlo totalmente electrónico de todo o sistema da câmara. As características de alta velocidade e facilidade de utilização da série foram evoluindo desde então, produzindo produtos de topo, incluindo o modelo profissional EOS -1 em 1989 e a compacta EOS 500 em 1993 que contribuíram fortemente para aumentar o reconhecimento da marca junto dos fotógrafos amadores e profissionais.

Após a apresentação da EOS D30 em 2000, a Canon desenvolveu uma série de tecnologias avançadas tendo em conta a ambição da marca de proporcionar a melhor qualidade de imagem possível. Estas incluíram sensores CMOS, processadores de imagem digital DIGIC de elevada performance e uma extensa gama de objectivas EF.

A Canon atingiu também um importante marco na produção de objectivas em 2009 com o fabrico de 50 milhões de objectivas EF, 10 milhões delas produzidas apenas em dois anos.

Em Fevereiro deste ano, a Canon ampliou o seu portfólio de câmaras EOS com o lançamento do modelo EOS 550D, uma câmara digital SLR de consumo revolucionária, com um sensor CMOS de 18 megapixels, amplos níveis de ISO e gravação de vídeo Full HD.

A Canon continua a seguir o seu objectivo de produzir produtos inovadores que permitam aos fotógrafos tirar mais do que fotografias, proporcionando as tecnologias e as características que lhes permitam fazer histórias com a melhor qualidade de imagem possível.

Diogo Guerreiro

Diogo Guerreiro é o fundador do Fotografia-DG e tem como objetivo a divulgação prática e profunda de técnicas, dicas e recomendações de novas tendências da área do mercado.

1 Comentário

Clique aqui para comentar

  • A Canon já havia anunciando, em janeiro de 2010 que já produziu mais de 50 milhões de objectivas EF.

    A produção de objectivas EF foi iniciada pela Canon em 1987 pelo que ao longo deste tempo conseguiu ultrapassar a bonita marca de 50 milhões de objetivas produzidas.

    Agora, anuncia seu novo record de mais de 40 milhões de cameras produzidas.

    Em outras palavras, isto significa que a produção global de fotografia, seja amamdora ou profissional está a todo o vapor.

Receba 15 livros de fotografia

Aprenda DE GRAÇA os principais segredos dos experts em fotografia com os nossos livros digitais.
Insira aqui o seu melhor email

Aprenda DE GRAÇA os principais segredos dos experts em fotografia

Insira aqui o seu melhor email