Fotografia-DG – Dicas Fotografia http://www.fotografia-dg.com O nosso blog é uma referência em dicas fotografia. Temos muitas dicas fotografia para amadores e profissionais que você não pode perder. Acesse agora! Fri, 29 Aug 2014 16:36:08 +0000 pt-BR hourly 1 http://wordpress.org/?v=3.9.2 Vídeo aula Lightroom 5 – Efeito em foto5/5(2)http://www.fotografia-dg.com/video-aula-lightroom-5-efeito-em-foto/ http://www.fotografia-dg.com/video-aula-lightroom-5-efeito-em-foto/#comments Fri, 29 Aug 2014 16:33:48 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=24394 Neste podcast de hoje você terá um direcionamento de como utilizar o subpainel Básico e Tonalização Dividida para deixar suas fotos com o seu toque particular.

The post Vídeo aula Lightroom 5 – Efeito em foto5/5(2) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Neste podcast de hoje você terá um direcionamento de como utilizar o subpainel Básico e Tonalização Dividida para deixar suas fotos com o seu toque particular.

Lightroom 5 Efeito em foto Vídeo aula Lightroom 5   Efeito em foto

Aplicativos como o Adobe Lightroom nos possibilita trabalhar em diversos pontos da imagem a fim de proporcionar uma melhor qualidade naquilo que foi retratado. Tenha este vídeo como um caminho para lhe ajudar em futuros efeitos que você deseja aplicar em seus projetos pessoais e profissionais.

Caso tenha interesse em aprender mais sobre o Lightroom, faça uma visita nos cursos da MRCcursos que encontra-se disponível em nossa loja.

The post Vídeo aula Lightroom 5 – Efeito em foto5/5(2) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/video-aula-lightroom-5-efeito-em-foto/feed/ 0
Série Cactus V6 Transceivershttp://www.fotografia-dg.com/serie-cactus-v6-transceivers/ http://www.fotografia-dg.com/serie-cactus-v6-transceivers/#comments Fri, 29 Aug 2014 10:00:51 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=24344 Tivemos a honra de ser os primeiros brasileiros a receber esse produto que veio lá de Hong Kong (pelo nosso parceiro Antonio Lao)

The post Série Cactus V6 Transceivers appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
É com muita felicidade que terminamos um projeto muito bacana:

Apresentar a série CACTUS V6!
Tivemos a honra de ser os primeiros brasileiros a receber esse produto que veio lá de Hong Kong (pelo nosso parceiro Antonio Lao)

Bem.. e claro.. dividimos os temas em capítulos (5 para ser mais extato)
No primeiro vídeo, contamos a novidades e preparamos para o que vem por ai..

 

No segundo vídeo fizemos um Unboxing do produto e conhecendo na teoria como ele funciona:

 

No terceiro vídeo.. ahh PRÁTICA! Isso mesmo. e no estúdio do nosso parceiro André Jacob!

No quarto vídeo, fomos para a rua, ver como ele se comporta.. em questão de distância e afins:

 

E no quinto vídeo (uffa) as considerações finais, respondendo a perguntas dos usuários e agradecendo a todos que participaram dessa série!

Foi uma honra fazer esse material.. cansou, deu trabalho, mas MISSÃO DADA, MISSÃO CUMPRIDA!
E claro.. se vc ainda tem alguma dúvida, não deixe de assinar nosso newsletter e participar via email!
Conteudo 620x155 Série Cactus V6 Transceivers

The post Série Cactus V6 Transceivers appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/serie-cactus-v6-transceivers/feed/ 0
Nova Olympus PEN E-PL7 favorece os selfieshttp://www.fotografia-dg.com/nova-olympus-pen-e-pl7-favorece-os-selfies/ http://www.fotografia-dg.com/nova-olympus-pen-e-pl7-favorece-os-selfies/#comments Thu, 28 Aug 2014 20:00:42 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=24384 Os selfies estão tão na moda que os fabricantes de câmeras começam a projetar suas câmeras pensando nisso, e foi assim que nasceu a Olympus PEN E-PL7 com seu monitor LCD inclinável em 180º

The post Nova Olympus PEN E-PL7 favorece os selfies appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Os selfies (prefiro chamar de autorretratos) estão tão na moda que os fabricantes de câmeras começam a projetar suas câmeras pensando nisso, e foi assim que nasceu a Olympus PEN E-PL7 com seu monitor LCD inclinável para baixo em 180º possibilitando perfeita visão estando à frente da câmera. E a conectividade sem fios não foi esquecida para que os selfies sejam transmitidos imediatamente para as redes sociais.

Olympus PEN E PL7 385x400 Nova Olympus PEN E PL7 favorece os selfies

A Olympus PEN E-PL7 é equipada com sensor CMOS 4/3 de 16.1 megapixels (17.2 megapixels de resolução total); possui estabilização pelo sensor (de até 3.5 stops); 81 pontos de autofoco; faz fotos nas proporções 4:3, 16:9, 3:2 e 1:1; fotografa em RAW e 3D (MPO); o tempo de exposição varia entre 1/4000 e 60 segundos com sincronia de flash a 1/250e modo bulb de até 30 minutos; sensibilidade ISO 100-25600; modo contínuo de até 8fps; o alcance do flash é de até 10 metros em ISO 200 (flash externo incluso no kit) e possui sapata para flash; possui wi-fi integrado; faz vídeos Full HD com taxa de 30fps em formato MOV com som estéreo (incluindo modo para time-lapse); seu monitor inclinável mede 3 polegadas e é sensível a toque; e é alimentada por bateria com capacidade para cerca de 350 fotos por carga.

PDP M1220 BLK stand 450x183 Nova Olympus PEN E PL7 favorece os selfies

Ao mesmo tempo a Olympus também anunciou o lançamento de uma versão preta da objetiva M. Zuiko 12mm f/2.0 (equivalente a 24mm) com abertura mínima f/22; sua construção interna possui 11 elementos em 8 grupos; não possui estabilização; diafragma circular de 7 lâminas; distância mínima de foco de 20cm; o diâmetro do filtro mede 46mm; mede aproximadamente 5.6×4.3cm e pesa cerca de 130 gramas. Seu preço foi estipulado em 800 dólares. Já a Olympus PEN E-PL7 estará disponível em meados de setembro ao custo de 600 dólares o corpo; ou 500 libras/700 euros o kit com a objetiva M. Zuiko 14-42mm f/3.5-5.6 II R.

The post Nova Olympus PEN E-PL7 favorece os selfies appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/nova-olympus-pen-e-pl7-favorece-os-selfies/feed/ 0
A iluminada Pentax K-S1http://www.fotografia-dg.com/iluminada-pentax-k-s1/ http://www.fotografia-dg.com/iluminada-pentax-k-s1/#comments Thu, 28 Aug 2014 18:54:33 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=24380 A Ricoh anunciou na data de hoje a Pentax K-S1 em doze diferentes cores e uma série de LEDs iluminando a empunhadura e o botão de disparo

The post A iluminada Pentax K-S1 appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
A Ricoh anunciou na data de hoje uma nova câmera DSLR, a Pentax K-S1, com algumas peculiaridades. A mais comum é a introdução de doze diferentes cores no mercado que variam do preto ao branco, passando por laranja e lilás; um remodelado dial de modos de fotografia, que usualmente fica no alto da empunhadura em qualquer DSLR, agora no painel traseiro; e uma série de LEDs iluminando a empunhadura e o botão de disparo na cor verde. Estas luzes chamadas de “sistema de iluminação de interface” são funcionais mas chamam mais atenção pelo visual do que pelas funções que desempenham.

k s1 front 450x337 A iluminada Pentax K S1

A Pentax K-S1 é equipada com sensor CMOS de 20.12 megapixels (APS-C com 20.42 megapixels de resolução total); possui 11 pontos de autofoco (sendo 9 pontos cruzados); possui estabilização no sensor (de até 4 stops); o tempo de exposição varia entre 1/6000 e 30 segundos e sincronização de flash a 1/180; sensibilidade ISO 100-51200; modo contínuo de até 5.4fps (limitado a 20 arquivos JPEG ou 5 RAW); flash pop-up com alcance de até 10 metros em ISO 100; faz vídeos Full HD com taxa de 30fps em formato MOV e som estéreo; seu monitor LCD mede 3 polegadas e há um viewfinder com 100% de cobertura da visão; e é alimentada por bateria com capacidade para cerca de 480 disparos por carga.

k s1 back 450x337 A iluminada Pentax K S1

O impressionante simulador de filtro anti-aliasing que permite usá-lo ou não de acordo com a vontade do usuário, usado pela primeira vez na Pentax-K3, também está presente na Pentax K-S1. Os LEDs verdes na empunhadura funcionam como indicadores de várias funções: ao usar a detecção de rostos, o número de LEDs acesos indica a quantidade de rostos detectados; também funcionam como contagem regressiva ao usar o temporizador; e o LED ao reor do botão de disparo torna-se vermelho se a câmera estiver fazendo vídeos.

Outras boas novidades desta câmera é o novo menu bastante fácil e intuitivo, e o uso do cartão de memória Flucard que permite conexão sem fio com dispositivos móveis. A Pentax K-S1 estará disponível em meados de setembro ao custo de 550 libras/750 dólares o corpo; e 600 libras/800 dólares o kit contendo a objetiva SMC DA L 18-55mm.

The post A iluminada Pentax K-S1 appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/iluminada-pentax-k-s1/feed/ 0
Nova Samyang 50mm f/1.45/5(1)http://www.fotografia-dg.com/nova-samyang-50mm-f1-4/ http://www.fotografia-dg.com/nova-samyang-50mm-f1-4/#comments Wed, 27 Aug 2014 18:33:54 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=24373 A coreana Samyang anunciou o lançamento de uma objetiva de baixo custo para quem não quer pagar os preços das marcas líderes, é a Samyang 50mm f/1.4 de foco totalmente manual e disponível para dez baionetas diferentes

The post Nova Samyang 50mm f/1.45/5(1) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
A coreana Samyang anunciou o lançamento de uma objetiva de baixo custo para quem não quer pagar os preços das marcas líderes, é a Samyang 50mm f/1.4 de foco totalmente manual e disponível para diversas baionetas: sistemas DSLR Canon, Nikon, Pentax, Sony e 4/3; além dos sistemas mirrorless Canon M, Fuji X, Samsung NX, Sony E e Micro 4/3. São nada menos do que dez baionetas diferentes, incluindo todas as Full-frame! Vale lembrar que objetivas com os nomes Bower, Rokinon, Vivitar e Opteka, entre outros, são a mesma coisa.

samyang opitcs 50mm F1.4 camera lenses photo lenses prd 2 450x350 Nova Samyang 50mm f/1.4

A Samyang 50mm f/1.4 UMC possui abertura mínima f/22 (uma vantagem sobre as rivais que normalmente vão apenas até f/16); sua construção interna possui 9 elementos (sendo um asférico e um híbrido-asférico que minimiza a aberração cromática e revestimento UMC para evitar efeitos indesejados como o flare) em 6 grupos; não possui estabilização; diafragma circular de 8 lâminas; distância mínima de foco de 45cm; e diâmetro do filtro mede 77mm.

A Samyang 50mm f/1.4 possui diâmetro de aproximadamente 8.1cm e seu comprimento varia de acordo com a baioneta e as diferenças são grandes: a menor delas, para DSLR Nikon, mede aproximadamente 7.2cm enquanto a maior delas, para mirrorless Fuji X mede 10.1cm. O peso também varia: a mais leve delas pesa 510 gramas (para DSLR Pentax) e a mais pesada (também para Fuji X) possui 605 gramas. Apenas o preço na Europa foi divulgado, 480 euros a partir de meados de setembro.

The post Nova Samyang 50mm f/1.45/5(1) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/nova-samyang-50mm-f1-4/feed/ 0
Por que o horizonte é deslocado da horizontal?4/5(5)http://www.fotografia-dg.com/por-que-o-horizonte-e-deslocado-da-horizontal/ http://www.fotografia-dg.com/por-que-o-horizonte-e-deslocado-da-horizontal/#comments Wed, 27 Aug 2014 17:08:16 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=24367 Por que, muitas vezes, o horizonte é deslocado da horizontal? Alguém, por acaso, inclina a cabeça para visualizar uma pessoa ou uma paisagem? Acredito que não.

The post Por que o horizonte é deslocado da horizontal?4/5(5) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Geometria. Simples assim.

Falar sobre as linhas da fotografia é um assunto muito extenso, não vou entrar nesse assunto agora. Vou tratar daquilo que é elementar: Por que, muitas vezes, o horizonte é deslocado da horizontal?

Alguém, por acaso, inclina a cabeça para visualizar uma pessoa ou uma paisagem? Acredito que não.

Agora, quantas vezes você precisou fazer isso para ver a fotografia de alguém? Acredito que algumas vezes… Eu, pelo menos, tenho feito isso para poder ver a fotografia de alguns fotógrafos na internet.

Deslocado horizonte da horizontal Por que o horizonte é deslocado da horizontal?

Sabe por que isso acontece? É bastante simples… Isso acontece quando alguma linha da foto que deveria estar no horizonte é enquadrada na diagonal.

Linha horizonte direita Por que o horizonte é deslocado da horizontal?

Isso se aplica a paisagens, fotos de retrato e até mesmo decoração. Existe um horizonte que acompanha a disposição dos nossos olhos e esse deslocamento do horizonte pode estragar completamente uma foto. A luz pode estar linda, tudo pode estar perfeito, mas se o horizonte não estiver na horizontal, a pessoa (ou o objeto) fotografada aparentará estar caindo, ainda, a composição da fotografia ficará uma bagunça.

DG 3 Por que o horizonte é deslocado da horizontal?

Basta observar novelas, seriados e os grandes destaques do cinema: Um objeto somente aparecerá na diagonal se ele realmente estiver na diagonal em relação ao horizonte.

Nunca parou pra pensar? Pois pare e verá.

Antes de fotografar, preste atenção nas linhas da composição, elas também falam e direcionam os olhos!

DG 4 Por que o horizonte é deslocado da horizontal?

É normal, às vezes, não conseguir uma composição bacana em determinadas fotos durante eventos, a correria das cenas acontecendo a todo tempo muitas vezes nos surpreendem, mas cometer esse erro em fotos posadas é um caso a se pensar.

Minhas fotos não são perfeitas e não acredito estar perto disso.

Há quem ache artístico ou não vê problema nenhum em fazer fotos desse tipo, então, colegas de profissão, me desculpem!

Talvez eu tenha toc, talvez até labirintite, seja como for, sabe aquela palavrinha “geometria”?

Então… Use-a!

The post Por que o horizonte é deslocado da horizontal?4/5(5) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/por-que-o-horizonte-e-deslocado-da-horizontal/feed/ 4
O que esperar da Fuji X30?http://www.fotografia-dg.com/o-que-esperar-da-fuji-x30/ http://www.fotografia-dg.com/o-que-esperar-da-fuji-x30/#comments Tue, 26 Aug 2014 16:27:54 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=24357 Uma câmera tão aguardada quanto a Fuji X30 poderia ter mais novidades, mas a Fuji foi bem conservadora e optou em manter o que está dando certo

The post O que esperar da Fuji X30? appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Uma câmera tão aguardada quanto a Fuji X30 poderia ter mais novidades, mas a Fuji foi bem conservadora e optou em manter o que está dando certo. Continua sendo a mesma lente com a mesma abertura desde a primeira versão desta câmera, e o sensor e processador são os mesmos da versão anterior. Houve algumas mudanças mas nada que interfira tanto na estrutura da câmera em relação às suas antecessoras.

X30 Color Variation.0.0 standard 640.0 450x299 O que esperar da Fuji X30?

A Fuji X30 é equipada com sensor X-Trans CMOS II de 12MP (2/3 de polegada); sua objetiva com 4x de zoom cobre distância focal entre 28-112mm com abertura f/2.0-2.8 e macro de 1cm; possui estabilização óptica; sensibilidade ISO 100-12800; o tempo de exposição varia entre 1/4000 e 30 segundos; modo contínuo de até 12fps limitado a 18 imagens; o alcance do flash é de até 7 metros e possui sapata para flash externo; faz vídeos Full HD com taxa de 60fps (também estão disponíveis vídeos em 24fps) em formato MOV e som estéreo (possui entrada para microfone externo); seu monitor LCD inclinável mede 3 polegadas e possui viewfinder eletrônico OLED; é alimentada por bateria com capacidade para cerca de 470 fotos.

pic 02 O que esperar da Fuji X30?

Duplo anel de controle

As principais mudanças na Fuji X30 foram a adição de mais um anel de controle, agora são dois ao redor da lente sendo que um deles é dedicado ao zoom e o outro é personalizável; a bateria deu um enorme salto de autonomia em relação aos dois primeiros modelos; conexão wi-fi integrada com possibilidade de georreferenciamento de imagens quando conectado a um dispositivo móvel dotado de GPS; o monitor LCD passa a ser inclinável; os vídeos estão disponíveis também em taxa de 24fps e agora há uma entrada para microfone externo. Também possui modo dedicado a time-lapse e conversor interno de arquivos RAW.

pic 05 O que esperar da Fuji X30?

Promessa de câmera super rápida

A Fuji garante que este modelo possui o autofoco mais rápido (0.06 segundo) comparada a outras câmeras compactas com zoom pesando até 500 gramas. A Fuji X30 estará disponível nas cores preta com detalhes em prata e totalmente preta em meados de setembro ao custo de 600 dólares/480 libras.

The post O que esperar da Fuji X30? appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/o-que-esperar-da-fuji-x30/feed/ 0
Nova Hasselblad H5D-200c MS é anunciada no Instagramhttp://www.fotografia-dg.com/nova-hasselblad-h5d-200c-ms-e-anunciada-instagram/ http://www.fotografia-dg.com/nova-hasselblad-h5d-200c-ms-e-anunciada-instagram/#comments Fri, 22 Aug 2014 20:43:04 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=24324 A Hasselblad H5D-200c MS traz o módulo piezo frame que possibilita o uso da técnica multi-shot que faz 4 ou 6 imagens e as combina em uma única imagem de até 200 megapixels

The post Nova Hasselblad H5D-200c MS é anunciada no Instagram appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
O título da matéria não está errado, a Hasselblad utilizou seu canal no Instagram para anunciar sua nova câmera. A Hasselblad H5D-200c MS traz muitas das especificações do modelo anterior H4D, incluindo o módulo piezo frame que possibilita o uso da técnica multi-shot que faz 4 ou 6 imagens e as combina em uma única imagem de até 200 megapixels. A grande diferença entre as duas câmeras é o sensor CMOS em vez do antigo CCD.

Hasselblad H5D 200c MS 450x260 Nova Hasselblad H5D 200c MS é anunciada no Instagram

Hasselblad H5D-200c MS é equipada com sensor CMOS de 50 megapixels (medindo 43.8×32.9 mm); o tempo de exposição varia entre 1/800 e 12 minutos; sensibilidade ISO 100-6400; modo contínuo de até 1.5fps; possui conexão FireWire 800; utiliza cartões CF do tipo U-DMA para armazenar suas imagens ou direto para um computador via cabo FireWire; seu monitor LCD mede 3 polegadas; e é alimentada por uma bateria com capacidade de 2900mAh.

Não há nenhuma informação oficial sobre os vídeos, apenas que são feitos em alta taxa de frames; e um flash embutido de número-guia 12 em ISO 100 está incluído nos viewfinders HV 90x e HVD 90x. O preço da Hasselblad H5D-200c MS foi estipulado em 30 mil libras, mas ainda não há data de disponibilidade para vendas.

The post Nova Hasselblad H5D-200c MS é anunciada no Instagram appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/nova-hasselblad-h5d-200c-ms-e-anunciada-instagram/feed/ 0
Leica M-P sem o tradicional logo vermelhohttp://www.fotografia-dg.com/leica-m-p-sem-o-tradicional-logo-vermelho/ http://www.fotografia-dg.com/leica-m-p-sem-o-tradicional-logo-vermelho/#comments Fri, 22 Aug 2014 18:44:02 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=24315 Particularmente discreto e duradouro conceito de design, é isso o que quer dizer, segundo a própria Leica, o P da nova Leica M-P.

The post Leica M-P sem o tradicional logo vermelho appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Particularmente discreto e duradouro conceito de design, é isso o que quer dizer, segundo a própria Leica, o P da nova Leica M-P. Muito cuidado para não confundí-la com a Leica MP (a diferença na nomenclatura é apenas a presença do hífen mesmo) que é uma câmera de filme. Sobre a discrição da câmera, o design simples,  tamanho reduzido e o já bastante conhecido obturador silencioso se unem à ausência do tradicional logo vermelho. Tudo para garantir que a câmera seja, também de acordo com a própria fabricante, “visivelmente invisível”.

Leica M P 480x320 450x300 Leica M P sem o tradicional logo vermelho

A Leica M-P é equipada com sensor CMOS Full-frame de 24 megapixels; o tempo de exposição varia entre 1/4000 e 60 segundos, incluindo modo bulb e sincronia de flash a 1/180; sensibilidade ISO 100-6400; modo contínuo de até 3fps; não possui estabilização no corpo; fotografa em RAW; não possui flash; faz vídeos Full HD com taxa de 25fps em formato MOV e som mono; seu monitor LCD mede 3 polegadas e é revestido com cristal de safira contra arranhões, e também há o viewfinder; e á alimentada por uma bateria com capacidade de 1800 mAh.

Uma boa novidade da Leica M-P é a memória buffer de 2gb que prolonga o modo contínuo de 3fps (era de 1gb na Leica M) mesmo na resolução máxima, e também garante um rápido funcionamento. Disponível nas cores prata e preta, foi anunciada nos EUA ao custo de 7950 dólares apenas o corpo, incluindo uma licença original do editor de imagens Adobe Lightroom. Importante ressaltar que o idioma português não está incluído no menu desta câmera, segundo o comunicado oficial da Leica.

The post Leica M-P sem o tradicional logo vermelho appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/leica-m-p-sem-o-tradicional-logo-vermelho/feed/ 0
Conheça os principais tipos de fotografia4.15/5(13)http://www.fotografia-dg.com/conheca-os-principais-tipos-de-fotografia/ http://www.fotografia-dg.com/conheca-os-principais-tipos-de-fotografia/#comments Thu, 21 Aug 2014 11:55:20 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=24251 Seja você é um entusiasta ou fotógrafo profissional, saber diferenciar corretamente os tipos de fotografias praticados no mercado é fundamental.

The post Conheça os principais tipos de fotografia4.15/5(13) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Seja você é um entusiasta ou fotógrafo profissional, saber diferenciar corretamente os tipos de fotografias praticados no mercado é fundamental. É interessante ter em mente que buscar informações sobre quais são as tendências do setor, frequentar workshops, participar de palestras e cursos, vão te tornar bom tanto na teoria quanto na prática. Geralmente, imagina-se que a fotografia se resume a retratos, paisagens ou fotojornalismo mas, na verdade, ela pode se subdividir em muito mais tipos. Como são muitas as dúvidas, confira abaixo as categorias mais trabalhadas no mercado:

- Retrato: é um dos tipos de fotografia mais antigos. Tem como principal objetivo o registro exato do que a pessoa fotografada realmente é, ou, então, da personalidade ou essência do sujeito ou grupo de sujeitos fotografados.

Retrato Conheça os principais tipos de fotografia

Daniel Zanini H.

- Fotografia arquitetônica: ela é perfeita para registrar obras arquitetônicas ou projetos voltados ao designer de interiores. Sofisticada, ela precisa encantar o potencial comprador, a fim de fazê-lo comprar determinada construção residencial, estabelecimento comercial, etc.

Fotografia arquitetônica Conheça os principais tipos de fotografia

magmacs

- Fotografia culinária: sem dúvida, a fotografia culinária é uma das mais prazerosas, uma vez que o fotógrafo precisa ter o dom de capturar uma imagem que transmita sensações agradáveis ao paladar. Restaurantes, bares, lanchonetes, confeitarias, padarias e outros estabelecimentos comerciais podem contratar esse tipo de serviço.

Fotografia culinária Conheça os principais tipos de fotografia

John Schilling

- Fotografia erótica: a fotografia erótica precisa contar com fotógrafos sérios, comprometidos e que não sejam invasivos. Aqui, o respeito e a discrição são itens essenciais, caso contrário, o trabalho não será realizado com qualidade. Vale lembrar que a fotografia erótica nada tem a ver com pornografia.

Fotografia erótica Conheça os principais tipos de fotografia

Rodrigo Velásquez

- Fotografia de ação: um bom fotógrafo de ação precisa ter a capacidade de antecipar o movimento que pretende captar, visto que o personagem estará se movimentando no momento do disparo da máquina fotográfica. Um exemplo disso é a fotografia esportiva. Ela abrange todos os tipos de esportes e requer a presença de um profissional ágil e que entenda muito bem sobre a modalidade esportiva que pretende registrar.

Fotografia de ação Conheça os principais tipos de fotografia

Tamaris Fontanella

- Fotografia infantil: é um estilo bastante requisitado nos últimos anos, pois os pais sentem prazer em registrar desde a gravidez até a adolescência dos seus filhos. Não é nada fácil fotografar os pequeninos, já que é primordial ter paciência, carinho e cuidado para se fazer os cliques.

Fotografia infantil Conheça os principais tipos de fotografia

Sara Musicò

- Fotografia de moda: é a fotografia que abastece catálogos e revistas de moda. Registrar as tendências da próxima estação é algo que encanta homens e mulheres. Basicamente, essa modalidade caminha lado a lado com a fotografia publicitária, por isso, o profissional deve ter foco para eternizar o que o cliente deseja, mas sem apelação. A realização desse trabalho é feita, geralmente, em estúdio, envolvendo modelos e fotógrafos de destaque com conceitos artísticos que podem chegar a ser surreais.

Fotografia de moda Conheça os principais tipos de fotografia

Renata Salles

- Fotografia publicitária: usada em diversas mídias, a fotografia publicitária deve vender uma ideia ou produto. Ela precisa convidar o consumidor a experimentar um produto ou contratar algum tipo de serviço. É uma das mais difíceis de praticar, pois é essencial se manter antenado e em alta no mercado. Em sua maioria, essas fotos passam por uma série de tratamentos em programas de edição de imagens.

Fotografia publicitária Conheça os principais tipos de fotografia

mirwav

- Macrofotografia: conhecida também pelo nome de macro, este tipo consiste em tirar fotos de perto, ou seja, focado nos detalhes do objeto ou sujeito captado. Usualmente são feitas com insetos, texturas, flores, etc.

Macrofotografia Conheça os principais tipos de fotografia

Andrea

- Fotojornalismo: o fotojornalismo deve ser capaz de transmitir informações de eventos ou fatos importantes com detalhes singulares e que até mesmo dispensem legendas. O olhar do fotógrafo precisa ser cuidadoso e objetivo, pois, para conseguir as melhores imagens, o profissional tem de garantir que suas fotos mantenham a integridade da cena original, ou seja, sem qualquer tipo de manipulação.

Fotojornalismo Conheça os principais tipos de fotografia

Higor de Padua Vieira Neto

- Fotografia documental:fotografia documental conta histórias com imagens. Essa categoria diferencia-se do fotojornalismo no sentido em que o fotojornalismo documenta apenas uma cena ou momento particular enquanto o documentário conta uma história e qualquer tema é um bom tópico para o fotodocumentário. Contudo, tal como acontece com o fotojornalismo, neste tipo também não pode haver manipulação.

Fotografia documental Conheça os principais tipos de fotografia

Allen Ferraz Lins

Além dos modelos citados acima, a fotografia industrial, científica, abstrata, médica, subaquática, aérea, de glamour, fotopaisagismo e outros estilos são considerados fotografias profissionais. Porém, a pessoa interessada em trabahar com um desses tipos deverá buscar a especialização correta e nunca ter preguiça de obter mais conhecimento sobre o assunto.

Dica:

Os três formatos mais comuns de fotografia são: JPEG, TIFF e RAW.

The post Conheça os principais tipos de fotografia4.15/5(13) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/conheca-os-principais-tipos-de-fotografia/feed/ 4
Tente resistir ao desconto de 55% no combo do Photoshop CC para Fotógrafoshttp://www.fotografia-dg.com/tente-resistir-ao-desconto-de-55-combo-photoshop-cc-para-fotografos/ http://www.fotografia-dg.com/tente-resistir-ao-desconto-de-55-combo-photoshop-cc-para-fotografos/#comments Wed, 20 Aug 2014 09:49:28 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=24167 Este combo possui quatro cursos que irão ajudar você em todas as etapas de um desenvolvimento rápido e com extrema qualidade em seus projetos profissionais.

The post Tente resistir ao desconto de 55% no combo do Photoshop CC para Fotógrafos appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Olá amigos do Fotografia-DG. Gostaria de compartilhar com vocês um desconto de 55% no combo do Photoshop CC para Fotografos.

Este combo possui quatro cursos que irão ajudar você em todas as etapas de um desenvolvimento rápido e com extrema qualidade em seus projetos profissionais.

Os cursos foram desenvolvidos para o fotógrafo iniciante ou o mais experiente onde tudo é abordado com uma linguagem rápida e prática para justamente permitir que você coloque em prática tudo que foi ensinado. Nosso objetivo é que você tenha um fluxo de velocidade extremamente poderoso e com qualidade através deste combo.

Aproveite agora o desconto de 55%. Este combo custa R$ 316,00 e você poderá adquirir agora por apenas R$ R$ 142,20 + Frete Grátis para todo o Brasil.

Aproveite esta promoção, pois estamos disponibilizando apenas 15 combos com este desconto. Você não vai querer perder o seu, vai?

COMPRE AGORA ANTES QUE SEJA TARDE DEMAIS, CLIQUE AQUI.

The post Tente resistir ao desconto de 55% no combo do Photoshop CC para Fotógrafos appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/tente-resistir-ao-desconto-de-55-combo-photoshop-cc-para-fotografos/feed/ 0
João Guedes – Dono de uma sensibilidade única4.81/5(27)http://www.fotografia-dg.com/joao-guedes-dono-de-uma-sensibilidade-unica/ http://www.fotografia-dg.com/joao-guedes-dono-de-uma-sensibilidade-unica/#comments Tue, 19 Aug 2014 18:49:52 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=24150 João Guedes, fotógrafo do Paraná, dono de uma sensibilidade única, criador do projeto Diários, que retrata mulheres em sua intimidade.

The post João Guedes – Dono de uma sensibilidade única4.81/5(27) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
João Guedes, fotógrafo do Paraná, dono de uma sensibilidade única, criador do projeto Diários, que retrata mulheres em sua intimidade. Conversamos com ele para saber um pouco mais do seu trabalho:

Quem é João Guedes?

Sou fotógrafo, tenho 36 anos e no momento vivo em Londrina-PR. Além da fotografia, a música e o cinema são minhas duas outras grandes paixões. Também curto muito viajar e não consigo ficar muito tempo no mesmo lugar, estou sempre me mudando. Adoro trocar idéias… e falo muito mesmo, sobre tudo, o tempo todo, rs.

joao4 João Guedes   Dono de uma sensibilidade única

Como e quando começou a fotografar? E por que escolheu essa área?

Comecei a fotografar em 1998 um pouco antes de entrar no curso de marketing e propaganda na universidade. Sempre gostei muito de fotografia, especialmente por causa da minha paixão por cinema. Mas diferente do cinema, a fotografia me atraía por sua capacidade incrível de capturar momentos únicos e de contar grandes histórias uma imagem. Em 2006 comecei a trabalhar profissionalmente como fotógrafo publicitário e nos últimos dois anos passei a me dedicar mais à fotografia de retratos.

MG 0754 João Guedes   Dono de uma sensibilidade única

Se pudesse definir o projeto Diários em uma só palavra, qual seria?

Acho que seria Intimidade.

Algo presente e muito forte no projeto Diários é o clima de intimidade e ao mesmo tempo naturalidade. Como se dá o processo pra extrair isso?

A beleza feminina é naturalmente sensual, e está presente não somente nas suas formas, mas em gestos simples como mexer no cabelo, na forma como se senta, ou como arruma a lingerie. Não acredito que seja necessário transforma-la, basta apenas permiti-la mostrar-se como realmente é.  Acredito que a forma como planejo o ensaio, desde as reuniões à escolha de locação e figurino, colabore com o clima íntimo das imagens.  Isso não só gera a expectativa correta na modelo, como também me permite conhecê-la melhor para que a direção seja feita de forma natural.

Durante o ensaio gosto de fotografar à uma certa distância, como se estivesse entrando na sua intimidade sem ser percebido. As locações também tem um papel muito importante. Gosto de ambientes reais, vivos e que possuam boa iluminação natural que possa ser controlada e usada de forma mais pontual. Dessa maneira consigo valorizar a beleza nas formas com simplicidade.

MG 0887 400x200 João Guedes   Dono de uma sensibilidade única MG 0967 400x200 João Guedes   Dono de uma sensibilidade única

Falando nesse primeiro contato, como ele é feito? Você acha importante e possível encontrar a modelo pessoalmente antes ou apenas uma conversa virtual já é o suficiente? E até que ponto esse processo de antes do ensaio influencia no durante?

Para mim esse processo é essencial pois me ajuda a definir a direção artística do ensaio. A escolha da locação, do figurino, da maquiagem, e até o teor sensual do ensaio é definido à partir desse primeiro contato. Normalmente, se possível, marcamos uma reunião, pois prefiro conhecer a modelo pessoalmente para saber quais são suas expectativas, o que ele fica confortável em expor e também para falar um pouco da forma como trabalho, como é minha direção e quais são as minhas expectativas.

Se você tivesse que escolher um estilo somente de foto pra fazer o restante da vida, qual seria e por que?

Não sei se poderia escolher um estilo de fotografia específico para fotografar o resto da vida. Posso dizer que gostaria de fazer retratos enquanto for possível. Gosto muito de retratos femininos, mas também me sinto atraído pela espontaneidade da fotografia de lifestyle e pela profundidade na narrativa da fotografia documental. Ainda não tive a chance de experimentar em muitas áreas da fotografia, mas me sinto muito realizado em fotografar os ensaios do Diários e com certeza me vejo fotografando pelo resto da minha vida.

MG 3618 400x200 João Guedes   Dono de uma sensibilidade única MG 3751 400x200 João Guedes   Dono de uma sensibilidade única

O que mais te inspira?

Me inspiro em tudo, nos lugares onde vivi, nas pessoas que conheci, nas músicas que ouvi minha vida inteira, nos filmes que assisto, nos fotógrafos com quem já trabalhei, em galerias do Instagram, em grandes fotógrafos e em fotógrafos não tão famosos.

Nas tuas fotos, há mais de você ou das pessoas que retrata?

Com certeza há muito dos dois. Tento sempre retratar a essência verdadeira da pessoa que fotografo. Esse é o ponto de partida de todo ensaio. Por outro lado há muito de mim, ou melhor, do meu olhar, da forma que eu enxergo a pessoa retratada.

MG 4129 João Guedes   Dono de uma sensibilidade única

Qual seria seu maior sonho dentro da fotografia?

Fotografar o que gosto e poder viver disso o resto da minha vida.

Se tivesse um patrocínio para o projeto Diários, onde usaria esse apoio?

Usaria em primeiro lugar para pagar os custos de produção dos ensaios, em especial as pessoas envolvidas diretamente com o projeto, como modelo, produtora, maquiadora e assistente. Em segundo lugar gostaria de ter recursos para poder viajar, fazer o “scouting” das locações e fotografar em diferentes cidades e países. Usaria esses recursos também para produção de material como exposições e possivelmente um livro sobre o projeto.

MG 6227 400x200 João Guedes   Dono de uma sensibilidade única MG 9728 400x200 João Guedes   Dono de uma sensibilidade única

Quais são suas maiores referências visuais dentro da fotografia?

Acho que como todos, me inspiro nos trabalhos de grandes fotógrafos como Yousuf Karsh, Mary Ellen Park, Patrick Demarchelier, Annie Leibovitz, Alex Webb, mas também me inspiro em fotógrafos da minha geração como Hannes Caspar, Asher Moss e Fer Juaristi.

E por fim, qual recado que queria deixar para os leitores do Fotografia-DG. Dicas para quem se identifica com teu estilo, ou somente algumas considerações finais.

Eu diria para que se descubram como fotógrafos, fotografem aquilo que realmente amem fotografar – esse processo às vezes leva tempo e muitos erros e acertos – e não façam primeiramente pelo retorno financeiro ou pelo reconhecimento, pois eles serão naturalmente o resultado do esforço da fotografia feita genuinamente.

MG 9843 400x200 João Guedes   Dono de uma sensibilidade única joao1 400x200 João Guedes   Dono de uma sensibilidade única joao2 400x200 João Guedes   Dono de uma sensibilidade única

The post João Guedes – Dono de uma sensibilidade única4.81/5(27) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/joao-guedes-dono-de-uma-sensibilidade-unica/feed/ 2
A pequena grande Sony A51005/5(1)http://www.fotografia-dg.com/pequena-grande-sony-a5100/ http://www.fotografia-dg.com/pequena-grande-sony-a5100/#comments Mon, 18 Aug 2014 17:24:33 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=24103 A nova Sony A5100 é a menor câmera mirrorless dotada de sensorAPS-C e possui um autofoco por detecção de fase muito rápido, com 179 pontos

The post A pequena grande Sony A51005/5(1) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Após o fim do uso do nome NEX, a Sony segue reorganizando a sua linha de câmeras mirrorless com a nova Sony A5100 que é, segundo a fabricante, a menor câmera mirrorless dotada de sensorAPS-C. A promessa da fabricante é de um autofoco por detecção de fase muito rápido, com 179 pontos, e outro grande atrativo é seu monitor touchscreen permite focagem e disparo por toque.

sony A5100 04 A pequena grande Sony A5100

 A Sony A5100 é equipada com sensor CMOS de 24.3 megapixels (APS-C com 24.7 MP de resolução total); possui 25 pontos de autofoco por detecção de contraste (179 pontos por detecção de fase); o tempo de exposição varia entre 1/4000 e 30 segundos; sensibilidade ISO 100-25600; modo contínuo de até 6fps; não possui estabilização no corpo; fotografa em RAW; possui conectividade wi-fi e NFC; o alcance do flash é de até 4 metros em ISO 100; faz vídeos Full HD com taxa de 60fps em formato XAVC S e som estéreo; seu monitor LCD inclinável em 180° graus é sensível a toque e mede 3 polegadas; e á alimentada por uma bateria com capacidade para cerca de 400 fotos por carga.

A Sony A5100 estará disponível a partir de meados do próximo mês de setembro nas cores branca e preta ao custo de 550 dólares/420 libras o corpo; 700 dólares/550 libras o kit com objetiva 16-50mm f/3.5-5.6; e 760 libras o kit contendo mais uma objetiva além do kit anterior (a 55-210mm f/4.5-6.3), e este kit com duas objetivas foi anunciado apenas no Reino Unido, por enquanto.

The post A pequena grande Sony A51005/5(1) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/pequena-grande-sony-a5100/feed/ 0
Fotografia é arte ou não?4.5/5(14)http://www.fotografia-dg.com/fotografia-e-arte-ou-nao/ http://www.fotografia-dg.com/fotografia-e-arte-ou-nao/#comments Fri, 15 Aug 2014 13:43:49 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=24028 Quando se vê uma foto do mestre Henry Cartier Bresson, falamos: “que obra de arte!!!” E quando vemos uma foto de Richard Avedon, que revolucionou a fotografia de moda, exclamamos: “nossa, que foto maravilhosa!!!”

The post Fotografia é arte ou não?4.5/5(14) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Quando se vê uma foto do mestre Henry Cartier Bresson, falamos: “que obra de arte!!!” E quando vemos uma foto de Richard Avedon, que revolucionou a fotografia de moda, exclamamos: “nossa, que foto maravilhosa!!!”

Ambos fotógrafos são craques no que fazem e seus trabalhos resultam em imagens emblemáticas, impactantes, originais, bem compostas e, principalmente, comunicam um conceito, uma intenção. Mas são resultados de demandas diferentes.

Fotografia é arte ou não Fotografia é arte ou não?

Trabalhando diariamente com marketing e publicidade por quase 30 anos, falo muitas vezes para meus colaboradores: “aqui a gente realiza demandas de criação, não é arte… Quer fazer arte, vai para casa pintar um quadro, ou compor uma música”.

Por que isso? Assim como na publicidade, onde se usa o conhecimento artístico para realizar peças de criação, na fotografia também se usa elementos da arte, principalmente da pintura. Mas existe uma diferença que deve ser considerada: a demanda. O desejo e a necessidade de expressar vieram de onde?

Vou tentar explicar. Você pega sua câmera e sai por aí, sem compromisso, para uma praia e “senta o dedo”, ou melhor, fotografa tudo que vê: água, ar, terra, sol e pessoas. E vai experimentando, testando, errando. No fim, em casa, você faz uma edição. Das 600 imagens, você tira de cara 500, ficando com 100 para olhar melhor. Das 100, você realmente gostou de 10 e resolve editar cinco que realmente te chamaram a atenção e se destacam. Fotos realmente belas que todos que as veem ficam impressionados e falam que são obras de arte. Ora, ouvir isto não tem preço. É o reconhecimento de um trabalho que realiza e te traz felicidade. E esta felicidade vem porque foi um trabalho essencialmente feito por sua vontade, pelo seu desejo. Não foi ninguém que mandou, ou te contratou para isso.

Agora, quando você é contratado para fazer um serviço, seja ele qual for a sua liberdade é relativa. E a “arte’’, então, não existe. O que há é uma demanda externa aos seus desejos, e mesmo que você imprima um estilo pessoal, que é muito importante, não será um trabalho que você tenha toda a liberdade de um trabalho artístico autoral. Você pode usar toda a capacidade criativa inspirada por grandes artistas, mas não pode deixar de registrar aquilo para o qual você foi contratado por achar que não ficaria bom. “Não fiz a foto do beijo, pois acho que é muito piegas…” Bem, pode procurar outra profissão.

A diferença entre a fotografia de arte e a comercial não está no envolvimento de uma relação com dinheiro, pois a arte também “dá grana”. Mas, sim, na liberdade de poder fazer o que o teu sentimento pede e correr o risco de ser bom ou não. Na fotografia comercial você não pode ser ruim…

The post Fotografia é arte ou não?4.5/5(14) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/fotografia-e-arte-ou-nao/feed/ 8
Nova Mitakon 50mm f/0.95 Prohttp://www.fotografia-dg.com/nova-mitakon-50mm-f0-95-pro/ http://www.fotografia-dg.com/nova-mitakon-50mm-f0-95-pro/#comments Tue, 12 Aug 2014 19:16:43 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23994 A MXcamera anunciou uma versão Pro da já existente Mitakon 50mm f/0.95 chamada "The Dark Knight" para o sistema mirrorless Full-frame da Sony

The post Nova Mitakon 50mm f/0.95 Pro appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
A MXcamera anunciou uma versão Pro da já existente Mitakon 50mm f/0.95 chamada “The Dark Knight” com poucas mudanças em relação ao modelo anterior como um novo revestimento antirreflexo e um novo parassol. A objetiva está disponível, por enquanto, para o sistema mirrorless Full-frame da Sony mas espera-se que os sistemas Fuji X e Micro 4/3 sejam também contemplados em breve.

thedarkknight 550x236 450x193 Nova Mitakon 50mm f/0.95 Pro

A Mitakon 50mm f/0.95 Pro possui abertura mínima f/16; sua construção interna possui 10 elementos (sendo 4 especiais de extra-baixa dispersão e um de ultra-alta refração) em 7 grupos; não possui estabilização; diafragma de 9 lâminas; distância mínima de foco de 50cm; diâmetro do filtro de 58mm; mede aproximadamente 6.8×8.7cm e pesa cerca de 720 gramas.

Esta objetiva possui apenas foco manual e foi desenvolvida para as mirrorless Full-frame da Sony, a família A7, mas pode ser usada normalmente nas mirrorless com sensor APS-C do sistema NEX (agora chamado α) com distância focal equivalente a 75mm. A Mitakon 50mm f/0.95 Pro está em falta em vários lugares do mundo, mas nos EUA está disponível por 900 dólares.

The post Nova Mitakon 50mm f/0.95 Pro appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/nova-mitakon-50mm-f0-95-pro/feed/ 0
Flash Metz 64 AF-1 para vários sistemashttp://www.fotografia-dg.com/flash-metz-64-af-1-para-varios-sistemas/ http://www.fotografia-dg.com/flash-metz-64-af-1-para-varios-sistemas/#comments Mon, 11 Aug 2014 20:57:29 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23973 A unidade de flash externo Metz 64 AF-1, que é o top de linha da marca alemã, já estava disponível para Canon e Nikon e estarão disponíveis também para Micro 4/3 (Olympus/Panasonic/Leica), Pentax e Sony

The post Flash Metz 64 AF-1 para vários sistemas appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
A unidade de flash externo Metz 64 AF-1, que é o top de linha da marca alemã, já estava disponível para Canon e Nikon no mês de julho e após a Photokina 2014 estarão disponíveis também para Micro 4/3 (Olympus/Panasonic/Leica), Pentax e Sony. Com a missão de substituir o bem-sucedido 58 AF-2, o novo produto conta com a inovação do modelo anterior que é o flash secundário e traz uma nova tela LCD maior, sensível a toque, com gráficos coloridos, e rotação automática em 90º.

64 af 1 413x400 Flash Metz 64 AF 1 para vários sistemas

O Metz 64 AF-1 possui número-guia 64 em ISO 100 (na posição 200 mm) ou 43 (na posição 50 mm); cabeça inclinável de -9 a 90º na vertical e em até 300º na horizontal; zoom motorizado entre 24-200mm; modo automático com 12 f-stops; modo manual com 25 níveis; modo strobe; sincronização em alta velocidade e em 1ª e 2ª cortinas; é alimentada por 4 pilhas AA; possui entrada mini-USB para atualização de firmware; e possui base de metal (exceto na versão Sony onde a sapata é invertida) com travamento rápido.

As versões para Canon e Nikon já são comercializadas a 450 dólares/430 euros e a promessa é que daqui a uma ou duas semanas as lojas na Europa e EUA já contem com as versões para Micro 4/3, Pentax e Sony.

The post Flash Metz 64 AF-1 para vários sistemas appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/flash-metz-64-af-1-para-varios-sistemas/feed/ 0
Objetiva Pentax 28-45mm para médio-formatohttp://www.fotografia-dg.com/objetiva-pentax-28-45mm-para-medio-formato/ http://www.fotografia-dg.com/objetiva-pentax-28-45mm-para-medio-formato/#comments Fri, 08 Aug 2014 14:56:27 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23939 A Pentax 28-45mm para médio-formato é a primeira objetiva zoom da Pentax a contar com sistema de estabilização de imagem

The post Objetiva Pentax 28-45mm para médio-formato appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
A Ricoh segue ampliando a série de objetivas Pentax à prova d’água, agora com a HD PENTAX DA 645 28-45mm F4.5 ED AW SR desenvolvida para as câmeras de médio-formato do sistema Pentax 645. Esta é a primeira objetiva zoom da Pentax a contar com sistema de estabilização de imagem, antes dela apenas a HD PENTAX D FA 645 MACRO 90mm F2.8 ED AW SR possuía este atributo.

Pentax 28 45 450x337 Objetiva Pentax 28 45mm para médio formato

A Pentax 28-45mm F4.5 ED AW SR (equivalente a 22-35.5mm) possui abertura mínima f/32; diafragma circular de 9 lâminas; sua construção interna possui 17 elementos (incluindo 2 elementos asféricos) em 12 grupos; estabilização óptica de 3.5 pontos; distância mínima de foco de 40cm; diâmetro do filtro de 82mm; mede aproximadamente 9.9×15.1cm e pesa cerca de 1470 gramas (1530 gramas com o parassol). Seu preço atual é de 3400 libras/5000 dólares.

A corpo da objetiva Pentax 28-45mm possui 11 pontos de selamento contra poeira e respingos e seu conjunto óptico conta com dois elementos asféricos de alta performance, dois elementos de extra-baixa dispersão, múltiplas camadas de revestimento antirreflexo e o exclusivo revestimento chamado aero bright que utiliza aerogel de sílica, tudo para garantir o máximo de nitidez sem distorções. A Pentax 28-45mm já encontra-se em pré-venda na loja oficial da Pentax.

The post Objetiva Pentax 28-45mm para médio-formato appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/objetiva-pentax-28-45mm-para-medio-formato/feed/ 0
FotoRio 2014http://www.fotografia-dg.com/fotorio-2014/ http://www.fotografia-dg.com/fotorio-2014/#comments Thu, 07 Aug 2014 22:23:19 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23929 Começou no último dia 30 de julho e vai até 5 de setembro o FotoRio 2014que já está em sua sétima edição e conta com 22 eventos gratuitos

The post FotoRio 2014 appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Começou no último dia 30 de julho e vai até 5 de setembro o FotoRio 2014, um dos poucos eventos de fotografia que acontecem na chamada “cidade maravilhosa”. O evento, que já está em sua sétima edição e  é espalhado por diversos pontos da cidade, conta com fotógrafos do mundo todo e até o ano passado era bienal ocorrendo sempre nos anos ímpares desde o ano de 2003, a partir de 2014 passa a ser anual.

FotoRio 2014 450x449 FotoRio 2014

O coordenador geral do evento, Milton Guran, diz: “O FotoRio é um movimento de fotógrafos que atua como agente aglutinador, estimulando a exposição e discussão de trabalhos históricos e contemporâneos da fotografia brasileira e internacional. Coloca-se como um espaço de promoção de cultura visual que contribui para resgatar o papel da cidade do Rio de Janeiro como uma referência maior da fotografia no continente.”

Apesar de o Rio de Janeiro ser uma cidade contemplada com pouquíssimo eventos relacionados a fotografia, o FotoRio consolidou-se como o maior e mais significativo evento de fotografia no Brasil e promove discussões sobre os novos caminhos da fotografia contemporânea brasileira e internacional. O evento foi inaugurado com as exposições Atman, de João Penoni, e Suave, de Luiza Baldan. Ao todo são 22 eventos gratuitos entre exposições, projeções, palestras, debates e oficinas em museus, centros culturais e espaços alternativos e a agenda completa está aqui: http://www.fotorio.fot.br/pt_br/imprensa.

 

The post FotoRio 2014 appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/fotorio-2014/feed/ 0
Atualização de firmware da PocketWizardhttp://www.fotografia-dg.com/atualizacao-de-firmware-da-pocketwizard/ http://www.fotografia-dg.com/atualizacao-de-firmware-da-pocketwizard/#comments Thu, 07 Aug 2014 15:24:16 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23921 A PocketWizard disponibilizou em seu site uma atualização de firmware que torna seus dispositivos compatíveis com todas as câmeras DSLR atuais Canon e Nikon

The post Atualização de firmware da PocketWizard appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Via DPReview

Uma das mais importantes fabricantes de radioflash, a PocketWizard, disponibilizou em seu site uma atualização de firmware que agora permite que os seus dispositivos MiniTT1 (transmissor) e FlexTT5 (receptor) funcionem plenamente em todas as câmeras DSLR atuais das marcas Canon e Nikon. Para isso é necessário instalar o programa PocketWizard Utility neste link que também contém todas as instruções para o procedimento correto. Inclusive, agora o Windows 8 é totalmente compatível com o PocketWizard Utility.

PocketWizard MiniTTL 450x301 Atualização de firmware da PocketWizard

O firmware 3.700 contempla as seguintes câmeras Nikon:

  • D3300
  • D5200
  • D5300
  • D7100
  • D610
  • Df
  • D800
  • D4S

Aqui está uma lista com todas as câmeras DSLR Nikon compatíveis: http://wiki.pocketwizard.com/index.php?title=Nikon_Compatibility

O firmware 6.700 contempla as seguintes câmeras Canon:

  • SL1/100D
  • T5/1200D
  • T4i/650D*
  • T5i/700D
  • 70D
  • 6D*
  • 1D X*

Aqui está uma lista com todas as câmeras DSLR Canon compatíveis: http://wiki.pocketwizard.com/index.php?title=Canon_Compatibility

*As câmeras Canon T4i/650D, 6D e 1D X agora possuem compatibilidade TTL com os dispositivos PocketWizard

 

The post Atualização de firmware da PocketWizard appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/atualizacao-de-firmware-da-pocketwizard/feed/ 0
Uma analise filosófica sobre a fotografia e sua função de eternizar momentoshttp://www.fotografia-dg.com/uma-analise-filosofica-sobre-fotografia-e-sua-funcao-de-eternizar-momentos/ http://www.fotografia-dg.com/uma-analise-filosofica-sobre-fotografia-e-sua-funcao-de-eternizar-momentos/#comments Thu, 07 Aug 2014 14:06:43 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23619 Françoise Choay explana muito bem com sua definição de união da fotografia com nossa identidade tanto pessoal quanto coletiva: “[…] a fotografia é uma forma de monumento da sociedade privada, que permite a cada um obter em segredo o regresso dos mortos, privados ou públicos, que fundam a sua identidade”.

The post Uma analise filosófica sobre a fotografia e sua função de eternizar momentos appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Françoise Choay explana muito bem com sua definição de união da fotografia com nossa identidade tanto pessoal quanto coletiva: “[…] a fotografia é uma forma de monumento da sociedade privada, que permite a cada um obter em segredo o regresso dos mortos, privados ou públicos, que fundam a sua identidade”. Ou seja, a fotografia concebe uma ideia enquanto uma imagem congelada no tempo em que foi produzida, e desta forma é de um valor patrimonial incontável.

shutterstock 51658219 Uma analise filosófica sobre a fotografia e sua função de eternizar momentos

Passa pelo imaginário comum que a representação do tempo e espaço na fotografia é exterior à mesma, de forma que nunca estaria em um pedaço de papel, que a linha temporal ali presente nada seria além da captura de um instante. Seria o congelamento daquele momento, uma quebra na linha cronológica da vida da pessoa ou objeto ali gravado. Algo sem vida, só a lembrança de um passado, sem emoções e sem sonhos.

Porém, algo mais se passa naquele instante quando o obturador é disparado: uma experiência é congelada. Mauricio Lissovsky delineia que “o que é congelado é o espaço e não o tempo: ele ali continua latejando, pulsando e produzindo experiências”. Sob essa ótica, devemos mudar a maneira como notamos uma fotografia, pois, embora as emoções ainda se façam presentes, é provável que aquele bem tenha sofrido alterações temporais ou depreciativas, e não obstante não represente mais aquele determinado passado em que foi assentado – pois até mesmo os olhares que incidem naquela fotografia podem estar imbuídos de concepções diversas, modificando, portanto, um curso histórico e criando a cada momento uma trajetória singular, importa num fato social registrado e resguardado para as gerações futuras.

shutterstock 97057961 Uma analise filosófica sobre a fotografia e sua função de eternizar momentos

Talvez, ao contrário do senso comum, a maior diferença sentida seja em fotografias de patrimônios, em fotos antigas da cidade ou em prédios e monumentos. Afinal, o patrimônio visto em registro de um século atrás carrega uma carga emocional muito mais forte do que aquele visto pessoalmente nos dias atuais. Podemos estabelecer um paralelo com o futuro, de forma que um registro hodierno, observado em um século ou dois, busque a possibilidade de que um indivíduo o note como visto atualmente, independente da forma como seja feita a conservação do mesmo.

shutterstock 189779105 Uma analise filosófica sobre a fotografia e sua função de eternizar momentos

Fonte das Imagens: shutterstock.com

The post Uma analise filosófica sobre a fotografia e sua função de eternizar momentos appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/uma-analise-filosofica-sobre-fotografia-e-sua-funcao-de-eternizar-momentos/feed/ 0
Tradicional concurso de fotografia dos postos ALE tem nova proposta5/5(1)http://www.fotografia-dg.com/tradicional-concurso-de-fotografia-dos-postos-ale-tem-nova-proposta/ http://www.fotografia-dg.com/tradicional-concurso-de-fotografia-dos-postos-ale-tem-nova-proposta/#comments Wed, 06 Aug 2014 19:17:51 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23717 São quatro categorias inéditas; câmeras profissionais, gadgets para fotógrafos, celulares e iPad estão entre os prêmios desta edição.

The post Tradicional concurso de fotografia dos postos ALE tem nova proposta5/5(1) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
São quatro categorias inéditas; câmeras profissionais, gadgets para fotógrafos, celulares e iPad estão entre os prêmios desta edição. 

Os postos ALE renovam o tradicional Concurso de Fotografia, neste ano a quinta edição traz novas categorias com foco em buscar melhorias para o mundo que nos cerca. São esperadas fotografias que tragam olhares críticos sobre o mundo e inspirem novas atitudes para o futuro. O tradicional concurso já é uma das iniciativas de maior sucesso da companhia – quarta maior distribuidora de combustíveis do país –, e será realizado de 28 de julho a 17 de setembro com o tema “Clique o Futuro”. As inscrições podem ser feitas no hotsite (www.cliqueofuturo.com.br) e o resultado sai a partir de 30 de outubro.

Concurso de Fotografia Publieditorial Tradicional concurso de fotografia dos postos ALE tem nova proposta

As novas categorias seguem o mote do concurso e abrangem diversas situações do cotidiano que merecem reflexão: “Mobilidade” (fotos que retratem maneiras inteligentes e criativas de ir do ponto A até o ponto B, sejam em grandes centros ou em pequenos lugares), “Espaços Urbanos” (que vai receber imagens de lugares que têm se renovado para proporcionar uma vida coletiva melhor e que isso inspire o futuro), “Arte e Cultura” (categoria em que as pessoas podem cadastrar fotos relacionadas à mistura de arte, cultura e modernidade), “Solidariedade” (que pretende inspirar atitudes solidárias por meio de fotografias que mostrem o bem sendo feito ao próximo) e “Instagram” (uma das categorias de maior sucesso das edições anteriores, permite que os participantes inscrevam fotos criativas compartilhadas por meio do aplicativo).

Rejayne Nerdy, gerente de Marketing e Comunicação da ALE destaca que a mudança no concurso é um reflexo do DNA da companhia que busca sempre inovar no mercado. “Neste ano, é necessário que o participante não tenha apenas um bom senso fotográfico, mas um olhar crítico para entender as necessidades do mundo a nossa volta. Nossa expectativa é de que esta edição do concurso revele cenas de um mundo que é guiado pela gentileza e alegria das pessoas para que possamos, juntos, construir um futuro melhor”, explica.

Edição anterior recebeu cerca de 22 mil fotos

A edição do ano passado foi um sucesso: o concurso teve 13.348 participantes e 21,8 mil fotos inscritas: 34% e 45% a mais, respectivamente, do que o registrado em 2012.

Inscrições

Para se inscrever o participante deve permitir que o hotsite do concurso conecte-se com sua conta no Facebook, além de registar alguns dados (CPF, telefone e e-mail). Serão aceitas no máximo 12 imagens de sua autoria. Na categoria “Instagram” é preciso ter um perfil público no aplicativo. Qualquer fotógrafo amador, maior de 18 anos, está convidado a participar. O regulamento completo está disponível no hotsite do concurso.

“Nós sempre optamos pelo cadastro vinculado ao Facebook, pois, por meio da rede social, os participantes podem compartilhar suas imagens com os amigos, além de publicar comentários em qualquer foto e também no seu mural. Esse recurso é uma excelente para  disseminar a informação entre as pessoas”, declara Rejayne Nardy.

Prêmios e Comissão Julgadora

A comissão julgadora é formada por profissionais da área que vão determinar os vencedores. São eles:

O fotógrafo e videomaker Túlio Vidal, especialista em fotografia still e de retratos em estúdio. Túlio já fotografou grandes nomes do mundo da moda, como a top model Izabel Goulart, e produz um trabalho artístico marcado pelas cenas urbanas da cidade de São Paulo.

O também fotógrafo profissional Marcos Muniz. As imagens produzidas por ele são pautadas por temas sociais, religiosos, de resistência urbana e de extremos culturais no Brasil e pelo mundo.

A jornalista Bruna Queiroga. Pesquisadora de fotografia contemporânea, Bruna também realiza trabalhos fotográficos e videodocumentários independentes, além de ter realizado, recentemente, a curadoria da exposição “La Patria Puede Contar Conmigo”, da fotógrafa Daniella Origuela no Museu de Arte Contemporânea de Mato Grosso do Sul.

Cada categoria terá um vencedor,  além de um grande vencedor geral. Para a imagem vencedora da categoria “Mobilidade”, o prêmio será um Air Drone Parrot (drone com câmera embutida) + um iPad Mini 16GB. Na categoria “Espaços Urbanos”, o vencedor ganhará o acessório GigaPan Epic 100, que permite aos fotógrafos automatizar imagens panorâmicas. Já o vencedor na categoria “Arte e Cultura” levará para casa uma câmera Lytro First Generation de 16GB. Na categoria “Solidariedade”, o prêmio para o vencedor será uma câmera Canon EOS Rebel T3 e o ganhador no “Instagram” receberá um celular Nokia Lumia 1020.   Para o contemplado com o primeiro lugar geral, um tablet Microsoft Surface e uma impressora 3D serão os prêmios especiais.

The post Tradicional concurso de fotografia dos postos ALE tem nova proposta5/5(1) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/tradicional-concurso-de-fotografia-dos-postos-ale-tem-nova-proposta/feed/ 0
Difusor BounceLitehttp://www.fotografia-dg.com/difusor-bouncelite/ http://www.fotografia-dg.com/difusor-bouncelite/#comments Wed, 06 Aug 2014 18:37:40 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23900 O difusor BounceLite tem a pretensão de ser revolucionário, mas eu diria que ele prima mais pela praticidade já que engloba vários acessórios em um só

The post Difusor BounceLite appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Mais uma boa ideia está sendo colocada em prática nos chamados sites de financiamento coletivo, e este vem do Kickstarter que talvez seja o maior de todos eles. O difusor BounceLite tem a pretensão de ser revolucionário, mas eu diria que ele prima mais pela praticidade já que engloba vários acessórios em um só, vale mais a pena para quem quer unir tudo em apenas um equipamento.

BounceLite 450x199 Difusor BounceLite

O BounceLite adapta-se a qualquer flash de sapata de qualquer marca e além de funcionar como uma mini softbox, também pode ser usado como um rebatedor. Caso o usuário momentaneamente não queira usar o acessório não é necessário retirá-lo da câmera, pois ele pode ser totalmente aberto quando for preciso usar o flash de modo normal sem rebater ou difundir a luz. Depois é só fechá-lo normalmente caso queira usá-lo novamente.

Também há um sistema de filtros no BounceLite possibilitando o uso de filtros coloridos do tipo gelatina para criar diversos efeitos de cor. Os valores de contribuição para quem deseja ter uma unidade do BounceLite variam entre 80 libras incluindo case de neoprene, suportes de montagem e de filtros; e 118 libras incluindo também os conjuntos de filtros coloridos e porta-fltros. Abaixo, um breve vídeo de 25 segundos mostra algumas das várias possibilidades do BounceLite.

The post Difusor BounceLite appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/difusor-bouncelite/feed/ 0
20 dicas de fotografia para você testar em seus projetos4.67/5(6)http://www.fotografia-dg.com/20-dicas-de-fotografia/ http://www.fotografia-dg.com/20-dicas-de-fotografia/#comments Wed, 06 Aug 2014 14:00:32 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23602 Neste artigo, apresentarei 20 dicas de fotografia que você, enquanto fotógrafo ou amante da fotografia poderá utilizar como referência e como introspecção fotográfica.

The post 20 dicas de fotografia para você testar em seus projetos4.67/5(6) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
“A fotografia é uma forma de ficção. É ao mesmo tempo um registo da realidade e um auto-retrato, porque só o fotógrafo vê aquilo daquela maneira.” Gérard Castello Lopes

Um dos exercícios que todo o fotógrafo deve fazer ao longo da sua existência é desenvolver o poder de observação, pois uma fotografia para contar uma história, deverá sempre partir de algo existencial ou conceptual para poder exercitar a imaginação do espectador.

Neste artigo, apresentarei 20 dicas de fotografia que você, enquanto fotógrafo ou amante da fotografia poderá utilizar como referência e como introspecção fotográfica, afinal você deverá sempre perguntar a si mesmo O QUE É SER FOTÓGRAFO antes mesmo de pensar em qualquer composição fotográfica.

DICA 1 – Se quer ter o controlo total das suas fotografias, fotografe sempre no MODO MANUAL. Se não possui um equipamento DSLR, utilize o Modo CENA . Geralmente este modo fornece, por parte do fabricante, uma otimização de definições para que possa obter o melhor resultado possivel.

DICA 2 – RAW vs JPEG. Fotografe sempre em RAW se tiver essa opção de gravação na sua máquina, pois este tipo de ficheiro é o equivalente na era digital, ao filme da era analógica, o que lhe permite gravar toda a informação sem compressão, logo, sem perda de informação.

DICA 3 – Quando o assunto está em movimento, decida antes de clicar no obturador, se você quer congelar a acção ou desfocá-la. Consoante a sua opção, assim serão também diferentes, as definições da sua máquina.

DICA 4 – Certifique-se que possui o assunto enquadrado. Recorra-se das regras em fotografia para obter resultados espantosos e com impacto.

DICA 5 – Foque o assunto antecipando a ação. Uma das técnicas mais utilizadas é pressionar o obturador até meio para obter uma pré-focagem.

DICA 6 – Geralmente todos os equipamentos vem, por defeito com alguns modos de disparo:

SINGLE – Melhor para fotografar Paisagens,

TEMPORIZADOR – Melhor para fotografar paisagens com a técnica de Longa Exposição

BKT – Por definição em alguns equipamentos compactos, permite, na pós-produção obter fotografias HDR com impacto Como Funciona? Neste modo, você tira um número especifico de fotografias, geralmente 3 ou 5 fotografias com exposições diferentes, sendo que, respectivamente, a fotografia nº 2 e/ou nº 3 são as que apresentam uma exposição perfeitamente equilibrada. No final, a junção de todas vai proporcionar um HDR perfeito.

DICA 7 – Na fotografia Macro, procure sempre: CRIATIVIDADE, FOCO, COMPOSIÇÃO e LUZ NATURAL. Estes são os 4 mandamentos para uma fotografia Macro cheia de impacto.

DICA 8 – LUZ, OBJECTIVAS E COMPOSIÇÃO – São estes os três pilares de uma boa fotografia de Paisagem. Um dos segredos para captar fotografias poderosas de paisagens é procurar a melhor iluminação natural possivel do local a ser fotografado. Procure utilizar uma objectiva ultragrande-angular, pois este tipo de objectivas alcançam grandes áreas, permitindo que você destaque certos aspectos da sua composição. Ao utilizar teleobjectivas, consegue isolar certos elementos e preencher o enquadramento. E não se esqueça, que em fotografia, as regras regem todo o processo fotográfico.

Durante algum tempo, enquanto aprendia o básico da fotografia, sempre pensei que bastava apontar e clicar. Nada mais errado. Pense, primeiro, componha a seguir e só depois dispare. Experimente as duas formas e veja a diferença.

DICA 9 – Se pretender enveredar pela fotografia de paisagem a “sério”, então pense na obtenção de tripé e filtros. São equipamentos indispensáveis para obter aquelas fotografias que lhe mostrarão a diferença entre fotografia e imagem.

DICA 10 – Quanto aos filtros existem de três tipos:

FILTROS DE DENSIDADE NEUTRA – que servem para diminuir a quantidade de luz que entra pela objectiva;

FILTROS DN EM GRADIENTE – que servem para equilibrar os niveis de luz entre, por exemplo, um céu luminoso e um primeiro plano escuro, sem afectar as cores. Tê várias intensidades e a transição pode ser “forte” ou “suave”. Utilize o “suave” para obter uma transição subtil entre o horizonte e o céu;

FILTROS POLARIZADORES -  que permitem eliminar os reflexos em superfícies não metálicas e aumentar o contraste entre as nuvens e o céu.

DICA 11 – Se pretende compor uma imagem com pessoas numa paisagem, tenha em atenção o seguinte:

 - A figura humana deve aparecer em tamanho pequeno;

 - Evite mostrar o rosto, pois isso pode provocar uma distração no espectador;

 - Recorra a  silhuetas criativas para que a figura humana pareça bidimensional e anónima no contexto final da sua fotografia;

DICA 12 – Uma das maiores dificuldades de fotografar com névoa e nevoeiro é conseguir a exposição perfeita. Experiemente aumentar a exposição entre ½ stop e 2 stop, dependendo da luminosidade da cena. Procure também ajustar o Balanço de Brancos para a definição “Nublado” para obter tonalidades mais quentes.

DICA 13 – O  truque da fotografia numa manhã de nevoeiro é saber onde ir e quais os melhores elementso da paisagem a abordar. Por isso, observe e experimente.

DICA 14 – Quando se utilizam Longas Exposições na fotografia de paisagem, o movimento tem a capacidade de proporcionar vida a uma cena estática, dando dinamismo e um tom surreal á sua imagem.

DICA 15 – Lembre-se que as velocidades de obturação mais rápidas são as ideais para criar linhas-guia, enquanto que as mais lentas permitem criar aquela sensação de arrasto e simplificar a sua composição. Por isso, um bom ponto de partida, é procurar elementos sólidos que contrastem com a suavidade gerada pelo movimento.

DICA 16 – Crie fotografias panorâmicas.

DICA 17 – Na fotografia de retratos, concentre o foco no olhar do modelo.

DICA 18 – Procure explorar e aumentar o seu conhecimento em fotografia, seja a partir da observação do trabalho de outros fotógrafos seja através da leitura de fotógrafos famosos, seja ainda através da participação em workshops temáticos.

DICA 19 – Tenha muita moderação na edição das suas fotografias, principalmente se o objectivo é imprimi-las para as expôr numa galeria. Nem todos os efeitos funcionam.

DICA 20 – Mostre o seu trabalho. Esta talvez seja a dica mais importante que lhe indico. Mais do que todas as dicas sobre técnicas e criatividade, você tem de mostrar o seu trabalho, seja on-line seja off-line expondo numa galeria, individualmente ou colectivamente. Só assim irão conhecer as suas capacidades e a forma como você interpreta a arte de pintar com a luz.

Siga as dicas e…EXPERIMENTE.

The post 20 dicas de fotografia para você testar em seus projetos4.67/5(6) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/20-dicas-de-fotografia/feed/ 0
Rumores da Canon para a Photokina5/5(1)http://www.fotografia-dg.com/rumores-da-canon-para-photokina/ http://www.fotografia-dg.com/rumores-da-canon-para-photokina/#comments Tue, 05 Aug 2014 21:37:46 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23885 Segundo algumas pistas que a Canon vem dando, algo grande será anunciado por ela na próxima Photokina que começa no dia 16 de setembro

The post Rumores da Canon para a Photokina5/5(1) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Via Canon Rumors

Segundo algumas pistas que a Canon vem dando, algo grande será anunciado por ela na próxima Photokina que começa no dia 16 de setembro, mas os primeiros anúncios surgirão no dia 4 de setembro. A fonte citada afirma que devem ser anunciadas uma câmera DSLR e algumas lentes, mas não se especifica a quantidade.

7djpg 450x337 Rumores da Canon para a Photokina

A câmera será a sucessora da Canon 7D que já foi lançada há 5 anos e está mais do que na hora de uma sucessora. O fato de ter ficado tanto tempo no mercado e tão bem conceituada prova que esta câmera foi um dos maiores sucessos dos últimos anos e isso termina colocando pressão na Canon que precisa fazer algo à altura ou será alvo de muitas críticas. e se depender das promessas vem coisa muito boa por aí: os rumores apontam que ela terá muitas características da poderosa Canon 1D X lançada no ano de 2011 e também uma tecnologia revolucionária de sensor. Este sensor pode ser algo parecido com o Foveon, comojá foi noticiado aqui em maio.

Sobre as lentes, os rumores apontam para uma nova versão da EF 100-400mm f/4.5-5.6L IS com um sistema de zoom diferente do atual; uma substituição da EF-S 18-200mm que pode vir a ser uma 18-300mm para combater a concorrência direta da Nikon; e uma versão mais barata da 28-300mm L também está por vir já que não há muitas opções deste tipo de lente para as câmeras Full-frame da Canon.

The post Rumores da Canon para a Photokina5/5(1) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/rumores-da-canon-para-photokina/feed/ 0
Nova Pentax QS-1http://www.fotografia-dg.com/nova-pentax-qs-1/ http://www.fotografia-dg.com/nova-pentax-qs-1/#comments Tue, 05 Aug 2014 16:44:58 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23879 A Ricoh anuncia o lançamento de mais uma câmera do seu sistema Q, é a Pentax QS-1 que também utilizará um sensor que mede 1/1.7 de polegada

The post Nova Pentax QS-1 appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
A Ricoh anuncia o lançamento de mais uma câmera do seu sistema Q, o sistema de lentes intercambiáveis que começou usando sensores medindo 1/2.3 de polegada (Pentax Q e Pentax Q10) e depois passou  adotar um sensor que mede 1/1.7 de polegada (Pentax Q7), é a Pentax QS-1 que também utilizará este último sensor (com fator de corte em 5.6x) e possui poucas diferenças práticas em relação ao modelo anterior.

qs1 red e1407257056235 450x286 Nova Pentax QS 1

A Pentax QS-1 é equipada com sensor CMOS com 12.4MP de resolução (1/1.7 de polegada com 12.76MP de resolução total); possui estabilização no sensor; produz fotos nas proporções 3:2, 4:3, 16:9 e 1:1 além de arquivos RAW; sensibilidade ISO 100-12800; o tempo de exposição varia entre 1/8000 e 30 segundos incluindo modo bulb; modo contínuo de até 5fps limitado a 5 imagens ou 1.5fps limitado a 100 imagens; o alcance do flash é de até 7 metros em ISO 200 e possui sapata para flash externo; faz vídeos Full HD com taxa de 30fps em formato MOV e som mono; seu monitor LCD mede 3 polegadas; e é alimentada por bateria com capacidade para cerca de 260 fotos.

A grande variedade de cores já é tradicional nas câmeras Pentax e isso não foi esquecido na Pentax QS-1: são 5 cores para o corpo e 8 cores para o grip totalizando 40 personalizações possíveis. Outro atrativo desta câmera é a possibilidade de usar um adaptador para as lentes K do sistema reflex da Pentax, mesmo que algumas lentes sejam grandes e/ou pesadas demais para esta diminuta câmera.

A Pentax QS-1 estará disponível a partir do início de setembro ao custo de 300 libras o corpo; 380 libras/500 dólares o kit contendo a objetiva 5-15mm f/2.8-4.5 (equivalente a 28-84mm); e 550 libras incluindo além desta objetiva, também uma 15-45mm f/2.8 (equivalente a 84-252mm).

The post Nova Pentax QS-1 appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/nova-pentax-qs-1/feed/ 0
O foco nas Câmeras fotográficas digitais modernas3.82/5(11)http://www.fotografia-dg.com/foco-cameras-digitais-modernas/ http://www.fotografia-dg.com/foco-cameras-digitais-modernas/#comments Mon, 04 Aug 2014 13:56:08 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23609 Em câmeras de foco automático, o processo de focagem é feito automaticamente pela câmera. Este sistema está bastante evoluído e hoje é uma obrigação em qualquer câmera.

The post O foco nas Câmeras fotográficas digitais modernas3.82/5(11) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Em câmeras de foco automático, o processo de focagem é feito automaticamente pela câmera. Este sistema está bastante evoluído e hoje é uma obrigação em qualquer câmera. Ele é mais prático, mais ágil e consegue focar em condições muito baixas de luz, onde um fotógrafo teria muita dificuldade para trabalhar. Entretanto há condições onde o foco manual tem que ser utilizado, o que faz desaconselhável a compra de objetivas com apenas essa opção de foco.

O foco nas Câmeras fotográficas digitais modernas O foco nas Câmeras fotográficas digitais modernas

Em câmeras auto focus, o botão de disparo tem dois estágios. No primeiro, chamado de “meio curso”, o foco é feito automaticamente. No segundo estágio, um pouco mais duro que o primeiro, a foto é disparada.

A confirmação de que o foco foi feito normalmente é indicado dentro do visor por um círculo que se acende.

Quando o foco não é encontrado, algumas câmeras mostram um “X”, piscam duas setas indicadoras de foco ou piscam o circulo confirmando o foco. Quando acham o foco, as câmeras com sinal sonoro emitem um “bip” confirmando o foco.

Existem muitos modelos de câmera fotográfica com foco automático, a melhor forma de conhecer o sistema de sua cera é fazendo um curso de fotografia numa escola de fotografia com curso de fotografia moderno e atualizado.

Câmeras auto-focus normalmente possuem três modos de foco: Manual, Single e Contínuo (ou servo). A forma de selecionar o modo varia entre os modelos de câmera. Algumas linhas, como Nikon, possuem uma chave no corpo das câmera para seleção entre os três modos. As câmeras Canon possuem na objetiva uma chave para conversão de manual para auto focus e no corpo a seleção entre single e servo.

Foco manual

Foco manual O foco nas Câmeras fotográficas digitais modernas

Opera como o foco de uma câmera manual, o foco tem que ser ajustado manualmente na objetiva. Os indicadores usados no modo auto focus, como o círculo de confirmação de foco e o bip, funcionam também no modo manual. Assim, eles podem ser utilizados para confirmar que o motivo está em foco.

Foco Single

Foco Single O foco nas Câmeras fotográficas digitais modernas

O foco é feito quando se aperta a meio curso o botão de disparo. Caso não se solte o botão de disparo, o foco da câmera é mantido naquela distância e não se move, mesmo que o motivo focado saia do lugar. É ideal para coisas estáticas, que não estão se movimentando.

Foco Continuos (ou servo)

Foco Continuos ou servo O foco nas Câmeras fotográficas digitais modernas

O foco é feito quando se aperta o botão de disparo. Ao contrário do modo single, ele acompanha o motivo no ponto de foco mesmo que ele esteja se movendo. Alguns modelos calculam a velocidade do objeto em questão e conseguem prever onde estará o objeto no próximo momento. Se adiantando com o foco ele garante que o disparo será feito com motivo em foco. È usado para fotografar coisas em movimento, como pássaros em vôo.

The post O foco nas Câmeras fotográficas digitais modernas3.82/5(11) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/foco-cameras-digitais-modernas/feed/ 4
Edição #20 da Revista zOOmhttp://www.fotografia-dg.com/edicao-20-da-revista-zoom-objetivas-essenciais/ http://www.fotografia-dg.com/edicao-20-da-revista-zoom-objetivas-essenciais/#comments Fri, 01 Aug 2014 22:44:35 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23730 The post Edição #20 da Revista zOOm appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
The post Edição #20 da Revista zOOm appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/edicao-20-da-revista-zoom-objetivas-essenciais/feed/ 0
CASE remotohttp://www.fotografia-dg.com/case-remoto/ http://www.fotografia-dg.com/case-remoto/#comments Fri, 01 Aug 2014 17:39:53 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23719 O CASE remoto é um transmissor wi-fi que pode ser conectado à sapata de flash e permite o controle de sua câmera DSLR por um dispositivo móvel.

The post CASE remoto appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
O CASE remoto, anteriormente chamado apenas de CASE, é um transmissor wi-fi que pode ser conectado à sapata de flash e permite o controle de sua câmera DSLR por um dispositivo móvel dotado de sistema operacional Android ou iOS. Como a mudança de nome sugere, esta já é a segunda versão e com algumas boas melhorias em relação ao modelo anterior. Vejam algumas delas:

case 550x316 450x258 CASE remoto

  • A memória RAM do CASE remoto passou de 128 para 256MB e antes era DDR1, agora é DDR2
  • A autonomia da bateria passou de 2 a 3 horas (800 mAh) para 5 horas (1500 mAh)
  • Antes havia um único LED indicador de atividade wi-fi, agora foi incluído mais um LED indicador de bateria
  • A antena PCB foi substituída por uma antena PCB + IPX
  • Dados de GPS agora podem ser adicionados às imagens, no modelo anterior isso não era possível

Esta é mais uma ideia muito bem-sucedida de financiamento coletivo (crowdfunding) que pode ser encontrada no site IndieGoGo e os valores de contribuição para que seja possível adquirir um CASE remoto iniciam-se em 79 dólares. A ideia já fez tanto sucesso que, faltando ainda 20 dias para o fim da campanha (na data de 1º de agosto), já foram arrecadados 4650% do valor estipulado inicialmente em 500 dólares para que a campanha obtivesse êxito.

The post CASE remoto appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/case-remoto/feed/ 2
Qual o segredo para desfocar o fundo de uma foto?4.64/5(14)http://www.fotografia-dg.com/qual-o-segredo-para-desfocar-o-fundo-de-uma-foto/ http://www.fotografia-dg.com/qual-o-segredo-para-desfocar-o-fundo-de-uma-foto/#comments Fri, 01 Aug 2014 13:25:58 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23585 Olá, escrevi este artigo para responder de forma o mais simples possível uma das perguntas que talvez eu mais ouça em meus workshops e no meu site, o que é muito natural, já que o efeito de fotos com fundos desfocados produzem fotos realmente lindas! Eu particularmente adoro.

The post Qual o segredo para desfocar o fundo de uma foto?4.64/5(14) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Olá, escrevi este artigo para responder de forma o mais simples possível uma das perguntas que talvez eu mais ouça em meus workshops e no meu site, o que é muito natural, já que o efeito de fotos com fundos desfocados produzem fotos realmente lindas! Eu particularmente adoro.

Este tipo de foto também costumam ser associada somente à fotógrafos profissionais, mas os iniciantes também podem fazer e eu costumo ver resultados incríveis entre os meus alunos, como esta foto aí debaixo feita pelo Rodolfo Moreira em um dos exercícios dos meus workshops. Eu sei que está escrito México, mas ela foi feita no Jardim Botânico do Rio de Janeiro icon wink Qual o segredo para desfocar o fundo de uma foto?

DESFOCAR O FUNDO Qual o segredo para desfocar o fundo de uma foto?

Qualquer câmera desfoca o fundo?

Bom, na verdade quem desfoca o fundo é a lente, ou melhor, é a abertura da lente. Se você é leitor do meu site FotoDicasBrasil, sabe que o quanto me dedico à explicar os princípios básicos da fotografia, e isto inclui as aberturas das lentes, que são representadas pelo “f” ou simplesmente descritas na frente das lentes por aqueles números como por exemplo 1:3.5-5.6.

Lente para desfocar fundo Qual o segredo para desfocar o fundo de uma foto?

Eu escrevi um artigo sobre as siglas das lentes e vou reproduzir aqui a parte referente às aberturas que vai ajudar no nosso objetivo de desfocar o fundo de uma foto:

“Então quando você compra uma lente e está escrito 1:3.5-5.6, isso significa as aberturas alcançadas por essa lente. O número 1 é chamado de “número f” e é só uma referência à abertura propriamente dita, os números importantes vem a seguir do “dois pontos”. Os primeiros dois números (3.5), significam a MAIOR abertura possível da sua lente, ou seja, o quanto a sua lente é capaz de “arregalar” os olhos para entrar luz, e isto muito te interessa, porque quanto menor este número, mais clara é sua lente. O segundo é uma informação extremamente importante e significa qual a MAIOR abertura, repare que eu escrevi “maior” de novo, isto mesmo, a MAIOR abertura alcançada pela sua lente quando você estiver dando Zoom.” – Foto Dicas Brasil

Este é o significado destes números e neste artigo nos interessa também não só pela claridade, mas por causa da profundidade de campo, ou seja o quanto de DESFOQUE a minha lente é capaz de fazer.

Qualquer abertura desfoca o fundo?

Você já sabe onde encontrar o número da abertura da sua lente, agora precisa saber que somente ABERTURAS GRANDES desfocam o fundo, ou seja, àquelas que possuem números pequenos. Sim, quanto maior a abertura, menor o número dela. Se você já leu meu e-Book Fotometria Simples, sabe do que estou falando, nele eu explico além do comportamento das aberturas, como esses números surgiram e aí fica fácil entender porque são invertidos icon wink Qual o segredo para desfocar o fundo de uma foto?

Mas por hora, apesar de não me  aprofundar neste conceito, ensinarei aqui mais do que suficiente para você entender como fazer o desfoque.

E agora que você já sabe que a maior abertura (menor número) da sua lente é que vai fazer o melhor desfoque, já temos nosso primeiro parâmetro definido.

E só pra não haver dúvidas: Se sua lente for uma 18-55mm 1:3.5-5.6, por exemplo, você vai procurar fazer as fotos entre as aberturas f3.5 e f4.0,  mas se você tiver uma lente de abertura maior, como uma 50mm 2.8 (e esta é de abertura fixa, porque só tem um comprimento focal, o 50mm), já sabe que terá mais fundo desfocado do que na lente de abertura f3.5… eu sei que você já entendeu, mas, isso acontece porque f3.5 é um NÚMERO de abertura MENOR que f2.8, ou se preferir, é uma ABERTURA MAIOR que 2.8. Na minha experiência até f5.6 você consegue bons desfoques, mas aí entram outras questões mais técnicas, mas deixo o registro aqui pra você experimentar outras aberturas.

A câmera precisa ser profissional?

Definitivamente não, mas quanto mais avançada a sua câmera, mais fácil é desfocar o fundo de uma foto. E o que eu chamo de avançada? As DSLRs que trocam de lente, ou as câmeras consideradas de entrada ou semi-profissionais, como as Nikon D3000, D90, entre outras, ou ainda as Canon 60D, 3ti, 4ti, 5ti, só para dar alguns exemplos. Elas possuem controles mais intuitivos e resultados melhores. Mas a gama de marcas modelos são enormes e os conceitos passados aqui são universais, por isso EXPERIMENTE!

Superzoom

Talvez você tenha mais dificuldade em desfocar o fundo de uma foto com câmeras que não trocam de lente como as superzoons, mas não é impossível, esta foto aí de baixo foi feita pelo meu irmão com uma Nikon Coolpix P520, e eu pedi que ele fizesse vários testes e falarei deles mais adiante porque  acredito que será útil para outras superzoons também.

Ave com fundo desfocado Qual o segredo para desfocar o fundo de uma foto?

Precisa fotografar no modo manual?

Aqui se encontra o maior SEGREDO de desfocar o fundo de uma foto. Na verdade você pode desfocar o fundo em vários modos de cena da sua câmera, e dependendo da câmera e situação, até no modo automático! Simplesmente porque o parâmetro que vai permitir você desfocar o fundo QUANDO você quiser é o MODO DE ÁREA AF e não necessariamente o modo de cena manual (Modo Manual). E porque falo isso com tanta certeza? Por que já tive vários alunos iniciantes que tinham EXATAMENTE este problema, possuíam câmeras avançadas, lentes igualmente incríveis, mas por uma simples configuração, o desfoque era feito “por acaso” e não quando eles queriam.

O que é o modo de área AF?

Sabe quando você aperta o seu botão do obturador até a metade (que é o necessário para fotometrar uma foto, ou seja, para a câmera medir a luz e equacioná-la de maneira a sair correta esta quantidade de luz), e uns pontinhos vermelhos aparecem no seu viewfinder, geralmente seguidos de um bip? Ou na tela de LCD, se você não tiver o hábito de visualizar pelo viewfinder. Lembrando que eles ainda podem ser quadrados maiores ou ainda ficarem verdes ou invés de vermelhos, isso depende da câmera utilizada. Como na imagem a seguir:

MODO DE ÁREA AF AUTOMÁTICO CANON Qual o segredo para desfocar o fundo de uma foto?

Modo de área af 9 pontos nikon Qual o segredo para desfocar o fundo de uma foto?

Então, esses pontos são os pontos de focagem, ou AF points, e você precisa configurá-los porque no modo de AF automático, esses pontos piscarão aonde sua CÂMERA ACHA que está o assunto principal, ela faz isso em cima de parâmetros específicos, mas na verdade o que queremos é que VOCÊ diga para sua câmera o que quer que esteja em foco, e a partir daí com sua câmera configurada com aberturas grandes (números de aberturas pequenos, lembra?), fica fácil desfocar o fundo de uma foto.

Modo de área AF Não é foco manual!

NÃO confundir com o Foco Manual da sua lente, que normalmente fica em uma chave na lente onde você pode trocar para Foco automático (AF) ou Foco Manual (MF), ou simplesmente “A ou M” como na imagem abaixo, já que o Modo de Área AF também pode ter a opção de “Manual”.

Usualmente a configuração de foco da lente está na própria lente, e a do modo de área AF, encontra-se na câmera, ou às vezes dentro de algum Menu. Ah, sim, o foco da lente,  pode continuar no automático.

AF Qual o segredo para desfocar o fundo de uma foto?

Como configuro o modo de área AF?

Onde você irá configurar o seu modo de área AF, depende de qual equipamento você está usando, mas você não precisa se preocupar porque todo MANUAL explica esta configuração e normalmente as câmeras que permitem modo manual, também permitem configurar o modo de área AF.

Vou usar uma imagem do meu e-Book Fotometria Simples onde explico essas configurações:

modo de área AF Qual o segredo para desfocar o fundo de uma foto?

E o modo de área AF que indico a ser utilizado é o flexível, aquele que você pode ficar andando com ele e dizendo desta maneira, AONDE quer o foco. Se preferir pode usar o centralizado também.

E para que serve exatamente configurar o modo de área AF?

Porque somente configurando esse modo de área que é possível fazer fotos como estas duas aí de baixo, onde uma possui o foco seletivo à direita e a outra o foco seletivo à esquerda, aliás essas são o resultado de um dos exercícios do meu workshop.

CONFIGURAR O MODO DE ÁREA AF esquerda Qual o segredo para desfocar o fundo de uma foto?

CONFIGURAR O MODO DE ÁREA AF Qual o segredo para desfocar o fundo de uma foto?

Nestes dois exemplos fica bem nítida a diferença de foto que é possível fazer simplesmente dizendo AONDE você quer que sua câmera foque.

Só fotografo no automático, e agora?

Se você fotografa no modo manual, basta o entendimento do modo de área AF e de abertura das lentes para começar a fazer fotos com o fundo desfocado, mas como minha intenção é ensinar algo que possa ser usado por muitos, darei uma dica bem simples para que você também possa garantir resultados sensacionais!

E qual o melhor modo de cena para desfocar o fundo de uma foto?

As câmeras que possuem modo manual, além do modo automático (AUTO), geralmente possuem vários modos de cena semiautomáticos conhecidos pelas siglas A ou AV, S ou TV, P e M.

Resumidamente, esses modos também conhecidos como “modos criativos” são assim chamados justamente porque permitem alguns tipos de fotos que o modo automático não faz por padrão. E a grande vantagem aqui é que todos esses modos irão permitir a configuração de modo de área AF, ao contrário do modo AUTOMÁTICO.

Modo manual – Todos os parâmetros são definidos por você, isto inclui o AF, a velocidade, a abertura, o balanço de branco, etc.

Modo P – O modo que mais indico para quem gosta de fotografar e ainda não descobriu o mundo fascinante da fotometria manual! Neste modo a câmera configura automaticamente a velocidade e a abertura e você ajusta a quantidade de luz que está faltando ou sobrando, aumentando ou diminuindo o ISO. Ele pode até ser usado para desfocar o fundo, mas você precisa ficar de olho qual abertura a câmera está configurando.

Modo S ou TV – Modo de prioridade de velocidade – Neste modo você configura a velocidade, e a câmera ajusta automaticamente a abertura, é ideal para fazer fotos onde você quer congelar uma imagem por exemplo.

E o ganhador é…

Modo A ou AV Qual o segredo para desfocar o fundo de uma foto?

Modo A ou AV – Modo de prioridade de ABERTURA – Neste modo você configura a abertura e a câmera ajusta automaticamente a velocidade!!!

E já sabemos que precisamos usar as maiores aberturas possíveis (ou os menores números “f” que aparecem na nossa câmera).

Então simplesmente quando você colocar a sua câmera neste modo, gire os seletores de um lado para o outro e veja a abertura variando, provavelmente ela será o único parâmetro automatizado, ou seja, que estará trocando sozinho. Depois é só configurar o modo AF e ficar de olho na velocidade que aparecer, porque se ficar muito baixa, pode acabar borrando sua foto. Uma velocidade 1/30 já está boa pra você fotografar sem problemas, fique de olho.

Se você não souber onde fica a velocidade ou a abertura na sua câmera, procure no seu manual por “modo manual” ou “fotometria manual”, ou coisas parecidas, que normalmente é a parte onde a maioria se encontra.

Muitas câmeras permitem que você também configure o ISO neste modo, use-o ao seu favor.

Minha sugestão é que você comece fazendo testes em boas condições de luz, ou seja, de preferência de dia para que não tenha que se preocupar muito com a velocidade.

O enquadramento pode ser a diferença!

Outro parâmetro que pode influenciar e muito no resultado da sua foto é o enquadramento, nas duas fotos que se seguem, você vai perceber como isto funciona.

As duas fotos foram feitas com o mesmo EXIF, ou seja, com as mesmas configurações, se você ainda não está familiarizado com o EXIF para melhorar suas fotos, você pode ler aqui um artigo que escrevi sobre  como usá-lo a seu favor.

Na primeira cena, eu estava de frente para a flor e a 1m mais ou menos de distância e você pode perceber que o fundo ficou desfocado.

Desfocar fundo ENQUADRAMENTO Qual o segredo para desfocar o fundo de uma foto?

Nesta segunda eu fiz a foto na diagonal da flor e a uns 30cm de distância e aí você pode perceber que o fundo ficou bem mais desfocado e interessante do que na primeira cena!

Desfocar fundo diagonal Qual o segredo para desfocar o fundo de uma foto?

Outra observação IMPORTANTE é que quanto mais “fundo” você tiver, mais bonito o resultado, ou seja, quanto maior a distância entre o objeto a estar em foco (neste caso a flor roxa) e o fundo, melhor será resultado, o mesmo serve para as CORES. Quanto mais colorido um fundo, mais interessante o desfoque parecerá.

E agora continuando a assunto dos tipos de câmeras que são melhores para desfocar o fundo de uma foto…

Consigo desfocar o fundo de uma foto com uma superzoom?

Sim… e mais ou menos. O que acontece é que é muito mais difícil desfocar o fundo nas superzoons, mas não impossível!

Eu tenho a experiência de vários modelos que passam pelo meu workshop e os resultados variam bastante, todas desfocam, mas em alguns desses modelos, esse desfoque é muito sutil.

Por isso fiz uma videoaula especial para os fãs do Foto Dicas Brasil com o resumo e mais dicas deste artigo e ainda com o bônus de como configurar uma superzoom como a Nikon Coolpix P520, mostrando as melhores configurações para os melhores resultados: Assista aqui!

Resumo

Resumindo o que você aprendeu até aqui: Para desfocar o fundo de uma foto eu preciso:

Para desfocar o fundo de uma foto eu preciso:

  1. Ter uma câmera que possua o modo manual, que são aquelas que permitem entre outros, os ajustes de abertura. E NÃO PRECISA SER UMA CÂMERA PROFISSIONAL.
  1. Ajustar a sua câmera para usar GRANDES ABERTURAS, ou seja, os números pequenos, como f1.8, f2.8, f3.5 ou f4.0 e dependendo das condições até 5.6 ou um pouco mais.
  1. Configurar o Modo de área AF para o foco manual, ou central ou flexível, dependendo do seu equipamento. Ah, e você NÃO pode estar com o MODO CENA AUTOMÁTICOselecionado, porque a câmera não permitirá esta configuração.
  1. Usar um dos modos de cena: Manual, P (mas nem sempre funciona), ou o mais indicado que é O MODO A ou AV (Prioridade de abertura).
  1. Fazer enquadramentos que favoreçam o resultado, para isso utilizar FUNDOS mais COLORIDOS e mais DISTANTES.
  1. Praticar, praticar, PRATICAR!

O assunto deste artigo está presente no meu e-Book Fotometria Simples, onde explico este e outros conceitos determinantes para fotos incríveis!

Manual

Todas as configurações usadas neste artigo e na maioria dos artigos que escrevo, encontra-se em seu manual. Como recebo muitos emails pedindo ajuda para encontrá-los e justamente por acreditar na importância fundamental do MANUAL, eu criei um “Banco de Manuais Fotográficos Colaborativo”. A ideia é reunir o máximo de manuais, de preferência em português, para colaborar e facilitar o aprendizado de outros apaixonados por fotografia como você. Por isso, se você quiser, pode colaborar  de duas maneiras, a primeira enviando um e-mail pra gente contato@fotodicasbrasil.com.br, pra saber se já temos o seu modelo e outra é compartilhando o artigo dos MANUAIS para conseguirmos atingir o maior número possível de pessoas. Tenho certeza que posso contar com você!

Não deixe de compartilhar os seus resultados com a gente e fique à vontade para fazer comentários com suas dúvidas e observações, EU respondo pessoalmente A TODOS os emails e comentários, por isso se não tiver uma resposta de imediato, aguarde e tenha certeza que responderei!

Boas fotos e até a próxima!!

The post Qual o segredo para desfocar o fundo de uma foto?4.64/5(14) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/qual-o-segredo-para-desfocar-o-fundo-de-uma-foto/feed/ 4
Rumor sobre médio-formato Nikon3/5(2)http://www.fotografia-dg.com/rumor-sobre-medio-formato-nikon/ http://www.fotografia-dg.com/rumor-sobre-medio-formato-nikon/#comments Wed, 30 Jul 2014 19:43:21 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23582 A notícia fala sobre uma câmera Nikon de médio-formato com um sensor CMOS da Sony de 50 megapixels

The post Rumor sobre médio-formato Nikon3/5(2) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
O próprio site Mirrorless Rumors que veiculou o rumor o cita como “estranho”, mas a fonte é confiável. A notícia fala sobre uma câmera de médio-formato Nikon com um sensor CMOS da Sony de 50 megapixels medindo 44x33mm. Este sensor já foi usado anteriormente nas câmeras PhaseOne IQ250, Pentax 645Z e Hasselblad H5D-50c.

large sony 50 megapixel sensor 450x338 Rumor sobre médio formato Nikon

O texto é muito curto e não faz nenhuma outra menção a não ser o fato de que tal câmera já poderia ser lançada na próxima Photokina a ser realizada na cidade de Colônia, na Alemanha, entre os dias 16 e 21 de setembro. Algo que pode alimentar este rumor é o fato de uma patente da Nikon de uma objetiva 100mm f/2.5 para médio formato ter sido veiculada em setembro do ano passado.

Mas tudo isso continua sendo apenas rumores e o fato de existir uma patente não quer dizer que tal  produto será realmente desenvolvido e colocado em linha de produção. Só nos resta esperar a Photokina para confirmarmos se a fonte realmente estava certa ou não. Se for verdade será uma verdadeira bomba no mundo da fotografia digital.

The post Rumor sobre médio-formato Nikon3/5(2) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/rumor-sobre-medio-formato-nikon/feed/ 0
Novas superzoom Canon SX400 e SX5205/5(1)http://www.fotografia-dg.com/novas-superzoom-canon-sx400-e-sx520/ http://www.fotografia-dg.com/novas-superzoom-canon-sx400-e-sx520/#comments Tue, 29 Jul 2014 15:44:52 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23558 A Canon anuncia mais duas câmeras superzoom ampliando seu leque de opções nesta categoria de câmera, as Canon SX400 e SX520 que surgem como novas opções para o público que procura longo alcance.

The post Novas superzoom Canon SX400 e SX5205/5(1) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
A Canon anuncia mais duas câmeras superzoom ampliando seu leque de opções nesta categoria de câmera, as Canon SX400 e SX520 que surgem como novas opções para o público que procura longo alcance. A Canon SX400 vem contemplar um público que até então não havia sido agraciado pela Canon: a dos fotógrafos casuais que querem uma câmera apenas para apontar e disparar, sem necessidade de ajustes manuais. A Canon SX520 possui mais atrativos como controles manuais e um recurso que auxilia o enquadramento ao se usar o zoom máximo.

phplwoo9m 450x299 Novas superzoom Canon SX400 e SX520

A Canon SX400 é equipada com sensor CCD de 16MP (1/2.3 de polegada com 16.6MP de resolução efetiva); sua objetiva com 30x de zoom cobre distância focal entre 24-720mm com abertura f/3.4-5.8 e macro de 0cm; possui estabilização óptica; sensibilidade ISO 100-1600; o tempo de exposição varia entre 1/1600 e 15 segundos; modo contínuo de até 0.8fps; o alcance do flash é de até 5 metros; faz vídeos HD com taxa de 25fps em formato MOV com som mono; possui monitor LCD de 3 polegadas; e é alimentada por bateria com capacidade para até 190 fotos por carga.

A Canon SX520 é equipada com sensor CMOS de 16MP (1/2.3 de polegada com 16.8MP de resolução efetiva);sua objetiva com 42x de zoom cobre distância focal entre 24-1008mm com abertura f/3.4-6.0 e macro de 0cm; possui estabilização óptica; sensibilidade ISO 100-3200; o tempo de exposição varia entre 1/2000 e 15 segundos; modo contínuo de até 10fps; possui controles manuais; o alcance do flash é de até 5.5 metros; faz vídeos Full HD com taxa de 30fps em formato MOV com som estéreo; possui monitor LCD de 3 polegadas; e é alimentada por bateria com capacidade para até 210 fotos por carga.

A Canon SX400 estará disponível nas cores preta e vermelha em meados do mês de agosto ao custo de 250 dólares/260 libras/315 euros. A Canon SX520 estará disponível apenas na cor preta e somente em meados do mês de setembro ao custo de 400 dólares/300 libras/360 euros. Preços informados pelo site Photography Blog.

The post Novas superzoom Canon SX400 e SX5205/5(1) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/novas-superzoom-canon-sx400-e-sx520/feed/ 0
Parceria Lytro e 500pxhttp://www.fotografia-dg.com/parceria-lytro-e-500px/ http://www.fotografia-dg.com/parceria-lytro-e-500px/#comments Mon, 28 Jul 2014 21:01:58 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23553 O site de armazenamento de imagens 500px agora permite o uso de imagens das câmeras Lytro e ainda oferece um desconto exclusivo de 250 dólares na compra da nova Lytro Illum

The post Parceria Lytro e 500px appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
O site de armazenamento de imagens 500px agora permite o uso de imagens geradas pelas câmeras Lytro e para isso criou uma página especial onde temos poucas imagens até agora, mas aos poucos mais usuários compartilharão suas fotos. Aqui, neste link, temos um belo exemplo de como funcionam as imagens geradas por estas câmeras de campo luminoso, também chamadas de plenópticas.

lytro illum 06 450x202 Parceria Lytro e 500px

E o mais legal disso tudo é que esta página do 500px possui um link que direciona ao site oficial de pré-venda da Lytro Illum (último lançamento desta marca) com um desconto exclusivo de 250 dólares, mas esta promoção só é válida até o dia 31 de julho, próxima quinta-feira. Os detalhes desta promoção são encontrados aqui.

Esse sistema de câmeras plenópticas ainda tem muito a ser explorado, o modelo atual da câmera Lytro já oferece muito mais opções e recursos do que seu primeiro modelo que era bastante simplório e é bem provável que se torn, em um futuro próximo, um sistema mais acessível ao grande público.

The post Parceria Lytro e 500px appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/parceria-lytro-e-500px/feed/ 0
Projeção de novas lentes para o sistema Fuji Xhttp://www.fotografia-dg.com/projecao-novas-lentes-fuji-x/ http://www.fotografia-dg.com/projecao-novas-lentes-fuji-x/#comments Mon, 28 Jul 2014 14:46:14 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23543 O sistema Fuji X, que já conta com dez objetivas fixas (sendo 3 Zeiss Touit) e seis objetivas zoom, receberá mais cinco objetivas Fuji até o final de 2015 e uma delas já irá aparecer ainda este ano

The post Projeção de novas lentes para o sistema Fuji X appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Já não é mais novidade que o sistema mirrorless da Fuji é o que mais cresce no mercado e também é o mais promissor, pois conta com um sensor acima da média em qualidade de imagem e outras fabricantes já começaram a produzir lentes para este sistema, como as Zeiss Touit aclamadas pela mídia especializada devido a sua alta qualidade.

updated fujifilm x roadmap 450x504 Projeção de novas lentes para o sistema Fuji X

O sistema Fuji X, que já conta com dez objetivas fixas (sendo 3 Zeiss Touit) e seis objetivas zoom, receberá mais cinco objetivas Fuji até o final de 2015 e uma delas já irá aparecer ainda este ano: a XF 50-140mm f/2.8R LM OIS WR (equivalente a 75-210mm) dotada de estabilização de imagem e à prova d’água. É a segunda lente da Fuji com esta proteção (a outra é a 18-135mm) e é a companhia perfeita para a Fuji X-T1 que também possui este selamento.

As outras objetivas surgirão durante o ano de 2015 e logo no início será a vez de mais uma objetiva à prova d’água, a XF 16-55mm f/2.8R WR (equivalente a 24-82.5mm) que incialmente seria anunciada em 2014. Depois serão lançadas duas fixas: XF 16mm f/1.4R (equivalente a 24mm) e a XF90mm f/2R que é a novidade, pois não estava incluída no projeto inicial. A última objetiva será uma supertele zoom que ainda não possui distância focal definida, e é algo que realmente ainda falta para este sistema Fuji X consolidar-se de uma vez.

The post Projeção de novas lentes para o sistema Fuji X appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/projecao-novas-lentes-fuji-x/feed/ 0
Filtros antiestática Hoya EVOhttp://www.fotografia-dg.com/filtros-antiestatica-hoya-evo/ http://www.fotografia-dg.com/filtros-antiestatica-hoya-evo/#comments Fri, 25 Jul 2014 15:28:03 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23531 A Hoya acaba de anunciar uma novidade que irá agradar bastante aos fotógrafos que trabalham em ambientes muito empoeirados, os filtros antiestática Hoya EVO.

The post Filtros antiestática Hoya EVO appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
A Kenko Tokina, detentora da marca Hoya famosa por fabricar alguns dos melhores filtros para objetivas que existem, acaba de anunciar uma novidade que irá agradar bastante aos fotógrafos que trabalham em ambientes muito empoeirados: os filtros antiestática Hoya EVO.

Filtros antiestática Hoya EVO Filtros antiestática Hoya EVO

Olhando para eles parecem filtros comuns, mas são revestidos com uma camada antiestática que repele poeira e água, além de serem resistentes a riscos e podendo ser facilmente limpos quando ocorrerem manchas ou marcas de impressões digitais. Os filtros Hoya EVO estão disponíveis nos modelos Protetor, UV e polarizador circular variando entre 37 e 82mm. Os preços variam atualmente entre 28 e 112 dólares. A note triste fica por conta da disponibilidade apenas para os EUA.

Costumeiramente os filtros Hoya possuem um aro bem fino não causando vinhetas mesmo usando-os em objetivas grande-angular e a promessa da fabricante é de que a taxa de transmissão é de 99,8% praticamente não alterando em nada o contraste, nitidez e equilíbrio de cores das imagens. Os filtros Hoya EVO já estão disponíveis para venda e um vídeo de apresentação pode ser visto em seguida.

The post Filtros antiestática Hoya EVO appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/filtros-antiestatica-hoya-evo/feed/ 0
Novidades na área de fotografia de aventura na Photoimage Brasilhttp://www.fotografia-dg.com/novidades-na-area-de-fotografia-de-aventura-na-photoimage-brasil/ http://www.fotografia-dg.com/novidades-na-area-de-fotografia-de-aventura-na-photoimage-brasil/#comments Fri, 25 Jul 2014 14:50:21 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23527 Garmin e Polaroid irão mostrar aos visitantes seus lançamentos para registros de imagens em movimento. Feira acontece em agosto, em São Paulo

The post Novidades na área de fotografia de aventura na Photoimage Brasil appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Garmin e Polaroid irão mostrar aos visitantes seus lançamentos para registros de imagens em movimento. Feira acontece em agosto, em São Paulo

De olho no mercado de fotografias de aventura que vem crescendo a cada ano no Brasil e no mundo, a 22ª edição da PHOTOIMAGE BRASIL, maior feira de imagem da América Latina, trará grandes novidades e lançamentos para profissionais que pretendem se dedicar a esse nicho. As marcas Polaroid e a Garmin, por exemplo, apresentarão produtos que ainda são pouco conhecidos no Brasil e que garantirão qualidade na arte de fotografar. A Feira, organizada pela Reed Exhibitions Alcantara Machado, acontece de 26 a 28 de agosto, no Pavilhão Verde do Expo Center Norte (Rua José Bernardo Pinto, 333), em São Paulo.

PIB1 Novidades na área de fotografia de aventura na Photoimage Brasil

Para quem trabalha com vídeo e foto, a Garmin, uma das maiores empresas em navegação por satélite, irá levar para a PHOTOIMAGE BRASIL o seu lançamento VIRB, uma câmera de ação True Full HD (1080p). A máquina possui uma característica única: facilitar a captura de cenas da vida em movimento. Os modelos VIRB e VIRB Elite são as mais recentes soluções para o segmento outdoor da marca, que concentra tecnologia e inovação para práticas de ciclismo, trilhas, corridas, esportes aquáticos ou qualquer atividade ao ar livre, independente do nível. A VIRB captura imagens de alta qualidade, inclusive embaixo d’água, já que possui uma caixa externa robusta a prova de água padrão IPX7 (pode resistir à imersão acidental em um metro de água por até 30 minutos), o que dispensa cases extras para enfrentar condições adversas, como atividade de esqui e passeios de caiaque.

Sua tela colorida Chroma™ possui 1.4, que facilita a configuração e reprodução utilizando o mínimo de energia para a câmera poder gravar até três horas de True HD com uma única carga. Os recursos de aprimoramento de vídeo inclusos, como a estabilização digital de imagem e correção da distorção da lente garantem que as imagens gravadas com a VIRB estarão de ótima qualidade, mesmo antes de editá-las. Além das características técnicas, ela tem um design fino e aerodinâmico. O modelo VIRB Elite incorpora todas as funcionalidades da VIRB, porém, agrega novas características como GPS de alta sensibilidade, acelerômetro, wi-fi e altímetro. Ela vem equipada ainda com perfis de atividades específicos, para que o usuário possa rastrear a localização, velocidade, altitude e frequência cardíaca. A máquina também possui o modo Ski, capaz de reconhecer a diferença entre descer a montanha e subir no teleférico.

Polaroid

Marca conhecida mundialmente por ser pioneira em fotografia instantânea, a Polaroid volta a expor as suas novidades na PHOTOIMAGE BRASIL. Entre seus lançamentos está a sua linha Polaroid Action, com as câmeras POLXS100, POLXS80, POLXS20 e POLXS9. As três primeiras têm sensor de 5MP Profissional, com desempenho de pouca luz, leves, à prova de choque e minimizam o ruído do vento. Também são à prova d’água que variam de 20 a 30 metros (conforme o tipo de câmera) e não tem distorção para ângulo de visão entre 120 e 170 graus, dependendo do modelo. As POLXS100 e POLXS20 podem ser acopladas a bicicletas e capacetes. Já a POLXS9 é uma câmera impermeável para esportes de ação. Possui 1.3MP e lentes ultra-wide. Sua tela de LCD tem 2 polegadas e é touch screen. A marca lançará também sua linha Polaroid Cube, uma câmera filmadora para esportes de ação, à prova de choque, água, mais resistente, montável e construída para todos os tipos de atividades.

PIB2 Novidades na área de fotografia de aventura na Photoimage Brasil

Confira a lista completa de expositores no site www.photoimagebrasil.com.br

The post Novidades na área de fotografia de aventura na Photoimage Brasil appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/novidades-na-area-de-fotografia-de-aventura-na-photoimage-brasil/feed/ 0
Investimentos da Sony em sensores para dispositivos móveishttp://www.fotografia-dg.com/investimentos-da-sony-em-sensores-para-dispositivos-moveis/ http://www.fotografia-dg.com/investimentos-da-sony-em-sensores-para-dispositivos-moveis/#comments Fri, 25 Jul 2014 09:46:42 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23520 A Sony percebeu que a moda do momento na fotografia digital em dispositivos móveis são as chamadas selfies, aquilo que até pouco tempo atrás era chamado de autorretrato.

The post Investimentos da Sony em sensores para dispositivos móveis appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Via Reuters

A Sony percebeu que a moda do momento na fotografia digital em dispositivos móveis são as chamadas selfies, aquilo que até pouco tempo atrás era chamado de autorretrato. E pensando nisso a Sony, que é uma das maiores fabricantes de sensores de imagem para câmeras de dispositivos móveis (incluindo a do último iPhone lançado), aumentou seu investimento em 3 fábricas no Japão em 35 bilhões de ienes, cerca de 345 milhões de dólares, para se dedicarem a novos e melhores sensores para as câmeras frontais de dispositivos móveis.

iphone exmor 3 e1406281499752 Investimentos da Sony em sensores para dispositivos móveis

Atualmente muitas câmeras frontais possuem resolução baixa e qualidade muito pobre de imagem, a Sony está disposta a mudar isso e afirma que o investimento permitirá a produção de 68 mil unidades por mês até agosto de 2015, mas a meta é chegar às 75 mil unidades mensais. A concorrência com a Omnivision Technologies fica mais acirrada, esta que é famosa por fabricar sensores de imagem para câmeras frontais de baixa resolução e foi a responsável pelo sensor da câmera principal do iPhone 4.

Do total de 35 bilhões de ienes investidos na produção dos sensores de imagem, 9 bilhões serão investidos agora e sairão do investimento de outros 65 bilhões já anunciados pela Sony em maio para a produção de semicondutores, e os 26 bilhões restantes em 2015, a partir de março.

The post Investimentos da Sony em sensores para dispositivos móveis appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/investimentos-da-sony-em-sensores-para-dispositivos-moveis/feed/ 0
Pentax K-3 Prestige Edition4.5/5(4)http://www.fotografia-dg.com/pentax-k-3-prestige-edition/ http://www.fotografia-dg.com/pentax-k-3-prestige-edition/#comments Thu, 24 Jul 2014 21:09:58 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23515 A Pentax K-3 Prestige Gunmetal Edition nasceu para comemorar os vários prêmios e indicações recebidos do DPReview, PC Magazine, Imaging Resource e da TIPA.

The post Pentax K-3 Prestige Edition4.5/5(4) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
A Ricoh, detentora atual da marca Pentax, anunciou uma edição especial da sua super bem-sucedida câmera DSLR Pentax K-3 que inovou na época com um filtro OLPF que pode ser usado ou não, de acordo com a necessidade e vontade do usuário. A Pentax K-3 Prestige Gunmetal Edition nasceu para comemorar os vários prêmios e indicações recebidos do DPReview, PC Magazine, Imaging Resource e da Technical Image Press Association (TIPA).

Pentax K 3 Prestige Gunmetal Edition Pentax K 3 Prestige Edition

As diferenças da Pentax K- Prestige Edition para a versão original são o belo corpo cinza metálico (com grip removível na mesma cor, como o modelo original) e alça de couro preta. Serão disponibilizadas apenas 2 mil unidades desta edição especial para o mundo todo e começará a ser comercializada a partir do início do mês de agosto.

A Pentax K-3 Prestige Edition teve seu preço estipulado em 1100 libras/1400 dólares. Não foi divulgado o preço em euros e esta edição especial é apenas o corpo da câmera, não há nenhum kit contando com alguma objetiva.

The post Pentax K-3 Prestige Edition4.5/5(4) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/pentax-k-3-prestige-edition/feed/ 0
O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto5/5(2)http://www.fotografia-dg.com/o-suicidio-da-fotografa-francesca-woodman-segundo-o-filosofo-arthur-danto/ http://www.fotografia-dg.com/o-suicidio-da-fotografa-francesca-woodman-segundo-o-filosofo-arthur-danto/#comments Wed, 23 Jul 2014 11:06:46 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23462 O filósofo e crítico de arte Arthur Danto, na revista The Nation, na coluna “Darkness Visible”, em 15 de novembro de 2004, comentou sobre a fotógrafa Francesca Woodman e os mistérios da sua morte em sua própria arte.

The post O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto5/5(2) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
O filósofo e crítico de arte Arthur Danto, na revista The Nation, na coluna “Darkness Visible”, em 15 de novembro de 2004, comentou sobre a fotógrafa Francesca Woodman e os mistérios da sua morte em sua própria arte.

99fwdmn O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur DantoFrancesca Woodman na foto acima.

A artista extremamente talentosa Francesca Woodman terminou abruptamente sua breve vida e carreira em 19 de janeiro de 1981, saltando para a morte de uma janela do seu estúdio em Nova York. Francesca tinha 22 anos, quando cometeu suicídio. A obra de seus oito anos produtivos foi exposta, entre outros lugares, no Museu de Arte da Cidade de Helsínquia, na Finlândia; na Marian Goodman Gallery, em Nova York, em 2004; e na Galeria Mendes Woode (Mendes Wood DM), em São Paulo, em 2012.

Francesca Woodman ficou famosa pelos seus trabalhos em preto e branco, onde utilizou da sua própria imagem ou modelos femininos. Muitas das suas fotografias mostram jovens mulheres nuas, desfocadas (devido ao movimento e longos tempos de exposição), fundindo com os seus arredores, ou com os seus rostos velados.

Arthur Danto afirma que teria sido mágico e enigmático qualquer que fosse o destino da jovem fotógrafa Francesca Woodman, mas o seu suicídio causou aos espectadores uma curiosidade em saber se ele foi prenunciado em suas fotografias.

Mas, segundo Danto, a relação entre a vida de um artista e o seu trabalho é sempre provisória, mesmo quando a vida parece, obviamente, ter sido o objeto do trabalho, como é o caso do famoso escritor Marcel Proust. A melhor razão para a leitura da biografia de Proust, por exemplo, é aprender como diferente são a sua vida e o seu grande romance literário, apesar da interna relação entre os dois. A diferença entre esse autor e o narrador da sua obra “Em Busca do Tempo Perdido” é uma intrincada questão de interpretação.

It+must+be+time+for+lunch+now+1979 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto

Estando ou não o suicídio de Francesca projetado em sua arte, o seu trabalho parece revelar sua vida interior, não só porque Francesca é tipicamente o seu próprio modelo para as suas fotografias, mas por causa do jeito que em Francesca cria imagens de si mesma: as fotografias são de uma mulher jovem, freqüentemente nua, muitas vezes usando tipos de roupas vintage (retrógrada) ou íntimas roupas que os amigos de Francesca diziam que ela usava a todo tempo. A jovem fotógrafa geralmente aparece sozinha em quartos, em grande parte vazios, com paredes manchadas e peças de móveis de segunda mão, que ela usava como estúdio ou espaço de trabalho ou ambos. Então, as pessoas têm debruçado muito sobre as fotografias dela, com olhos forenses, à procura de pistas sobre o seu suicídio.

Enfim, até hoje estudiosos continuam a buscar evidências, realmente embasadas, de um prenúncio do seu suicídio em suas obras fotográficas, as quais Francesca utilizou de elementos como o simbolismo, o Barroco, o Surrealismo e o Futurismo. Hoje, muitos consideram uma arte mais conceitual.

foto 2 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto

Francesca conseguiu revelar sua alma — o romantismo, a alegria, o medo, a ambição, o feminismo e a angústia de uma menina — por meio da exposição do corpo. Agora reconhecida pelo mundo das artes, deixou obras lindas. Alguns textos de seu diário mostram como era intensa, ambiciosa, ansiosa por reconhecimento. Em uma de suas frases afirma que é vaidosa e masoquista e se indaga como pode ser as duas coisas.

Suas fotografias são, como toda arte dessa natureza, tão poderosas que é impossível passar por elas sem ser atraído, sem sentir certa perturbação e angústia, sem pensar nos limites do corpo. Francesca explora o corpo humano, seus limites e temas como a solidão, a morte e o feminino.

Para os interessados, em 2010 foi lançado o documentário “The Woodmans”, realizado por C. Scott Willis (ainda não legendado em português). O filme fala sobre a família e vida da fotógrafa Francesca, traz depoimentos de familiares próximos, como seu irmão, fala sobre a relação e importância da arte na vida de Francesca e seu trágico fim. Sem dúvida, a arte era o sentido da sua vida e foi após um bloqueio criativo que afetou todo o seu processo lhe impedindo de produzir, que ela entrou numa crise e desequilibrou-se a ponto de se matar, segundo o “The Woodmans”.

Na atualidade, um jovem que tem se destacado na fotografia como arte mais conceitual ou, em alguns casos, surreal, é o fotógrafo Kyle Thompson, que tem também Francesca Woodman como fonte de inspiração. Vale á pena conhecer igualmente o seu trabalho.

Confira abaixo algumas fotografias da jovem fotógrafa Francesca Woodman:

110 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto 04+Francesca+Woodman 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto 177927 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto 4794588134 a5ccb9d6cf z 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto 7601753392 792398a086 z 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto 8065620673 8f051fe17e o 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto 8323058764 172e78996e z 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto AR00359 10 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto Francesca Woodman Boulder estate 1976 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto Francesca Woodman untitled Boulder Colorado 1976 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto francesca woodman 6192 7511426542 1024x768 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto francesca woodman13 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto Francesca+Woodman+3 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto Francesca Woodman 13 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto Francesca Woodman 22 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto Francesca Woodman Book 9 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto  O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto It+must+be+time+for+lunch+now+19791 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto o 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto On being an Angel Providence 1977 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto TheMasters FrancescaWoodman01 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto TheMasters FrancescaWoodman05 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto TheMasters FrancescaWoodman08 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto TheMasters FrancescaWoodman10 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto tumblr lv5glgbqJt1r1w31so1 1280 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto Woodman+Francesca+ +Emmaus 400x200 O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto

The post O suicídio da fotógrafa Francesca Woodman, segundo o filósofo Arthur Danto5/5(2) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/o-suicidio-da-fotografa-francesca-woodman-segundo-o-filosofo-arthur-danto/feed/ 2
Tire todas suas dúvidas | Congresso Livre de Fotografiahttp://www.fotografia-dg.com/tire-todas-suas-duvidas-congresso-livre-de-fotografia/ http://www.fotografia-dg.com/tire-todas-suas-duvidas-congresso-livre-de-fotografia/#comments Wed, 23 Jul 2014 09:00:23 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23408 Mas que raios de congresso é esse? Online? Como assim? De graça? Por quê tem opção paga? Vale a pena? Qual a diferença? E quem são os palestrantes? Eu consigo ver pelo menos um teaser de alguma palestra? Bem.. seus problemas acabaram! Bem, agora, se você não quer perder mais nada, corre e seja um ...

The post Tire todas suas dúvidas | Congresso Livre de Fotografia appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Mas que raios de congresso é esse?

Online? Como assim? De graça? Por quê tem opção paga?
Vale a pena? Qual a diferença? E quem são os palestrantes?
Eu consigo ver pelo menos um teaser de alguma palestra?
Bem.. seus problemas acabaram!

Bem, agora, se você não quer perder mais nada, corre e seja um MEMBRO OURO!
News FAQ 2 620x168 Tire todas suas dúvidas | Congresso Livre de Fotografia

Deixe o vídeo acima carregando e já acompanhe as vantagens!
a1 620x488 Tire todas suas dúvidas | Congresso Livre de Fotografia
a2 620x409 Tire todas suas dúvidas | Congresso Livre de Fotografia

Agora volte e assista ao vídeo com calma e aproveite!!!
Nos vemos nessa quinta feira as 10h da manhã!

ARTE INDIVIDUALa 620x383 Tire todas suas dúvidas | Congresso Livre de Fotografia

The post Tire todas suas dúvidas | Congresso Livre de Fotografia appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/tire-todas-suas-duvidas-congresso-livre-de-fotografia/feed/ 1
Use todos os benefícios da internet ao seu favor!http://www.fotografia-dg.com/use-todos-os-beneficios-da-internet-ao-seu-favor/ http://www.fotografia-dg.com/use-todos-os-beneficios-da-internet-ao-seu-favor/#comments Tue, 22 Jul 2014 09:44:36 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23420 Como todos sabem, a internet atualmente é o maior e melhor meio de comunicação e divulgação. O mundo inteiro se conecta a ela, muitas pessoas usam a internet ao seu favor e conseguem ter sucesso profissional ao divulgar seus serviços.

The post Use todos os benefícios da internet ao seu favor! appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Olá leitores do Fotografia-DG!

Como todos sabem, a internet atualmente é o maior e melhor meio de comunicação e divulgação. O mundo inteiro se conecta a ela, muitas pessoas usam a internet ao seu favor e conseguem ter sucesso profissional ao divulgar seus serviços.

Com tantas possibilidades que a internet nos permite, podemos citar que temos ao nosso alcance, os sites, portfolios, redes sociais como facebook, instagram, twitter, site de anúncios gratuitos entre outras plataformas.

camera Use todos os benefícios da internet ao seu favor!

Hoje destaco uma delas que serve para dois segmentos:

  • Anunciar seus serviços de fotografia;
  • Vender ou comprar equipamentos para atualizar seu material fotográfico.

Uma alternativa a mais no quesito “ferramentas de divulgação” é o site OLX Brasil, que é uma das maiores páginas da internet focada em anúncios gratuitos do mundo (a OLX está presente em 96 países).

Além de sua grande expansão e de estar conectada praticamente com o mundo inteiro, a OLX apostou também em anúncios televisivos sempre usando muito bom humor e criatividade, conseguindo assim alcançar um número ainda maior de pessoas.

Fazendo seu cadastro, você pode anunciar seus serviços, seja ele na área de fotografia, produção, eventos, casamentos, álbuns, diagramação entre outros. A sua área restrita, permite que você adicione imagens que divulgue melhor este serviço, portanto, uma dica importante é: saiba escolher suas imagens, porque é a partir delas que seus clientes vão aparecer e entrar em contato, ainda mais se tratando de serviços fotográficos, o cuidado com as imagens divulgadas é redobrado.

O outro segmento que citei acima que a OLX oferece, é anunciar seus equipamentos fotográficos para venda e também para procurar equipamentos para comprar. Caso tenha alguma dúvida a respeito sobre a compra, você encontra os anúncios anteriores do usuário e pode comparar seu histórico. Além de prático, é seguro,  pois você pode fazer todos os trâmites dentro da sua casa ou local de trabalho. E caso não tenha um computador por perto, a OLX, disponibiliza um aplicativo para que você possa baixar e fazer seus anúncios através do celular.

Uma ferramenta simples, prática e últil para agregar ao seu dia-a-dia. icon wink Use todos os benefícios da internet ao seu favor!

The post Use todos os benefícios da internet ao seu favor! appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/use-todos-os-beneficios-da-internet-ao-seu-favor/feed/ 0
O Fotojornalismo e suas ligações com a foto documental5/5(4)http://www.fotografia-dg.com/fotojornalismo-fotografia-documental/ http://www.fotografia-dg.com/fotojornalismo-fotografia-documental/#comments Fri, 18 Jul 2014 10:01:56 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23374 Neste artigo irei estabelecer uma diferenciação entre a fotografia documental e o fotojornalismo, visto que são separados por uma tênue linha que os conceitua.

The post O Fotojornalismo e suas ligações com a foto documental5/5(4) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Neste artigo irei estabelecer uma diferenciação entre a fotografia documental e o fotojornalismo, visto que são separados por uma tênue linha que os conceitua. A acepção de fotojornalismo pelo autor Jorge Pedro Sousa define o termo em sentido lato e em sentido estrito. No sentido lato, o fotojornalismo é a “atividade de realização de fotografias informativas, interpretativas, documentais ou ilustrativas para a imprensa ou outros projetos editoriais ligados à produção de informação de atualidade”.

No sentido estrito, entretanto, o fotojornalismo é a atividade que visa informar, contextualizar, oferecer conhecimento, formar, esclarecer ou marcar pontos de vista através da fotografia de acontecimentos e da cobertura de assuntos de interesse jornalístico.  O fotojornalismo, em sentido exato, tem como meta transmitir informação de maneira objetiva e instantânea, diferenciando-se da fotografia documental, que tem como prioridade desenvolver um trabalho mais interpretativo e elaborado.

shutterstock 154948676 O Fotojornalismo e suas ligações com a foto documental

A fotografia documental é um gênero fotográfico que engloba uma grande diversidade de propostas éticas e estéticas, constituindo uma verdadeira espiral de contradições e aderências sobre a sua prática, valores e propósitos. Temas sociais, impressões sobre o mundo, vida cotidiana, cenas de guerra, registros de viagens, os mais diferentes tipos de fotografias podem ser classificados como documentais. Alguns autores como Gisèle Freund consideram o caráter documental inato à fotografia, o que significa que toda foto pode ser considerada um documento e representação da estrutura social de uma época. Outros, como o português Jorge Pedro Sousa, apresentam o documentarismo social – que está relacionado diretamente a temas de caráter social – como a forma mais comum de fotodocumentarismo.

A fotografia documental atual possui, ainda, em suas veias, características da estrutura clássica do documentarismo, o qual fora solidificado nos anos 1930. Esse modelo foi esculpido no século XIX, com os primeiros documentaristas, a exemplo do escocês John Thomson (1837-1921), o dinamarquês Jacob Riis (1849-1914), a americana Margaret Sanger (1879-1966) e o alemão Heinrich Zille (1858- 1929), que se dedicaram de forma apaixonada à fotografia social. Nos anos 30, auge do modelo, os fotodocumentaristas procuravam se estabelecer sob o tripé: verdade, objetividade e credibilidade. Para o inglês Derrick Price  “o arquetípico projeto documental estava preocupado em chamar a atenção de um público para sujeitos particulares, frequentemente com uma visão de mudar a situação social ou política vigente”.

Desta maneira, podemos compreender que a fotografia documental se utiliza de técnicas e processos específicos, que têm como decorrência um material com características próprias. Incumbe ressaltar que este trabalho exige um prévio estudo do tema e também a criação de uma plataforma de abordagem, bem como pesquisas auxiliares.

Vale assegurar que para um enfoque documental do patrimônio é necessário que seja realizada uma avaliação precedente do mesmo, com o intuito de blindar nesta documentação todos os pormenores históricos, sociais, culturais e artísticos do bem, que fazem a caracterização da identidade dos indivíduos, bem como da nação e do povo que se vê refletido naquele patrimônio, a fim de que obtenha como resultado um trabalho documental de validade intemporal.

shutterstock 187404479 O Fotojornalismo e suas ligações com a foto documental

Ao contrário do fotojornalismo diário, a fotografia documental produz de maneira mais impactante efeitos perceptivos que transcendem ao que é mostrado na imagem. Mencionando Sontag , “fotografar é atribuir importância” . Neste fato, podemos perceber que em muitos episódios o patrimônio carece desta importância atribuída por uma imagem. Compete aqui advertir acerca da subvalorização do patrimônio e sua consequente degradação através de fatores naturais, e a má conservação por parte da sociedade na qual se encontra inserido, gerando a necessidade de que tudo seja documentado para gerações vindouras.

É imprescindível destacar que a fotografia documental já flui marcada como representante da verdade, ou seja, é a paladina da veracidade dos eventos, e ainda hoje seguramente labora como vigilante da autenticidade dos fatos. Como observa a pesquisadora espanhola Margarita Ledo, “a foto será sinônimo de imagem transparente, sem armadilha nem mentira, de imagem informativa, sobre fatos reconhecíveis e legíveis, entendíveis [...]”

O instantâneo documental é, enfim, a documentação de um fato real por intermédio da imagem. Traz como objeto essencial a construção da realidade, se propõe a narrar a história por meio de uma sequência de imagens. Acena totalmente com algo palpável, de forma material, já existente, que se fixa com a finalidade de registrar e reproduzir com fidelidade a aparência. Para consolidar a confiança, para sustentar tal valor, apesar de não poder garanti-lo totalmente.

É através da fotografia documental que se apresentam os maiores relatos da história, laborando como uma máquina do tempo, com função testemunhal. É imperativo proferir que a foto documental não inventa e, por isso, desempenha um papel de documento. Documento este que deve ser preservado e valorizado como fonte de história, memória e cultura de um povo.

Fonte das Imagens: shutterstock.com

The post O Fotojornalismo e suas ligações com a foto documental5/5(4) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/fotojornalismo-fotografia-documental/feed/ 5
Atrás de Canon e Nikon existe uma pessoa4.46/5(13)http://www.fotografia-dg.com/atras-de-canon-e-nikon-existe-uma-pessoa/ http://www.fotografia-dg.com/atras-de-canon-e-nikon-existe-uma-pessoa/#comments Thu, 17 Jul 2014 17:26:33 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23356 Bem, vou começar pedindo desculpas por fazer um texto tão grande. Mas, confesso, não seria capaz de sintetizar tanta coisa que acredito ser importante, pois foram para mim.

The post Atrás de Canon e Nikon existe uma pessoa4.46/5(13) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Bem, vou começar pedindo desculpas por fazer um texto tão grande. Mas, confesso, não seria capaz de sintetizar tanta coisa que acredito ser importante, pois foram para mim.

Vejo em todos os fóruns pessoas, jovens basicamente, preocupadas com modelos de câmeras, megapixels, lentes claras, flashes, full frames e muito mais…

A fotografia, assim como grande parte das profissões, tem dois lados que se destacam: conhecimento e dom. E, para se ter sucesso, que é diferente de fama, tem que desenvolver os dois SEMPRE.

Hoje, fica parecendo que é muito fácil ser fotógrafo… Claro, tecnicamente você tem: view, asa (ISO) puxada até 4000/6000, pode dar um monte de clicks num só assunto, depois photoshop e lightroom e um monte de filtros e efeitos que mascaram uma foto, para, finalmente, entregá-la ao cliente… Não é demérito para quem faz, eu trabalho com essas ferramentas também… Contudo, o que falo é que falta um pouco mais de preparo e desenvolvimento no dom da fotografia. E isto eu tive por ter o “privilégio” de ser velho.

Trabalhei com câmeras mecânicas, com flashes de carga cheia e meia carga, filmes de 36 poses e, depois do evento, você tentava dormir e não conseguia, pois ficava preocupado se acertou o diafragma na hora em que a noiva beijou o noivo… Sim, você não tinha um segundo click… Trabalhava-se com três corpos de câmeras pesadas e barulhentas, se virava em vinte para não perder um momento…

Mas esses sufocos criaram uma “casca”, uma forma de ver a profissão que me dá tranquilidade de pensar antes de clicar, de antecipar o que você verá na hora do trabalho, de planejar e, claro, isto reflete no resultado final. Não sou um profissional famoso que tem somente a fotografia como sobrevivência, mas ganho minha graninha “de boa” como falam hoje… Contudo, estou sempre buscando a informação técnica e emocional para essa profissão… E o que é isto, informação emocional? É buscar referências para a formação profissional que não estão diretamente ligadas à atividade: artes plásticas, história da arte, psicologia, sociologia, tudo onde a imagem tem significado… Um tal de Rafael, da escola holandesa, já sacava de iluminação lá nos anos 1400… Leonardo da Vinci sabia composição lá nos anos 1500!!!

A atividade comercial da fotografia séria não é uma arte. É uma profissão que vem a todos os dias se aprimorando com leitura, estudo, treinos, testes e muita, muita observação do mundo… Quando vejo uma foto legal, que me interessa, pergunto para mim: ”cara, como é que ele conseguiu fazer isto?” e tento responder tecnicamente… E, até mesmo, tentando na prática fazer igual…

Atrás de Canon e Nikon existe uma pessoa Atrás de Canon e Nikon existe uma pessoa

Fotografia tem dois aspectos que se diferenciam bem: dominar e ser dominado pelo assunto. Vou dar um exemplo simples. Pôr do sol, todo mundo faz a mesma foto, de quem tem celular até o último modelo de Hasselblad 3hd mega plus high tecnolgy plus… Agora, se, na mesma cena, o cliente pediu que tenha um casal fazendo um piquenique na contraluz, tendo que realçar uma garrafa de vinho colocado à esquerda, próxima ao primeiro plano, aí a coisa complica… E complica muito MESMO!!!

A foto acima (a hora do tigre foi beber água) foi feita com uma contraluz, sombras duras e pele escura. Para registrar o tigre, flash direto sobre o objetivo, uma subexposição…

Vejo muita gente seguindo um caminho curto querendo o sucesso rápido e preocupado entre CANON e NIKON… Moçada, se pedirem para eu escolher entre uma Ferrari ou um Porsche, só saberia escolher na teoria, para mim não adianta nada, não sei dirigir…

Por trás da câmera está a ferramenta mais importante: o conhecimento humano…

Desculpem, falei demais e não ajudei a quem quer decidir entre Canon e Nikon.

The post Atrás de Canon e Nikon existe uma pessoa4.46/5(13) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/atras-de-canon-e-nikon-existe-uma-pessoa/feed/ 11
A fotografia do ponto de vista de fotógrafos amadores4.59/5(29)http://www.fotografia-dg.com/fotografia-ponto-de-vista-de-fotografos-amadores/ http://www.fotografia-dg.com/fotografia-ponto-de-vista-de-fotografos-amadores/#comments Wed, 16 Jul 2014 11:15:11 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23290 4 perguntas com resposta sobre o que é a fotografia do ponto de vista de vários fotógrafos amadores.

The post A fotografia do ponto de vista de fotógrafos amadores4.59/5(29) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
4 PERGUNTAS COM RESPOSTA  SOBRE O QUE É A FOTOGRAFIA DO PONTO DE VISTA DE VÁRIOS FOTÓGRAFOS AMADORES

Expressões Fotográficas publica neste artigo do Fotografia-DG uma FAQ de 4 perguntas com resposta efectuadas a fotógrafos amadores sobre  o que é a fotografia e ser fotógrafo.

Por uma questão de privacidade, todos os entrevistados pediram anonimato,  pelo que selecionou-se as 5 melhores respostas para a realização deste artigo de opinião. O intuito é servir de inspiração a novos fotógrafos e fornecer algumas dicas úteis a todos os que abraçam a fotografia com paixão.

Imagem Final A fotografia do ponto de vista de fotógrafos amadores

1 – O QUE É PARA SI A FOTOGRAFIA?

Para mim Fotografia, mais do que a “arte de pintar com a luz”, é:

  • PERSISTÊNCIA na obtenção do assunto a ser fotografado
  •  OBSERVAÇÃO sem um poder de observação intuitivo, o momento certo não aparece
  •  CRIATIVIDADE pois nem só de observação vive o fotógrafo. Por vezes haá que ser criativo na composição para se obter o resultado final desejado.
  •  TÉCNICA é sempre aconselhável saber o que se faz e como se deve fazer. Isso pode transformar uma imagem banal numa grande fotografia.
  •  DIFERENCIAÇÃO pois nenhum fotógrafo é igual. Toda a fotografia é uma imagem conseguida a partir da observação e interpretação que cada pessoa (fotógrafo ou não) faz de uma ssunto específico num momento específico.

2 - A CÂMERA DIGITAL E O SMARTPHONE SÃO MITOS A ABATER?

Vou responder fazendo-lhe uma pergunta: Os dedos da mão são iguais? Não, não são, mas no fim todos interagem para um fim comum – fazer determinada acção. Para mim, fotografia é, acima de tudo, um exercício de paciência e observação. Claro que um equipamento topo de gama pode fazer a diferença no resultado final, mas se você não sabe ou não consegue ver não é o equipamento que vai fazer a diferença. Tudo tem de partir de você. Pois é vocÊ que vai interpretar um momento e deixar ao critério do espectador aquilo que você viu e como ele vai ver. Então, eu não acho que uma câmera digital ou smartphone produzam “olhares” diferenciados e menosprezados daquilo que você viu no momento e quer transmitir a quem vai ver o seu trabalho. Já o resultado final pode ditar que a utilização de uma câmera difgital ou smartphone é adulterar o príncipio básico da fotografia que é a “arte de pintar com a luz”, no sentido em que o resultado final, geralmente gravado como JPEG não vai imprimir o impacto que tem quando você fotografa em RAW utilizando o modo manual para controlar todo o processo de criação e edição de uma fotografia.

3 - O QUE VOCÊ ACHA DA EDIÇÃO DIGITAL?

A edição digital, quando utilizada com moderação pode conseguir resultados espantosos. Mas atenção, tudo o que é amsi, sobra. Isto quer dizer, que se uma fotografia não tem o impacto necessário para ser  exibida deve-se realçar certos aspectos da fotografia, como cores, iluminação, composição através de um novo reenquadramento. Quanto a efeitos, o HDR funciona bem em algumas fotos, efeitos retor e vintage funcionam bem em outras fotos e o monocromático (preto e branco) funciona quase sempre bem em todas as fotos. O que vocÊprecisa entender é que a edição digital não faz milagres numa foto, apenas realça o que a fotografia tem de melhor para prender mais a sua atenção.

4 - QUER DEIXAR AQUI ALGUMAS DICAS PARA TODOS AQUELES QUE COMEÇAM AGORA NA FOTOGRAFIA?

Ok. A primeira pergunta que você deve fazer a si próprio é que tipo de fotógrafo você quer ser: Fotógrafo de Moda, Foto-jornalista, Fotógrafo de paisagens, etc. A seguir, você deve decidir se vai investir ou não na fotografia, pois é um hobby ou uma profissão que requer mmuita disponibilidade finaceira e de tempo pessoal para aprimorar técnicas e desenvolver o chamado “poder de observação”. Se você quer investir a sério na fotografia, procure ler e ver o que outros fotógrafos fazem até encontrar o seu estilo. A internet, neste caso é um ótimo veiculo de informação. Crie uma página no facebook, uma conta numa galeria on-line e procure investir numa formação que vai-lhe alargar horizontes e aprimorar técnicas basicas e,acima de tudo, pegue na sua máquina, seja qual for  e pratique bastante.

The post A fotografia do ponto de vista de fotógrafos amadores4.59/5(29) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/fotografia-ponto-de-vista-de-fotografos-amadores/feed/ 2
Fotografia, Marketing, Velhos e Novos Mercados5/5(1)http://www.fotografia-dg.com/fotografia-marketing-velhos-e-novos-mercados/ http://www.fotografia-dg.com/fotografia-marketing-velhos-e-novos-mercados/#comments Tue, 15 Jul 2014 17:12:41 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23274 Não se sabe ao certo onde ou quando foi realizada a primeira feira na História. Existam fontes, entretanto, que permitem afirmar que, em 500 a.C., já se realizava essa atividade no Médio Oriente, nomeadamente na cidade-estado Fenícia de Tiro.

The post Fotografia, Marketing, Velhos e Novos Mercados5/5(1) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Não se sabe ao certo onde ou quando foi realizada a primeira feira na História. Existam fontes, entretanto, que permitem afirmar que, em 500 a.C., já se realizava essa atividade no Médio Oriente, nomeadamente na cidade-estado Fenícia de Tiro.

Na Idade Média, com a crise do feudalismo a partir de fins do século XI, a afirmação das feiras medievais indica o momento em que ressurge o comércio na Europa, associando-se à afirmação do poder régio, à génese dos burgos e da burguesia enquanto classe social.

Desse modo, com a reabertura do Mar Mediterrâneo a partir das Cruzadas, os europeus puderam vivenciar um maior contato com o Oriente, de onde chegavam mercadorias raras e exóticas (cravo, canela, pimenta, seda, perfumes, porcelana). Registrou-se, assim, o chamado Renascimento Comercial, de vez que esses produtos começaram a ser vendidos nas feiras que surgiam nas cidades que então “renasciam”. Foram chamadas de “burgos”, em virtude de seus muros fortificados, e os habitantes de “burgueses”, termo que posteriormente se aplicaria especificamente aos comerciantes enriquecidos com a sua prática.

enio leite historia 450x245 Fotografia, Marketing, Velhos e Novos Mercados

Durante a realização das feiras medievais, interrompiam-se guerras; a paz era garantida para que os vendedores, dispostos lado a lado, pudessem trabalhar com segurança. Da mesma maneira, guardas vigiavam todo o perímetro do local do evento, de modo a evitar que algum desordeiro pudesse causar incómodos àqueles que por ali passavam e desejavam efetuar as suas compras..

A ocasião era aproveitada por saltimbancos e outros artistas de rua, que procuravam atrair a atenção e a generosidade da população que afluía a esses eventos, quer para comerciar, quer para simplesmente se distrair. Alguns afirmam que estas atividades artísticas eram chamarizes para garantir a presença de publico a estas feiras.

As feiras medievais instalavam-se em locais estratégicos, como povoações que se pretendiam desenvolver, ou o cruzamento de rotas comerciais. Algumas chegaram mesmo a ter abrangência internacional.

O renascimento do comércio tornou necessário o uso da moeda, prática que havia desaparecido quase que totalmente nos séculos anteriores. Nas feiras, que atraíam pessoas de vários lugares, havia uma grande variedade de moedas em circulação, o que desenvolveu os bancos e o câmbio.

As grandes expedições portuguesas, por exemplo, eram financiadas por grandes comerciantes, pois em caso de sucesso, a margem de lucro era inestimável.  Depois disso, no século VVII, nas principais metrópoles europeias, já  surgia algo rudimentar, idêntico a Bolsa de Valores, mas de menor tamanho e repercussões limitadas que financiavam o comercio, navegações e expedições comerciais. As Companhias das Índias Orientais.

Um dos personagens interessantes dessa época foi Maurício de Nassau. Conde e príncipe no Sacro Império Romano-Germânico do século XVII. Trabalhou para a Companhia Holandesa das Índias Ocidentais. Era responsável por administrar o Ciclo da Cana de Açúcar, na região do Nordeste Brasileiro, conquistado pelos holandeses na terceira década do século XVII. Tal fato ocorrera pelo simples motivo da Holanda ter sido impedida pela Espanha e Portugal de comercializar em suas rotas marítimas.

Mas, porque toda essa história? Bem a maioria confunde marketing por publicidade. Embora ambos tenham estratégias, custos e metas cada um atinge propósitos distintos e bem definidos.

Os menos avisados poderiam dizer que os espetáculos circenses dos saltimbancos eram marketing. O objetivos deles, contudo era atrair o publico, diverti-los e arrecadarem algo com essa atividade, como fazem as “estátuas vivas” e outras manifestações artísticas e espontâneas  nas grandes capitais brasileiras.

Introdução ao Marketing

Marketing já é outra coisa. Imagine você em uma feira livre em dúvida, se compra esse queijo ou outro, de outra barraca. Se vais leva essa ou aquela fruta? O feirante esperto, logo pega a sua faca, corta um pedaço e nos oferece “prove”!

O fato de provar faz que  definitivamente compremos ou vamos a procura de novas opções em outras barracas. Mas, na maioria das vezes o negócio já foi fechado. Essa antiga técnica de marketing, por mais simples que seja, ultrapassa os mercados de escambo, com mais de 1.000 anos.

O ato de provar não deixa de ser um convite ao seu cliente de conhecer melhor o seu produto, aquilo que você tem a oferecer.  O mercado está sempre em busca de algo novo, que seja bom, que agregue valor que o consumir sinta orgulho em mostrar aos seus amigos. Aquilo que você gosta ou quer não pesa muito nesse universo.

Para pedir ao cliente que “prove” seu produto, você antes deve conhecer seu mercado, quais os produtos oferecidos, quem são seus concorrentes e o que ele fazem. A partir disso vamos oferecer serviços ou produtos diferenciados. O concorrente hoje em dia, não é necessariamente seu inimigo! Voltemos a feira livre. Estamos na banca de frutas, basicamente já provei de tudo e fiz uma ótima compra! De repente, bate aquela vontade inexplicável de querer provar um pêssego. E o feirante não tem pêssego. O que ele faz? Pede para você esperar um pouco, vai na barraca do vizinho, pega um pêssego, corta e pede para você provar. O feirante vizinho vai se sentir ofendido? Ele está vendendo o pêssego dele, de maneira direta ou indireta, o dinheiro do pêssego volta para ele. O primeiro feirante, caso queira, poderá cobrar um pouco a mais para manter sua margem de lucro. Ou simplesmente dá a caixa de pêssego, como “brinde” esperando que o cliente volte na próxima semana.

Vender a caixa de pêssego ou dá-la como brinde são estratégias de marketing. Se eu preciso vender já,  se o dinheiro é muito importante, vamos vender o pêssego. Mas, se quero o cliente de volta, vamos investir nele. É mais fácil contar com clientes já “fidelizados” do que com clientes que “possam cair do céu”. Em minhas aulas sempre explico aos meus alunos: “o imediatismo faz com que você ganhe uma única vez”. Estratégia, planejamento e respeito ao cliente poderá fazê-lo ganhar o resto da vida.

Marketing Político

Alguém conhece Nicolau Florença, 3 de maio de 1469 — Florença, 21 de junho de 1527)? Foi um historiador, poeta, diplomata e músico italiano do Renascimento.  É reconhecido como fundador do pensamento e da ciência política moderna, pelo fato de ter escrito sobre o Estado e o governo como realmente são e não como deveriam ser.

Nicolau Maquiavel (em italiano: Niccolò di Bernardo dei Machiavelli; Florença, 3 de maio de 1469 — Florença, 21 de junho de 1527) foi um historiador, poeta, diplomata e músico italiano do Renascimento.1 É reconhecido como fundador do pensamento e da ciência política moderna,1 pelo fato de ter escrito sobre o Estado e o governo como realmente são e não como deveriam ser. Os recentes estudos do autor e da sua obra admitem que seu pensamento foi mal interpretado historicamente.

Desde as primeiras críticas, feitas postumamente pelo cardeal inglês Reginald Pole, as opiniões, muitas vezes contraditórias, acumularam-se, de forma que o adjetivo maquiavélico, criado a partir do seu nome, significa esperteza, astúcia, aleivosia, maldade.

Mas, recentes estudos do autor e da sua obra admitem que seu pensamento foi mal interpretado historicamente. O “Príncipe” é provavelmente o livro mais conhecido de Maquiavel e foi completamente escrito em 1513 para Lourenço II de Médici, enquanto esteve na cadeia. Maquiavel viu a possibilidade de um príncipe finalmente unificar a Itália e defendê-la contra os estrangeiros.

Maquiavel, na realidade cria uma estratégia que o estadista moderno deve recorrer para se manter no poder. Para isto deverá saber como administrar os anseios do povo e da oposição. O certamente não previu, foi que sua obra se manteria atual nesses últimos 500 anos e também seria a fonte de inspiração do marketing político moderno.

No atual cenário,  utilizando as mídias eletrônicas, noticiários da Televisão, TV a Cabo, redes sociais, You Tube e outros recursos que a internet disponibiliza, consegue sensibilizar maior número de leitores, desde que saiba levar o recado correto e de forma transparente. Mesmo assim, os oponentes, na maioria das vezes não  são  éticos  nem um pouco corretos,  vão utilizar tudo que tiverem nas mãos para derrubar seus adversários.

O marketing político tem desenvolvido técnicas mais agressivas, estratégias a curto prazo, conquistar metas a qualquer custo. Considerando que tudo isto acontece a cada 4 anos de mandato, tudo bem! Mas querer aplicar estes conceitos no mercado de cada dia é destruí-lo em pouco tempo. Mas há alguns loucos que fazem isso!

Fotógrafo é como médico ou dentista. Não adianta fazer anúncios em jornais, revistas e mídias de grande alcance. A confiança e credibilidade são seus aliados. A recomendação ainda é o que impera. Um fotógrafo mediano poderá ter como público alvo, sua família, seus  amigos. Para adentrar ao mercado, você irá precisar muito mais do que isso.  Terá que crescer e crescer muito!  Sua criatividade, planos de estratégia e como se diferenciar dos demais concorrentes será seu primeiro passo. Não faça nada sem planejamento sem pesquisa e sem metas. Procure errar o mínimo possível. Há erros que não se revertem.  Conhecer as necessidades de seus clientes, orienta-los  e  adequar seus preços e serviços é um deles. Se eu, por exemplo, for fotografar um casamento, procuro me informar sobre tudo relacionado a igrejas, rituais, lojas de roupas, tendências da moda de casamento, qual o melhor chapéu, sapato, véu, etc.  Se o meu cliente tem uma confecção de roupas, vou pesquisar sobre os produtos que ele fabrica, seus concorrentes, o que há de novo do mercado. Além de fotografo, atuo como consultor especializado, sempre ofereço a mais em relação a minha concorrência, sem cobrar nada por isso. (Na realidade há um percentual embutido em meus preços). Não se esqueça de que o marketing é seu aliado, ajuda a conquistar novos amigos, novos clientes e novos mercados. Use-o com moderação e sempre ao seu favor, ok?  Saiba cuidar e não sacrifique sua galinha dos ovos de ouro!

The post Fotografia, Marketing, Velhos e Novos Mercados5/5(1) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/fotografia-marketing-velhos-e-novos-mercados/feed/ 1
Nova superzoom Pentax XG15/5(2)http://www.fotografia-dg.com/pentax-xg1/ http://www.fotografia-dg.com/pentax-xg1/#comments Tue, 15 Jul 2014 16:35:23 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23270 A Ricoh volta a dar atenção às compactas e anuncia o lançamento da nova Pentax XG1, desde setembro de 2012 não havia um lançamento desta marca na área das superzoom.

The post Nova superzoom Pentax XG15/5(2) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
A Ricoh volta a dar atenção às compactas e anuncia o lançamento da nova Pentax XG1, desde setembro de 2012 não havia um lançamento desta marca na área das superzoom. Com 52x de zoom (mais que o dobro do alcance da última câmera nesse estilo da Pentax) entra em uma briga que conta com várias concorrentes como Canon SX50, Fuji HS50, Nikon P600, Panasonic FZ70, entre outras.

Pentax XG1 450x422 Nova superzoom Pentax XG1

A Pentax XG1 é equipada com sensor CMOS de 16MP (1/2.3 de polegada com 16.79MP de resolução total); sua objetiva com 52x de zoom cobre distância focal entre 24-1248mm com abertura f/2.8-5.6 e macro de 1cm; possui estabilização pelo sensor; sensibilidade ISO 100-3200; o tempo de exposição varia entre 1/2000 e 30 segundos; modo contínuo de até 10fps limitado a 20 imagens; possui controles manuais e modos dedicados a HDR e time-lapse; o alcance do flash é de até 6.1 metros em ISO 800; faz vídeos Full HD com taxa de 30fps em formato MOV e som estéreo; possui monitor LCD inclinável de 3 polegadas; é alimentada por bateria com capacidade para 240 fotos por carga.

A Ricoh anunciou que esta câmera é totalmente compatível com os cartões Eye-Fi (além dos SD e SDHC) e a disponibilidade da Pentax XG1 para a segunda quinzena de agosto ao custo de 250 euros/400 dólares. Ainda não foi divulgado oficialmente o preço em euros.

The post Nova superzoom Pentax XG15/5(2) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/pentax-xg1/feed/ 0
Briefing – Como planejar os seus trabalhos5/5(2)http://www.fotografia-dg.com/briefing-como-planejar-trabalhos/ http://www.fotografia-dg.com/briefing-como-planejar-trabalhos/#comments Fri, 11 Jul 2014 11:53:33 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23184 Para falar de Briefing preciso ilustrar o tema com uma pequena história sobre um homem que resolveu atravessar o oceano com uma canoa e só depois de 15 dias em alto mar percebeu que não conseguiria realizar o seu desejo e acabou morrendo por falta de planejamento.

The post Briefing – Como planejar os seus trabalhos5/5(2) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Para falar de Briefing preciso ilustrar o tema com uma pequena história sobre um homem que resolveu atravessar o oceano com uma canoa e só depois de 15 dias em alto mar percebeu que não conseguiria realizar o seu desejo e acabou morrendo por falta de planejamento.

shutterstock 69648940 450x441 Briefing   Como planejar os seus trabalhos

Claro que na vida real ninguém atravessaria o oceano em uma canoa, muito menos se atreveria a se aventurar em alto mar sem o mínimo necessário de planejamento.

O que podemos aprender com esta história é que sem planejamento não devemos nos arriscar em áreas desconhecidas pois corremos o risco de morrer na praia. Então como deve ser o planejamento para que consigamos no mínimo atender as expectativas do cliente?

O briefing é o ato de reunir todas as ideias, todas as possibilidades e assim organiza-las de maneira que sejam possíveis atender a demanda da melhor forma possível.

Nenhum fotógrafo nasce sabendo o que gosta de fotografar, só com a experiência vamos descobrindo qual área queremos atuar, mas mesmo sem experiência é possível iniciar os trabalhos, muitos recomendam que os aspirantes a fotógrafos trabalhem como assistentes com outros fotógrafos para entender como é o dia a dia deste ofício.

Mesmo iniciando a sua carreira como assistente você não terá todo o conhecimento necessário para realizar os primeiros trabalhos, e por mais experiente que seja sempre vai existir aquele frio na barriga antes de iniciar o evento agendado com meses de antecedência, isso é normal e esse medo ajuda a evitar erros cometidos pelo excesso de confiança.

Briefing = Planejamento

Existem várias maneiras de escrever um briefing, vai depender do nível de detalhes que está disposto a trabalhar, lembrando que tudo da trabalho, seja um pequeno ou um grande planejamento este trabalho vai existir e não tem como evitar, acostume-se com isso e esteja pronto para alterar o seu planejamento caso tudo que esteja planejado saia do controle.

shutterstock 189811220 Briefing   Como planejar os seus trabalhos

Reunião com o cliente

Uma reunião com o cliente possibilita ao fotógrafo realizar o levantamento necessário para realizar o trabalho, nesta reunião você consegue através de imagens ou perguntas saber que tipo de trabalho ou que tipo de fotografia o seu cliente mais se identifica.

Troca de emails

Através do e.mail é possível montar um escopo do projeto, como looks, temas e questionários que possam lhe auxiliar é importante porém montar questionários personalizados para cada tipo de trabalho.

Não adianta perguntar se o cliente pretende levar um pet se você vai fotografar um parto.

Momentos antes do ensaio

Na maioria das vezes não temos oportunidade de ver os looks antes do ensaio, sendo assim é preciso que nestes minutos antes do ensaio o profissional seja capaz de mentalmente montar um briefing de poses e locais dentro da locação escolhida que possa combinar com cada look que o cliente levou para aquele dia.

O briefing pode ajudar nas poses?

Vamos supor que o ensaio seja de uma gestante e neste caso seja a primeira vez que irá realizar tal trabalho.

Chegar no ensaio completamente cru sem noção nenhuma de nada é como navegar em alto mar com uma pequena canoa, dentro de 30 minutos todas as suas opções terão se esgotado.

Neste planejamento inicial é importante ter um pequeno catálogo de poses, ele pode ser o seu guia, ele vai lhe auxiliar neste início e no futuro as poses virão naturalmente, você pode navegar por diversos trabalhos de fotógrafos na internet e montar o seu próprio catálogo de poses.

shutterstock 77579770 620x401 Briefing   Como planejar os seus trabalhos

O briefing e as fotos espontâneas

Para criar um ensaio espontâneo onde o fotógrafo não vai se preocupar com poses é fundamental que se tenha um roteiro, seja uma história, seja um conto ou até mesmo diversas interferências intencionais que possam dar sequencia em uma história que faça algum sentido, desde que as pessoas envolvidas se divirtam de alguma forma com o tema proposto, para que o fotógrafo consiga registrar momentos espontâneos sem forçar uma situação.

Neste caso vai exigir um pouco mais do fotógrafo que vai ter que usar toda a sua imaginação para criar situações que pareçam naturais, dentro de uma locação que foi pensada para aquela situação, é importante treinar porque não dá pra ficar lendo um roteiro durante o ensaio, ele tem que sair da cabeça do fotógrafo como se fosse de improviso mas com um ar profissional.

O que eu preciso saber para montar um briefing?

Você precisa do tema do ensaio, do tipo de fotos que as pessoas envolvidas mais gostam, você precisa conhecer um pouco da história desta pessoa ou do grupo de pessoas, você precisa saber do que elas gostam, você precisa estudar algumas poses clássicas, você precisa escrever pequenos roteiros, precisa conhecer a locação com antecedência para saber os melhores locais para se fotografar e principalmente os locais onde existem maior ou menor incidência de luz, você precisa estar 110% concentrado no trabalho que será realizado, você precisa de um check – list dos materiais que irá utilizar assim como dos equipamentos, você precisa entender que este trabalho é o trabalho mais importante da sua vida, porque ele é especial não só pra você mas sim para o cliente que está buscando na fotografia guardar um momento único de suas vidas.

Imagens shutterstock.com

Se quiser conhecer um pouco do meu trabalho acesse o meu site WBertoni Fotografia e me siga no Facebook Bertoni Fotógrafo.

The post Briefing – Como planejar os seus trabalhos5/5(2) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/briefing-como-planejar-trabalhos/feed/ 1
Abertas inscrições para workshops do Confluência — Encontro de Olhareshttp://www.fotografia-dg.com/inscricoes-workshops-confluencia/ http://www.fotografia-dg.com/inscricoes-workshops-confluencia/#comments Thu, 10 Jul 2014 19:47:12 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23116 São 35 vagas no total, entre os dois workshops, ministrados por Maíra Gamarra e Rafael Medeiros.

The post Abertas inscrições para workshops do Confluência — Encontro de Olhares appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Estão abertas as inscrições para as oficinas na área de fotografia que ocorrerão no Confluência — Encontro de Olhares, em Petrolina (PE). O evento ocorrerá de 06 a 10 de agosto.
texto: Divulgação

O projeto Confluência – Encontro de Olhares abre inscrições nesta terça-feira (08) para os workshops “Fotografia Básica” e “Fotografia de Gastronomia” previstos na programação do evento, que acontece em Petrolina de 06 a 10 de agosto. As atividades, gratuitas e abertas ao público, acontecem no período de 06 a 09 de agosto, das 09 às 13h, no Centro de Convenções Senador Nilo Coelho.

O primeiro workshop, “Fotografia Básica: A construção da linguagem fotográfica”, pretende estimular uma percepção mais ampla e atenta sobre as diferentes possibilidades criativas da linguagem fotográfica. A proposta é mostrar como a fotografia pode ser usada como uma ferramenta de expressão e comunicação acessível a todos. A atividade tem carga horária de 20h, e será ministrada pela fotógrafa Maíra Gamarra. Para participar é necessário ter mais de 16 anos de idade e levar sua própria câmera fotográfica digital profissional ou semi-profissional. Serão disponibilizadas 20 vagas.

foto gastronomia rafael medeiros 450x290 Abertas inscrições para workshops do Confluência — Encontro de Olhares

O segundo workshop, “Fotografia de Gastronomia: Desafio à criatividade”, abordará as técnicas e ensinamentos necessários para a fotografia de alimentos, uma área em plena expansão. Serão realizados exercícios práticos de fotografia, edição de imagens e dicas sobre o melhor uso da luz e da cor.

Serão disponibilizadas 15 vagas. A atividade, com carga horária de 20h, tem como pré-requisitos conhecimentos básicos em fotografia e que o(a) participante leve seu próprio equipamento fotográfico. O workshop será ministrado pelo fotógrafo Rafael Medeiros.

O Confluência é idealizado pela produtora cultural Gabriela Izidoro e tem incentivo do Fundo Pernambucano de Incentivo à Cultura  – Funcultura, do Governo do Estado de Pernambuco, com apoio da Prefeitura de Petrolina.

Site do evento: www.confluenciaencontrodeolhares.com

The post Abertas inscrições para workshops do Confluência — Encontro de Olhares appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/inscricoes-workshops-confluencia/feed/ 0
Muitos rumores sobre a Sigmahttp://www.fotografia-dg.com/muitos-rumores-sobre-sigma/ http://www.fotografia-dg.com/muitos-rumores-sobre-sigma/#comments Thu, 10 Jul 2014 17:19:02 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23127 Hoje é inegável a importância e a qualidade da Sigma, sobretudo suas novas lentes, na fotografia digital. Ela vem mudando aos poucos a opinião de fotógrafos do mundo inteiro

The post Muitos rumores sobre a Sigma appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Via Sigma Rumors

Hoje é inegável a importância e a qualidade da Sigma, sobretudo suas novas lentes, na fotografia digital. Ela vem mudando aos poucos a opinião de fotógrafos do mundo inteiro, principalmente no Brasil onde só se enxergava Canon e Nikon nos últimos anos. A partir disso, todos aguardam os próximos lançamentos da empresa japonesa já que algumas de suas últimas lentes impressionaram e surpreenderam positivamente, principalmente a Sigma 18-35mm f/1.8 que é uma das queridinhas dos fotógrafos de eventos sem ser muito cara. Vamos a alguns dos futuros produtos que ela poderá anunciar:

highres sigma 120 300mm f28 lens 1368440318 Muitos rumores sobre a Sigma

Objetiva 16-20mm f/2.0 DG Art – Lente de zoom muito curto, praticamente uma fixa. 60% de probabilidade.

Objetiva 24mm f/1.4 DG Art – Lente necessária para cobrir o espaço deixado pela 24mm f/1.8 que foi descontinuada recentemente. 99% de probabilidade.

Objetiva 85mm f/1.4 DG Art – Seu primeiro indício foi na ocasião de lançamento da 50mm f/1.4. 99% de probabilidade.

Objetiva 135mm f/1.8 Art – Os rumores apontam que pode ser também f/2.0, com ou sem estabilizador de imagem. 70% de probabilidade.

Objetiva 120-400mm DG OS f/4.5-5.6 Contemporary – Serviria para substituir a lente similar que a Sigma descontinuou há alguns meses perdendo terreno para os concorrentes, a distância focal pode ser diferente dessa. 70% de probabilidade.

Objetiva 300-600mm DG OS Sports – Seria um complemento para a já existente 120-300mm, mas ainda não há abertura definida de acordo com os rumores. 80% de probabilidade.

Objetiva 17-50mm f/2.8 DC OS Art – Seria uma alternativa à patente já existente de uma objetiva similar, mas sem estabilização. 70% de probabilidade.

Objetiva DG super grande-angular – É provável que seja com alguma distância focal diferente da 12-24mm f/3.5-5.6 já existente. 80% de probabilidade.

Objetiva DC super grande-angular – Provavelmente alguma atualização das versões já existentes de sua 10-20mm que devem ser também descontinuadas em breve. 70% de probabilidade.

Câmera SD1 Quattro – Atualização normal e esperada da SD1 Merrill, já que a Sigma declarou que pretende continuar produzindo câmeras DSLR. 95% de probabilidade.

Alguma outra câmera DP Quattro – O CEO da empresa já considerava algo assim, com uma distância focal maior que as três já existentes. 60% de probabilidade.

Estes rumores são esperados ainda para este ano e também 2015, faz parte da reestruturação total e reorganização das séries de lentes da Sigma, que começou muito bem com objetivas de altíssimo nível e preços bastante competitivos. No site de rumores sobre a Sigma há outras objetivas e câmeras esperadas, mas com probabilidade menor de ocorrer.

The post Muitos rumores sobre a Sigma appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/muitos-rumores-sobre-sigma/feed/ 3
Vídeo aula Photoshop – Efeito em uma foto4.5/5(2)http://www.fotografia-dg.com/video-aula-photoshop-efeito-em-uma-foto/ http://www.fotografia-dg.com/video-aula-photoshop-efeito-em-uma-foto/#comments Thu, 10 Jul 2014 15:07:43 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23124 Cada vez mais estamos em busca de novas formas de melhorar nossas imagens, tendo em vista que aumenta diariamente o número de novos profissionais da fotografia não apenas sabendo fotografar, mas tendo uma criatividade muito bacana em proporcionar grandes imagens no Photoshop.

The post Vídeo aula Photoshop – Efeito em uma foto4.5/5(2) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Cada vez mais estamos em busca de novas formas de melhorar nossas imagens, tendo em vista que aumenta diariamente o número de novos profissionais da fotografia não apenas sabendo fotografar, mas tendo uma criatividade muito bacana em proporcionar grandes imagens no Photoshop.

Partindo deste pensamento, gostaria de ajudá-los a entender melhor o Photoshop neste vídeo que irei lhe mostrar abaixo. É importante que você foque sua atenção no uso dos comandos que serão abordados para a realização do efeito final. Prestando a atenção adequada, você estará mais a vontade para realizar futuros efeitos com estes comandos, uma vez que você já sabe o direcionamento que eles poderão te dar.

Ao assistir ao vídeo, se você se interessou em aprender detalhadamente o Photoshop, recomendo da uma olhada na grade do curso Photoshop CC para Fotografos – Fundamental e Photoshop CC para Fotografos – Camera Raw 8 Fundamental ou Avançado.

Bom conhecimento para todos.

The post Vídeo aula Photoshop – Efeito em uma foto4.5/5(2) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/video-aula-photoshop-efeito-em-uma-foto/feed/ 2
Fotometria Chave – O que é e quando usar4.5/5(6)http://www.fotografia-dg.com/fotometria-chave/ http://www.fotografia-dg.com/fotometria-chave/#comments Wed, 09 Jul 2014 14:55:38 +0000 http://www.fotografia-dg.com/?p=23097 Muita gente acha que quando a situação da luz é complexa demais, a câmera no modo automático vai resolver tudo, como se ela tivesse o dom de colocar luz onde não tem ou de saber onde está o principal ponto de interesse do fotógrafo.

The post Fotometria Chave – O que é e quando usar4.5/5(6) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
Muita gente acha que quando a situação da luz é complexa demais, a câmera no modo automático vai resolver tudo, como se ela tivesse o dom de colocar luz onde não tem ou de saber onde está o principal ponto de interesse do fotógrafo.

Os fotômetros não são equipamentos a prova de falhas, prontos a conseguir soluções mágicas em qualquer condição de luz.  Sem exceção, eles erram quando a cena que estão fotografando tem predominância de tons claros ou escuros ou tem partes muito iluminadas ao lado de outras pouco iluminadas.

Fotometria Tom claro Fotometria Chave – O que é e quando usar

Fotometria – Tom claro

Fotometria Meio tom Fotometria Chave – O que é e quando usar

Fotometria – Meio tom

Fotometria Tom escuro Fotometria Chave – O que é e quando usar

Fotometria – Tom escuro

Nestes casos, para saber onde fotometrar, é preciso fazer duas perguntas:

1) O motivo principal está numa região pouco ou muito iluminada ?

2) O meu motivo tem tom muito claro, muito escuro ou é meio tom ? Devemos aqui entender que motivo claro não é motivo muito iluminado, e sim de tonalidade clara, um objeto amarelo-claro é um objeto de tom claro. Uma mala preta é um objeto de tom escuro.

Respondendo à pergunta 1, devemos escolher o lugar onde está o motivo principal. Se ele está sob luz intensa é em algo na luz intensa que devemos fotometrar; se ele está sob sombra, é em algo na sombra que devemos fotometrar.

Em seguida devemos nos guiar pela resposta da pergunta 2. Se o motivo da foto for meio tom , não há com que se preocupar, é só medir a luz no motivo, cuidando para que o fotômetro em usado seja pontual.

Se o motivo não for meio tom, pode ver se há algo meio tom na cena. Se houver meça a luz nele.

Se não houver nada meio tom meça a luz no motivo e: se ele for de tom muito claro, compense a exposição com +1/2 pt e + 1 pt. Se ele for de tom muito escuro, compense a exposição com -1/2 pt e -1 pt.

Na foto abaixo a fotometria foi feita no rosto da criança a compensada em +1/2 ponto.

curso de fotografia techimage Fotometria Chave – O que é e quando usar

Quer aprender mais sobre fotometria? Faça um curso de fotografia presencial ou online na Techimage.

The post Fotometria Chave – O que é e quando usar4.5/5(6) appeared first on Fotografia-DG – Dicas Fotografia.

]]>
http://www.fotografia-dg.com/fotometria-chave/feed/ 0