EB 2011

Por dentro do Estúdio Brasil – parte 2

Ontem você conferiu como foi o primeiro dia do congresso Estúdio Brasil, que ocorreu entre os dias 8 a 10 de  novembro em São Paulo, promovido pela Editora Photos.

No segundo dia de congresso quem iniciou os trabalhos foi o advogado, e fotógrafo, Jose Roberto Comodo ou simplesmente Comodo.

Pela primeira vez no Estúdio Brasil falando de fotografia (e não sobre Direito, como normalmente faz) Comodo trouxe como tema “Fotografias que comunicam”, e através de uma reflexão sobre a linguagem fotográfica, que contou com a ajuda de congressistas que subiram ao palco, Comodo de maneira brilhante relacionou os epigramas de Heráclito com o mundo das imagens (deixo registrado o meu preferido: “O caminho por onde se sobe / é o mesmo por onde se desce”)

Comodo e a palestra “Fotografias que comunicam”

A parte da tarde, deste segundo dia, foi toda dos estrangeiros. Começando pelo fotógrafo especialista em fotografia noturna Lance Keimig, com a palestra intitulada “Do Daguerreótipo ao digital” o fotografou mostrou alguns de seus trabalhos produzidos nos Estados Unidos, e mostrou na prática como produz as suas fotografias de longa exposição.

Lance mostrou como a fotografia de longa exposição pode ser incorporada ao trabalho dos fotógrafos de estúdio, empregando técnicas como o Light Painting no processo criativo.

Na ocasião do congresso o fotógrafo aproveitou para lançar o seu livro, que já está a venda na loja do Fotografia DG, clique aqui.

Lance Keimig e a fotografia noturna

Após esta apresentação sobre longa exposição, foi a vez de Lou Jones sobre a sua fotografia, trazendo até o palco do Estúdio Brasil o tema “Speedlights & Speedlite, flash criativo”.

Através da apresentação de muitos trabalhos, Lou Jones falou sobre as vantagens do uso de flashs speedlights, como a sua praticidade e agilidade.

Com prática ao vivo, Lou fotografou uma modelo utilizando apenas flashs speedlights e alguns modificadores de luz, apropriados para estes tipos de flash.

O americano Lou Jones

Finalizando o dia, o fotógrafo das celebridades Brian Smith compartilhou os segredos de pequenas e grandes produções através da palestra “Os Segredos da Fotografia de Retratos”.

Brian explanou sobre o conceito da sua fotografia e através da demonstração de trabalhos realizados mostrou como é possível fazer belos retratos com pouco tempo ou dispondo de poucos elementos.

Brian Smith e seu ring flash em ação

Apesar de ser americano, a prática no palco não poderia ser mais brasileira: ao som de um samba-enredo Brian fotografou uma mulata no palco do Estúdio Brasil, utilizando como fonte de luz um ring flash e um octobox.

Fotografias realizadas pela talentosa equipe do Studio Gaea.

Amanhã você confere o terceiro, e último, dia de congresso!

Um abraço!

Diogo Ramos

Diogo Ramos, 26 anos, é fotografo e advogado, especialista em Direito de Imagem e Autoral. Desde criança esteve envolvido com a fotografia, vendo os trabalhos da coleção de seu pai. O interesse em fotografar surgiu somente após concluir a faculdade de direito, há dois anos atrás, quando realizou uma pesquisa sobre o Direito a Imagem e a Liberdade de Imprensa. A paixão pela fotografia foi tamanha que hoje se sente mais fotógrafo do que advogado, e exerce ambas as profissões conjuntamente.

1 Comentário

Clique aqui para comentar

Siga-nos nas Redes Sociais

Carrinho

Click Camera

O nosso Canal no YouTube

 

Subscreva o nosso Canal do YouTube clicando no botão em baixo para não perder nenhuma aula.

Artigos em Destaque

Anúncio

Links Úteis

Receba 15 livros de fotografia

Aprenda DE GRAÇA os principais segredos dos experts em fotografia com os nossos livros digitais.
Insira aqui o seu melhor email

Aprenda DE GRAÇA os principais segredos dos experts em fotografia

Insira aqui o seu melhor email