Home » Atualidade » Eventos

5º Newborn Photo Conference se despede com direito a retornos 4.17/5 (6)

A 5º edição do congresso Newborn Photo Conference aconteceu em São Paulo, nos dias 20, 21 e 22 de Abril, e deixou uma marca muito rica em torno da fotografia de recém-nascidos. Trazendo convidados nacionais, de várias partes do Brasil e também internacionais, mostrando uma pluralidade na produção fotográfica e os mais variados estilos.

Vieram também profissionais de diversas áreas semelhantes, fazendo ligações, deixando uma ideia que não há elementos estanques, os fotógrafos(a) precisam sim de visão de outros profissionais, para existir crescimento, juntamente com questinamentos.

Simone_Silverio_NPC

A fotografia de recém-nascidos está no auge, percebe-se uma grande carga de influências de fotógrafos internacionais, em consequência oriundos da América do Norte, e também uma dose de estrangeirismo em torno da profissão, como Newborn, um termo que já cristalizado pelos brasileiros, se há influências na questão da produção da imagem há também sobre os elementos linguísticos. A fotografia de recém-nascidos produzida no Brasil é genuinamente brasileira? Existe realmente uma identidade fotográfica?

Uma das maiores preocupações do congresso é a segurança, algo que foi muito bem apresentado pelos convidados palestrantes, fotografar sim, fazer lindas fotos sim, mas antes disso tudo tem que existir algo realmente fundamental: a segurança dos bebês, e a responsabilidade dos profissionais da área da fotografia tem que ser extremamente alta.

Grande parte dos fotógrafos convidados é formada por um casal que trabalham juntos, um fator muito interessante e realmente atual em nossa sociedade. Vemos também que o mercado está sendo mais dominado pelas mulheres, sendo que no inicio da história da fotografia profissional era quase exclusivamente feita por homens.

SilviaMartins_NPC

O congresso fez repensar a atuação da fotografia profissional, de recém-nascidos, dando aulas práticas, teóricas, e mostrando que é possível sim exercer a profissão em qualquer parte do mundo, pois a fotografia é democrática, uma linguagem universal, é fascinaste poder fazer o que gosta e além do mais ganhar por isso.

Deixou uma questão intrigante: realmente vale a pena entrar no mercado de fotografia de recém-nascidos? Vale a pena correr todos os riscos para fotografar um ser que acabou de chegar ao mundo externo? Se a resposta for não, nem há grandes esforços para analisar, se for sim, esteja ciente dos desafios, seja treinado, lembrando que em toda profissão a educação/conhecimento deve ser permanente, para vida toda.

Espero que o congresso se fortaleça, que os profissionais da fotografia possam cada vez mais compartilhar experiências e que surjam também dúvidas, pois é isso que impulsiona o conhecimento, questionar sempre e procurar ser o melhor, não o melhor para o outro ou melhor pelo fato de existir uma forte tendência a fotografia de recém-nascidos, aderir ao modismos frenético. Sim, todo profissional precisa ganhar pelo seu trabalho, mas antes de tudo: fazer o que ama, o retorno financeiro é uma consequência, apenas uma consequência.

Agora que leu, avalie o artigo e deixe um comentário mais abaixo:

Gosta de algum dos artigos abaixo?

Abrir Chat
1
Close chat
Olá! Obrigado por nos visitar. Por favor, pressione o botão Iniciar para conversar com o nosso suporte :)

Iniciar