Home » Atualidade » Eventos

Emmanuel Lubezki leva Oscar por direção de fotografia em “Birdman” 5/5 (5)

Lubezki é bicampeão do Oscar de direção de fotografia repetindo o triunfo de 2014

Emmanuel Lubezki Morgenstern, apesar do nome complicado, é mexicano e na noite de ontem (23 de fevereiro de 2015) conseguiu a façanha de conquistar pela segunda vez consecutiva a estatueta do Oscar pela direção de fotografia. Emmanuel Lubezki conseguiu este feito graças a seu trabalho no filme “Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância)” que também levantou as estatuetas de melhor filme, melhor diretor (o também mexicano Alejandro González Iñarritu) e roteiro original. Lubezki foi apenas o quarto em toda a história do Oscar a conseguir tal feito nesta categoria, anteriormente apenas Leon Shamroy (1945/1946), Winton Hoch (1949/1950) e John Toll (1995/1996) haviam conseguido o mesmo.

 

Emmanuel Lubezki faz graça com a estatueta/Créditos: REUTERS/Lucy Nicholson
Emmanuel Lubezki faz graça com a estatueta/Créditos: REUTERS/Lucy Nicholson

 

Em 2014 Lubezki também foi o vencedor, sendo responsável pela direção de fotografia no filme “Gravidade” que teve direção geral de mais um mexicano, Alfonso Cuarón. Uma curiosidade sobre Lubezki e Cuarón é que eles são amigos desde a adolescência, cursaram juntos a UNAM (Universidad Nacional Autónoma de México) e já trabalharam juntos em outros 5 filmes.

Poster do filme Birdman, vencedor do Oscar de melhor filme, melhor diretor, roteiro original e direção de fotografia
Poster do filme Birdman, vencedor do Oscar de melhor filme, melhor diretor, roteiro original e direção de fotografia

 

Emmanuel Lubezki afirmou que este foi “provavelmente” o filme mais difícil de sua carreira e já havia sido indicado ao prêmio de direção de fotografia outras 5 vezes pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas antes de conquistá-lo por duas vezes seguidas:

1996 – A Princesinha, dirigido por Alfonso Cuarón
2000 – A Lenda do Cavaleiro Sem Cabeça, dirigido por Tim Burton
2006 – O Novo Mundo, dirigido por Terrence Malick
2007 – Filhos da Esperança (Brasil)/Os Filhos do Homem (Portugal), dirigido por Alfonso Cuarón
2012 – A Árvore da Vida, dirigido por Terrence Malick

Cena do filme Birdman
Cena do filme Birdman

 

Na categoria de documentários haviam dois filmes relacionados a fotografia disputando a estatueta, “A Fotografia Oculta de Vivian Maier” e o franco-ítalo-brasileiro “O Sal da Terra” sobre o consagrado fotógrafo brasileiro Sebastião Salgado. Mas o vencedor desta categoria terminou sendo “CitizenFour” sobre o escândalo de espionagem envolvendo a NSA (Agência de Segurança Nacional dos EUA) e Edward Snowden.

via Yahoo Notícias, Serving Cinema

Agora que leu, avalie o artigo e deixe um comentário mais abaixo:

Gosta de algum dos artigos abaixo?

Abrir Chat
1
Close chat
Olá! Obrigado por nos visitar. Por favor, pressione o botão Iniciar para conversar com o nosso suporte :)

Iniciar