Home » Atualidade » Câmeras » Canon desenvolve sensor de imagem que enxerga no escuro

Canon desenvolve sensor de imagem que enxerga no escuro

via Canon /  Gizmodo

Uma coisa que sempre desejamos que nossas câmeras fizessem melhor era tirar fotos melhores em ambientes com pouca luz. Parece que a Canon está acabando com esse problema com um novo sensor de imagens de 35mm que consegue ver no escuro.

Sensor de imagens de 35mm
Sensor de imagens de 35mm full-frame

Antes de falarmos mais, você precisa saber que essa tecnologia não deve aparecer na sua DSLR em pouco tempo. Parece que está sendo feita para dispositivos industriais como câmeras de segurança e equipamentos de imagens astronômicas. Por que? Bem, são poucos os detalhes, mas parece que a principal razão é que o sensor CMOS depende de pixels realmente grandes – 7.5x a área de superfície de um sensor de uma Canon 1DX. Esses pixels são altamente sensíveis à luz, mas são conta de baixa resolução. Deve ser esse o motivo que faz a Canon apostar no sensor para aplicações de vídeo mesmo, já que quadros de vídeos são apenas uma fração da resolução de muitas das fotografias digitais modernas.

Câmara protótipo

Câmara protótipo que incorpora o novo sensor

Então esta parte é ruim. Mas ainda assim, a semente foi plantada e pode significar que dentro de anos teremos uma revolução nas câmeras digitais.

Veja o vídeo de teste da Canon abaixo. Imagine apontar uma câmera para o céu e ver um monte de estrelas que você não consegue ver a olho nu. Um futuro glorioso, e um que vai chegar antes do que você imagina.

Ajude-nos, avalie este artigo:

Alexandre Maia

Clico, viajo, olho, analiso, converso, e repito — em qualquer ordem!

Também estou no blog da D&M Photo.

2 Comentários

Clique aqui para comentar

    • Por ora não, mas já será uma imensa ajuda para os fins especificados no texto. Futuramente, se tiverem conseguido uma redução do sensor sem sacrifício grande de sua qualidade, é possível, aí sim, que ele comece a aparecer em câmeras fotográficas como as de médio formato, depois as DSLR mais tops, e daí abaixo.