Home » Atualidade » Câmeras » Fuji X-A1: uma versão (bem) mais barata da Fuji X-M1

Fuji X-A1: uma versão (bem) mais barata da Fuji X-M1

A Fuji anuncia, menos de 3 meses depois, uma versão mais barata da espetacular Fuji X-M1: é a Fuji X-A1 que é praticamente a mesma câmera, mas possui uma substancial diferença: a retirada do sensor X-Trans que nada mais é do que o já famoso redutor de efeito moiré que vem sendo usado em várias câmeras atualmente. E apenas a ausência deste filtro reduz o preço da câmera em 200 dólares. É uma economia e tanto, apesar de usuários mais avançados preferirem justificar o investimento de 200 dólares a mais em troca da soberba qualidade de imagem que este sensor deu à poderosa X-M1.

Fuji X-A1

O sensor da Fuji X-A1 é o CMOS APS-C possui resolução de 16.3 megapixels; a sensibilidade ISO padrão é 200-6400, mas há os valores estendidos 100, 12800 e 25600; o tempo de exposição varia entre 1/4000 e 30 segundos, incluindo modo bulb e o tempo de sincronia com flash de 1/180; o modo contínuo é de até 5.6fps limitado a 30 arquivos JPEG ou 10 arquivos RAW; possui flash pop-up de número guia 7 em ISO 200; faz vídeos Full HD em formato MOV e som estéreo; seu monitor LCD inclinável mede 3 polegadas; e sua bateria é capaz de fazer cerca de 350 fotos por carga.

A Fuji X-A1 ainda conta com wi-fi embutido permitindo georreferenciamento de suas fotos usando o GPS do dispositivo móvel a ser conectado com a câmera. Também possui os seus já tradicionais modos de simulação de filme (Astia, Provia e Velvia) e de alcance dinâmico de até 400% permitindo mostrar uma gama de cores superior a outras câmeras, e ainda conta com edição e conversão de arquivo RAW na própria câmera, além de trazer também o software Silkypix para editar os arquivos RAW em um computador.

objetiva 50-230mm f4.5-6.7

A Fuji X-A1 estará disponível nas cores preta, azul e vermelha na primeira semana de outubro nos EUA ao custo de 599 dólares com a ótima objetiva 16-50mm f/3.5-5.6 OIS e adicionalmente a Fuji também anunciou a nova objetiva 50-230mm f/4.5-6.7 ao custo de 399 dólares.

Ajude-nos, avalie este artigo:

Rodrigo Jordy

Fotógrafo amador que estuda muito sobre fotografia, principalmente equipamentos, e gosta de compartilhar o conhecimento que adquire.

1 Comentário

Clique aqui para comentar

  • Como assim?! 0.o

    Logo depois de eu voltar de NY e ter comprado a X-M1, que me custou 800 doletas?! Espero não me arrepender…