Home » Atualidade » Câmeras

Fujifilm lança a “selfie-ready” X-A2 4/5 (1)

Nova compacta premium de objetiva intercambiável da marca, a Fujifilm foi feita para os tempos atuais

Fujifilm X-A2

 

Juntamente com as compactas S9800, S9900W e a XQ2, a Fuji lançou sua Fujilfilm X-A2, uma compacta com os recursos já estreados pela marca em outros modelos, e agora também um monitor especialmente desenhado para as selfies — os famosos autorretratos tão difundidos (e por tantos odiados, junto com os selfie sticks, cujo apelido em português dispenso citar). É uma simpática câmera, vale dar uma olhada no que ela tem…

Com recursos novos e outros já anteriormente utilizados, a X-A2 promete ser mais que apenas uma versão remodelada de uma velha câmera. Em primeiro lugar, penso eu, ela rompeu com a imagem de ser apenas uma versão “castrada” da X-E2. Vejamos o que ela tem de novo:

Novo monitor LCD com inclinação de 178º

Especial para os fãs de autorretratos (com ou sem selfie sticks), o novo monitor segue o mesmo estilo do monitor da Sony RX100 III, oferecendo uma virada do LCD para a frente — o que sempre achei melhor que os monitores minúsculos na parte dianteira da câmera. Quem curte fazer selfies rápidas, sem perder tempo com conexão sem fio entre o celular com a câmera. Nisto a Fujifilm X-A2 segue bem o hype.

Simulação de filme Classic Chrome

Esta novidade já vinha sendo introduzida via updates de firmware, com exceção das câmeras X100T e X-T1 Graphite Silver Edition, que já foram idealizadas para serem lançadas com esta opção de “filme” (que, aliás, achei muito interessante, pelos testes que já fiz em minha X-T1).  Pode-se ler um pouco sobre ele no Petapixel [inglês]

Novas objetivas de kit

Novas versões da 16-50mm e da 50-230mm que serviam de objetivas de kit para as compactas mais básicas da Fuji (X-A1, X-M1) chegam junto com as mais recentes compactas. A XC16-50mm F3.5-5.6 OIS II tem distância mínima de foco de aproximadamente 7cm a partir do ponto mais posterior da objetiva, para facilitar a produção de macrofotografias — isso pode ser especialmente interessante com os recentemente lançados tubos de extensão da Fujifilm. Já a XC50-230mm F4.5-6.7 OIS II possui estabilização de aproximadamente 3.5 pontos para facilitar cliques à noite e/ou uso de teleobjetiva sem tripé ( e também para compensar um pouco as aberturas que não são de grande generosidade — mas nada inesperado numa objetiva de kit).

Fujifilm X-A2 - versões

Afora estas novidades, a Fujifilm X-A2 é da mesma qualidade da X-A1, o que não é ruim, considerando que ainda é uma câmera bastante portátil (mais que as X-A e as X-M só as X_0, como a X30). A possibilidade de ser ao mesmo tempo compacta e de objetivas intercambiáveis segue como um trunfo, que agora é acrescido do LCD com tilting de quase 180 graus. A conectividade também permanece igual, sendo via WiFi — NFC por enquanto apenas com os recentes cartões Toshiba NFC. Outros aspectos seguem os já vencedores na série.

Para incrementar sua Fujifilm X-A2, é possível ainda utilizá-la com leather cases, um hand grip (os mesmos feitos para a X-M1) e os já citados tubos de extensão. Além, claro, do pau de selfie.

via Fujifilm, ePhotozine

Agora que leu, avalie o artigo e deixe um comentário mais abaixo:

Gosta de algum dos artigos abaixo?

Abrir Chat
1
Close chat
Olá! Obrigado por nos visitar. Por favor, pressione o botão Iniciar para conversar com o nosso suporte :)

Iniciar