Home » Atualidade » Câmeras

Fujifilm lança a X-T1 Graphite Silver Edition 5/5 (2)

Nova versão da elogiadíssima Fuji X-T1, a Graphite Silver Edition vai além da cor nova

É possível que à primeira vista esta versão grafite — ou seja, que não é nem prata nem preta, é um meio-termo — da já bastante aclamada Fuji X-T1 seja confundida com um tropeço da marca nas brincadeiras cromáticas à la Pentax (que vez por outra lança versões coloridíssimas). Mas essa primeira impressão, ao olhar detalhadamente, é desfeita. Como disse o TechRadar: a X-T1 Graphite Silver não é apenas um atraente trabalho de pintura, tem também updates internos.

fujifilm x-t1 graphite silver edition

Que updates foram esses? Em resumo, uma nova simulação de filtro, um novo modo de visualização no viewfinder e um impressionante novo limite de exposição mínima. Vejamos:

A nova simulação de filtro chama-se Classic Chrome e é uma adição para os que curtem adicionar filtros diretamente na hora da captura da foto e gostam de um ar vintage. Já o novo modo de visualização é o Natural Live View, que despe a imagem mostrada no visor eletrônico (EVF) de filtros e outras definições personalizadas para proporcionar ao fotógrafo uma experiência mais próxima à da visualização por um visor óptico, como os visores das DSLRs.

fujifilm x-t1 graphite silver edition

Já a novidade no obturador é ainda mais interessante e merece um parágrafo à parte. A boa nova quanto ao dispositivo que controla o tempo de exposição é que ele ganha agora uma versão eletrônica (electronic shutter), para disparos ultrassilenciosos e superdiscretos. Além do mais, com este novo obturador um novo mínimo tempo de exposição, que com o novo firmware  — que deverá vir em dezembro deste ano — fica fixado em 1/32000. Não, não é 1/3200, é um sobre trinta e dois mil avos de segundo.

Este novo limite, que parece exageradamente rápido, serve para atender aos fotógrafos que desejam fotografar à luz do dia utilizando-se de grandes aberturas sem que dependam de filtros de densidade neutra, já que , pelo menos até agora, a Fuji não disponibiliza captura com ISO abaixo de 100 — e mesmo os cliques a ISO 100 só podem ser feitos em JPG (o que decerto desagrada à parcela dos fotógrafos que não abre mão de forma alguma dos cliques em RAW). Esse recurso certamente vai agradar bastante aos cadas vez mais numerosos adeptos das objetivas bastante “claras”, como é o caso da Fujinon 56mm f/1.2.

Juntamente com o anúncio da X-T1 Graphite Silver foi feito também o anúncio de um novo firmware, que deverá ser lançado em dezembro deste ano, e que deve melhorar a experiência dos usuários dos usuários de ambos modelos da X-T1 (o GSE e o preto). Seguem as mudanças que a atualização de sistema trará aos fotógrafos donos da flagship da marca:

 

  • Seleção direta de área de AF – usuários poderão selecionar a área de foco com o controlador direcional 4-way, sem pressionar o botão Fn.
  • Substituição de funções dos botões AE-L/AF-L – as atuais funções não-mutáveis dos botões AE-L/AF-L vão agora tornar-se alteráveis, de acordo com as preferências do usuário.
  • Variação de área de foco durante foco manual – usuários poderão mudar a área de foco no modo Manual durante o One Push AF com o botão AF-L.
  • Seleção direta do modo Macro – usuários poderão diretamente mudar ligar ou desligar a função Macro no modo AF para expandir a faixa de medição de distância para a faixa de distância curta. Isso será possível sem acesso à tela pop-up de menu.
  • Customização do Menu Q – a atualização vai libertar os itens e o layout do Menu Q, usado para acesso rápido aos itens frequentemente utilizados, alteráveis para as preferências do usuário.
  • Seleção de taxa de quadros de vídeo – em complemento às opções de 60fps e 30fps atuais, taxas de 50, 25, assim como 24fps ficarão disponíveis aos usuários. 50fps e 25fps permitem edição de vídeo na região PAL, como Europa e outros locais, sem conversão da frame rate. A taxa de 24fps oferece captura e reprodução de vídeo como de um filme.
  • Captura de vídeo manual – usuários poderão selecionar sensibilidade ISO prioritária para filmagem, assim como ajusatar a abertura e a velocidade de exposição durante a captura do vídeo.
  • Suporte a AF por detecção de fase para One Push AF – com o Onde Push AF, ativado pressionando o botão AF-L durante a focalização manual, a atualização vai tornar disponível o AF por detecção de fase com maior agilidade no foco.
  • Interligação entre área de AF e área de medição – a atualização permitirá que os usuáios interliguem a posição da área de AF com a área de medição quando o modo de medição pontual (spot) estiver selecionado.
  • Expansão de área de configuração do Program Shift – a atualização vai permitir o Program Shift, em que a limitação de baixa velocidade é 1/4s, para ser alterada para o máximo de 4s.

Em suma, este firmware novo promete mostrar aos que ousaram investir numa X-T1 Graphite Silver que o investimento foi alto, mas o retorno em possibilidades é bem considerável, e pode valer muito a pena — e assim deverão sentir-se usuários da atual X-T1 preta (como eu…).

fujifilm x-t1 graphite silver edition

Fujifilm X-T1 Graphite Silver edition – principais características:

  • Sensor de 16.3MP APS-C X-Trans CMOS II
  • Corpo com resistência a poeira e água, com mais de 75 pontos de vedação. Resistência ao frio: até -10ºC.
  • Processador EXR II
    – Mais rápido AF do mundo (0.08 segundo)
    – Tempo de inicialização de 0.5 segundo
    – Retardo de disparo (shutter time lag) de 0.05 segundo
    – Intervalo entre cliques de 0.5 segundo
  • AF de detecção de fase e preditivo de movimento para disparos contínuos de até 8 quadros por segundo
  • Viewfinder OLED de alta precisão com 2.36 milhões de pontos
  • Maior magnificação em viewfinder de câmeras digitais: 0.77x
  • Amplo ângulo de visualização (diagonal 38° e horizontal 31°)
  • Viewfinder ultrarrápido, em tempo real com tempo de lag de apenas 0.005s (menos de 1/10 que nos modelos existentes) e novo Natural Live View
  • Quatro diferentes modos de visualização: Full, Normal, Dual e Vertical.
  • Monitor LCD tilting de vidro temperado de alta precisão com 1.04 milhão de pontos e 3″
  • Digital Split Image (auxílio de foco por alinhamento) e Focus Highlight Peaking (destaque de altas-luzes)
  • Obturador completamente eletrônico com disparos de até 1/32000 segundo
  • ISO 200 – 6400, estendido a ISO 100, 12800 e 25600, com opção Auto (disponível configuração de ISO máximo de 400 a 6400)
  • Corpo de magnésio fundido fornece design resistente e durável, ao mesmo tempo compacto e leve
  • Temporizador para cliques intervalados para fotografia time lapse está disponível com intervalos de 1s a 24h e até 999 quadros
  • NOVO filtro ‘Classic Chrome’ e outras simulações de filtro
  • Função de destaque de foco (focus peaking) e exibição de imagem digital dividida (digital split image)
  • Vídeo Full HD de 1080p a 60fps; bit rate de 36Mbps para capturas límpidas de movimentos suaves; taxas de quadros de 50fps, 30fps, 25fps e 24fps, suportando formatos de vídeo de todo o mundo
  • Focalização manual disponível durante captura de vídeo
  • Aplicativo gratuito Fujifilm Camera Remote e função de comunicação sem fio permitem aos usuários clicar a partir de smartphones e tablets via WiFi
  • Fotos podem ser enviadas para o Instax Share Printer utilizando o aplicativo gratuito Instax Share App (iOS e Android)
  • Alça (leather strap) e protetor de hot-shoe em alumínio são fornecidos com a Fujifilm X-T1 Graphite Silver edition

A nova câmera já tem corpo em pré-venda por US$ 1500 na B&H e por £ 1200 na WEX.

via: Fujifilm Brasil, Fujifilm.com, Fujifilm USA,
DpreviewPopPhoto, Engadget, TechRadar
 

[divider]

Atualização: a Fujifilm divulgou a data de lançamento previsto do firmware 3.0 para a X-T1: será dia 18 de dezembro — a tempo ainda, portanto, de fazer vídeos dedicados em comemorações natalinas! :)  Infos completas sobre o firmware novo podem ser vistas aqui.

fonte: Fuji Rumors

Agora que leu, avalie o artigo e deixe um comentário mais abaixo:

Gosta de algum dos artigos abaixo?

Abrir Chat
1
Close chat
Olá! Obrigado por nos visitar. Por favor, pressione o botão Iniciar para conversar com o nosso suporte :)

Iniciar