Home » Resenhas » Livros

review: livro “Esperando Robert Capa”

Robert Capa, um dos fotógrafos mais lendários, teve por um bom tempo uma paixão, uma jovem que também veio a tornar-se fotógrafa. Este livro é sobre o casal Capa & Taro.

 

fotos: Submarino / Blog do IAV

O review dessa vez, como devem já ter imaginado, não é de livro de técnicas fotográficas, e sim um romance com fundo histórico-social, e baseado em fatos reais. Por “baseado em fatos reais” leia-se que o livro não procura ser 100% fidedigno com os acontecimentos, sem romancear ou inventar nada, atendo-se apenas ao que foi de alguma forma registrado ou dito por testemunhas. Enfim, não é um livro de História focado em Robert Capa e os outros personagens, e sim um romance tendo por protagonistas Capa e Gerda Taro, a polonesa por quem o fotógrafo (por sua vez, húngaro) certa vez se apaixonou e com quem ele ficou por um bom tempo, até seu falecimento.

livro esperando robert capa
Gerda repousa, numa fotografia tirada por Capa

Assim sendo, não espere nenhum manual de técnicas sobre como fotografar conflitos/manifestações, nem que a autora Susana Fortes abra mão de conjecturar pensamentos muito íntimos ou detalhes da história que muito provavelmente não possuem registros. No entanto, não é um mau livro. Simplesmente porque ele não presta-se a ser um manual para fotógrafos ou um livro de História, e como romance, pareceu-me, ele funciona bem.

Estão lá no livro, além de Capa e Taro — que na verdade chamavam-se Endre Friedmann e Gerta Pohorylle — outros personagens que certamente os amantes e estudiosos da fotografia vão reconhecer seus nomes: Henri Cartier-Bresson e David “Chim” Seymour, dois dos fundadores da mítica agência Magnum, junto com Capa e outros, além, ainda que rapidamente, de Fred Stein e Maria Eisner (que trabalhou também para a Magnum). Para quem gosta de referências históricas, portanto, é um livro bem interessante, tendo além de tais participações do mundo dos cliques, referências a Man Ray, James Joyce, André Kertész, Ted Allan, Ernest Hemingway, Francisco Franco, Adolf Hitler… Nota-se que autora quis dar um bom panorama tanto das relações de Taro e Capa quanto dos panoramas político e social, ainda que o foco da obra não seja, como já dito, a História, e sim o casal.

capataro
Gerda Taro & Robert Capa (ou Gerta & Friedmann, se o preferir)

Mais ainda do que  ser um (bom) romance, há certas reflexões sobre o ato de fotografar conflitos, a relação com a História, a ética na produção do material (há, inclusive, uma parte muito interessante abordando a polêmica em torno da lendária imagem Morte de um miliciano, de Capa), a sede por cliques em meio ao tiroteio ou em uma trégua e, claro, pensamentos acerca do amor e da morte.

Resumindo: é um livro para fotojornalistas e afins? Sim, se eles não estiverem buscando um livro técnico ou um dos escritos de Capa — que já escreveu Ligeiramente fora de foco e Um diário russo — mas ainda pretendem ler algo que esteja relativamente dentro do mundo da fotografia. Enfim, uma boa leitura entre um estudo e outro sobre composição, luz e etc. Bom proveito!

Robert Capa
Robert Capa, bem-humorado antes de entrar em algum front
Informações sobre o livro:

autora: Susana Fortes
editora: Record
preço: R$ 25 (Brasil)

Agora que leu, avalie o artigo e deixe um comentário mais abaixo:

 

Gosta de algum dos artigos abaixo?

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

Abrir Chat
1
Close chat
Olá! Obrigado por nos visitar. Por favor, pressione o botão Iniciar para conversar com o nosso suporte :)

Iniciar