Home » Atualidade » Câmeras » E a 1ª compacta full-frame é da… Sony!

E a 1ª compacta full-frame é da… Sony!

via Portal Photos

Para ser bem sincero: pela primeira vez a única coisa que me impede de investir numa compacta da Sony é falta de dinheiro disponível para tal tipo de compra. Somente isso, porque eu já tinha ficado bem atraído pela NEX-5N e especialmente pela NEX-7, mas elas ainda pecavam um pouco na combinação de corpo meio magro + objetivas avantajadas. O preço da NEX-5N ainda era mais atraente que o da NEX-7, mas pecava na falta de sapata para flash externo (hot-shoe).

Isso mudou ontem, dia 12/09, quando a Sony lançou duas compactas muito interessantes – mais um modelo NEX e outra que é uma evolução que sem dúvida viria mais cedo ou mais tarde, mas ninguém tinha tanta certeza sobre qual seria a marca pioneira. A câmera que deu início à era (?) das compactas full-frame, se considerarmos como compactas as câmeras não apenas de corpo menor mas que também não sejam modelos rangefinder (como as Leica), é a Sony RX1.

Vejam só as especificações da Sony RX1 que de saboneteira não tem nada:

  • Preço: US$ 2.800 (cerca de R$ 5.600)
  • Sensor: 24.3 megapixels, full-frame (35,8 x 23,9 mm)
  • ISO máximo: 25600 em fotos, 6400 em vídeo
  • Imagem: Até 6000 x 4000 pixels
  • Objetiva: Carl Zeiss Sonnar 35mm f/2
  • Vídeo: 1920 x 1080 pixels (full HD), 24 a 60 quadros por segundo
  • Fotos sequenciais: 5 quadros/segundo na resolução máxima
  • Tela: LCD de 3″e 1,229 milhão de pontos
  • Dimensões: 113,3 x 65,4 x 69,6mm
  • Peso: 782g (este é o ponto curioso: ela pesa mais que a SLT A99)

Quem diria, justo a marca cujas compactas eram exemplos mais notáveis das câmeras chamadas de “saboneteiras” agora está inaugurando um novo nicho de mercado que não muda apenas um detalhe digno de nota de rodapé, e sim dá a última remexida, a meu ver, na confusão entre os conceitos de câmera profissional e câmera compacta/para amadores. Como se não bastasse, não duvido nada que a Sony aproveite o know how e a reputação adquiridos para fazer em linhas gerais o mesmo que a Apple fez ao lançar o iPod: esquentar um mercado que parecia frio ou, pior, passageiro com um produto que não foi o primeiro da categoria (no caso, players de música), mas foi bem melhor reconhecido. Em outras palavras: com o anúncio da RX1, a Sony está dando oficialmente o sinal de que muitos dos que compram câmeras compactas devem prestar bastante atenção às chamadas compactas premium.

Haverá ainda uma distinção entre aqueles que sabem bastante como fotografar e os que não saem dos modos automáticos e esperam que a câmera faça todos ajustes necessários para a foto ficar perfeita? Com certeza, especialmente pelo preço, mas este mesmo preço poderá ser justamente o estimulador que faltava para que mais iniciantes cogitem adquirir câmeras como a Canon G12 (ou mesmo a G1X) e a Nikon P7100. Por que? Porque aqueles que têm maior experiência estarão virtualmente mais próximos dos fotógrafos meramente casuais, pois estarão usando mais compactas, ainda que mais caras – será encorajador para o fotógrafo de fins de semana e feriadões adquirir uma compacta mais encorpada, com modos manuais e possibilidades de controle bem acessíveis e, por que não?, aprender com os tops e suas câmeras semelhantes. Além do mais, o surgimento de uma compacta full-frame abre espaço para que outras venham, da mesma ou de outras marcas, e assim começa a corrida pelos preços mais atraentes, e a descida das inferiores a patamares bem mais acessíveis aos bolsos que não suportam investir numa DSLR ou não o fazem pelo tamanho da câmera ou o peso do equipo completo (câmera + lentes + flash, e talvez + battery grip).

Esta é a hora, portanto, daqueles que estão ansiosos por sair das compactas “pobrinhas” e expandir seus limites ficarem de olho nos preços, pois por ora eles não serão alterados (ou o serão pouco), mas há uma chance dos preços das compactas outrora de luxo serem reduzidos. Aproveitem, inclusive, para aprender!

(agradecimentos a Gustavo Carneiro)

Ajude-nos, avalie este artigo:

Alexandre Maia

Clico, viajo, olho, analiso, converso, e repito — em qualquer ordem!

Também estou no blog da D&M Photo.

6 Comentários

Clique aqui para comentar

  • 30 fotos grátis na 1a compra