fbpx

Banco de imagens: porque pode ser bom para você 4.81/5 (47)

Esse é um tipo de banco que você pode amar, e graças a suas (tantas) fotos!

Espalhe seu talento

Você sente que, além das fotos pessoais, tem cliques que poderiam perfeitamente ilustrar editoriais ou artigos em sites, blogs ou mesmo anúncios publicitários? Há quem diga até que mesmo entre suas fotos dos filhos, sobrinhos, netos e familiares em geral existam imagens que poderiam ser perfeitamente utilizadas por aí e eternizadas além das caixas e álbuns onde costumam ficar os cliques da família.

Como fazer, então, para que suas ótimas imagens sejam vistas por muitas pessoas — incluindo grandes agências de publicidade e propaganda? Pode-se criar contas em galerias e redes sociais, claro, mas por que não aparecer exatamente onde buscam por fotos para uso? Esses locais bastante estratégicos são os bancos de imagens, por onde navegam os produtores de conteúdo que necessitam de soluções rápidas em imagens para ilustrar ou simplesmente complementar suas produções.

Os bancos de imagens são facilitadores que centralizam as ofertas dos fotógrafos e criativos em geral (também possuem ilustrações, vídeos, templates) e as oferecem num único local aos tantos interessados pelo mundo (o famoso poder da internet!). Os fotógrafos que adicionarem a stock photography ao seu portfólio podem oferecer imagens gratuitas, a baixo custo ou, através de contratos exclusivos, obter ganhos mais consideráveis. Com sucesso na produção de ótimas imagens comerciais pode-se até obter bons ganhos todo mês — e até especializar-se nesta categoria de serviço.

Não é obrigatório, no entanto, adotar a stock photography como categoria extra entre suas possibilidades de atender quem precise de imagens. É perfeitamente possível utilizar os bancos de imagem como meios de divulgação de suas imagens: você decide quantos e quais cliques seus quer expor e deixa que os visitantes venham acessá-los e conhecer mais de seu trabalho.

Aprenda e treine habilidades

Uma das coisas mais proveitosas que um(a) fotógrafo(a) pode fazer, independente de sua área, seu nível de experiência ou o quão profissional é (financeiramente falando), é simplesmente treinar suas habilidades, especialmente aquelas que estão fora de seu campo de atuação habitual. É uma forma de praticar e aprimorar o que já sabe e ao mesmo tempo sair da zona de conforto.

Uma das vantagens da stock photography é poder experimentar sem o risco de perder um cliente que já o contratou. Com as devidas autorizações das pessoas retratadas e sob os limites (técnicos e morais) propostos por cada banco — e lembrando que cada um tem seus termos, é bom lê-los — existe toda uma liberdade para explorar novos campos e aprofundar-se nos atuais. E nem é preciso atestar veracidade: da mesma forma que agências de publicidade contratam fotógrafos e videomakers para suas campanhas que simulam ou fantasiam situações do ‘casual’ ao completo surreal, você também pode montar suas cenas e produzi-las para ficarem perfeitamente vendáveis. É uma forma até de aprender e praticar produção, ou a montar uma equipe para tal.

Outra vantagem é a aceitação de variações da mesma cena. Um diretor de arte pode achar mais interessante determinada composição para utilizar numa peça. Já outro comprador, pode necessitar de outro tipo de solução para um meio diferente, uma proposta totalmente distinta — ou apenas fugir do uso da outra imagem, mantendo a originalidade — é aí que entra a criatividade do(a) fotógrafo(a).

© junce11 / Adobe Stockpor junce11, via Adobe Stock

Cliques de ontem rendem ainda hoje

Assim como num investimento em um banco tradicional (leia-se instituição financeira), as suas fotografias que forem aprovadas em banco de imagens são ofertadas até quando você decida, por algum motivo, tirá-las de lá — se é que você vai fazê-lo. A probabilidade de você conseguir um rendimento interessante no mês aumenta à medida que crescem suas contribuições, devido à soma sucessiva das suas fotos. Semana a semana, mês a mês, todas vão contribuir para seus ganhos.

Faça seu horário

Assim como um motorista do Uber, por exemplo, você pode ter um horário de trabalho e uma frequência próprios, que não atrapalhem seu emprego ou suas atividades cotidianas. Em outras palavras, você decide quando e o quanto quer trabalhar, pois não há obrigação de fornecer um número determinado de imagens a cada semana ou mês.

Enfim, trabalhe quando, onde e o quanto quiser, de acordo com sua disponibilidade e sua força de vontade e/ou a necessidade de uma renda extra. Um sonho, hein?

Receba em dólares

Falando em renda, já pensou em receber em dólares? Para quem está acostumado a remuneração em moeda bem menos cotada isso sem dúvida é um ótimo motivo para vender suas fotos online. Sendo a moeda americana utilizada para compra das imagens, por consequência os valores obtidos por quem as vende também o são — e assim um câmbio desfavorável pode tornar-se um belo diferencial, que pode ampliar-se de acordo com o contrato realizado (mais exclusivo e etc). Traduzindo: mesmo que você tenha um acordo mais aberto e menos rentável ao seu bolso, ainda será melhor ganhar em dólares do que em reais ou alguma outra moeda com alta improbabilidade de ultrapassar a estadounidense.

Vai uma força da Adobe?

Um dos mais famosos bancos de imagem é o Adobe Stock, que, como já indica o nome, é da Adobe. A Adobe, aos que não a conhecem, é a titã do mundo dos softwares que possui entre outros tantos o clássico Photoshop e o nosso também bastante utilizado Lightroom, ambos já sob a Creative Cloud da marca.

A Creative Cloud (ou CC) dá uma forcinha aos criativos, que podem produzir, subir em nuvem, editar, tratar, acessando em qualquer computador logado em sua conta, podendo baixar e/ou apresentar para clientes e colegas. Para quem vende é possível inclusive subir suas imagens diretamente a partir dos aplicativos CC da Adobe, facilitando o fluxo de trabalho e evitando tomar o tempo livre de quem ama fotografia — afinal queremos clicar e curtir a vida, não é mesmo?!

Que achou dessas vantagens; gostou, tem mais a acrescentar? Que tal criar uma conta no Adobe Stock agora mesmo? Você pode criá-la já e ainda ajudar o DG por este link!

Boas vendas!

Ajude-nos! Avalie, compartilhe e deixe um comentário mais abaixo:

Alexandre Maia

Clico, viajo, olho, analiso, converso, e repito — em qualquer ordem!

Renda Extra para Fotógrafos

Chat
Este website utiliza cookies para melhorar a experiência do usuário. Ao clicar em "Aceitar Cookies" ou continuar com a navegação está a consentir a sua utilização. Para saber mais sobre cookies ou para os desativar consulte a
Política de Privacidade.
Aceitar Cookies
Este website utiliza cookies para melhorar a experiência do usuário. Ao clicar em "Aceitar Cookies" ou continuar com a navegação está a consentir a sua utilização. Para saber mais sobre cookies ou para os desativar consulte a
Política de Privacidade.
Aceitar Cookies