Home » Artigos » Dicas » A importância das fotos corporativas espontâneas

A importância das fotos corporativas espontâneas

Muitas pessoas ao escutarem as palavras “fotografia corporativa” pensam em retratos formais e imagens de espaços que podem parecer distantes e frios. Mas quando essa imagem é espontânea a percepção é completamente diferente. O fotógrafo corporativo Rogério von Krüger explica que as imagens autênticas causam um maior impacto nas pessoas já que elas transmitem movimento e vida.

importância-fotos-corporativas-espontâneas-rvk

A espontaneidade não é importante apenas para fotos de grandes eventos como casamentos, shows ou exposições, como é mais conhecido. Nas fotos corporativas, a fluidez proporciona uma certa confiança no produto ou na empresa que se deseja divulgar. “Pode parecer um detalhe insignificante, mas, para alguém que não conhece o trabalho de uma organização, vê-la em ação pode acender uma faísca de interesse”, diz von Krüger.

Além de atrair mais público, a foto corporativa espontânea também serve para explicar uma certa atividade que é executada dentro da empresa. Por exemplo, nem todo mundo entende a linguagem de engenheiros e como funcionam as diversas ferramentas utilizadas em um local de construção, então nesse caso a frase “uma imagem vale mais que mil palavras” aplica completamente, já que seria bem mais fácil explicar com uma ilustração que com palavras.

Qual deve ser o foco da fotografia?

Embora pareça o tipo de fotografia mais fácil de fazer, existem alguns pontos importantes que devem ser considerados ao tirar uma foto corporativa espontânea. Segundo von Krüger, o foco da imagem deve ser a combinação da atividade sendo realizada ou a ferramenta utilizada e a pessoa. “A presença de uma pessoa na foto é essencial porque humaniza a ação ou o instrumento e se aproxima mais do público”.

Veja também outros elementos importantes que devem estar presentes em uma fotografia espontânea:

  • deve-se criar uma atmosfera de atenção ao redor do foco da imagem;
  • é sempre bom misturar a perspectiva e fazer a foto de diversos ângulos;
  • prefira luz natural, dá uma sensação de algo genuíno.

Agora que leu, avalie o artigo e deixe um comentário mais abaixo:

Bia Neves

Mineira, 24 anos, recém formada em Letras pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, apaixonada por Marketing de Conteúdo Digital e curiosa em todos os sentidos.

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

Abrir Chat
1
Close chat
Olá! Obrigado por nos visitar. Por favor, pressione o botão Iniciar para conversar com o nosso suporte :)

Iniciar