James Mollison e os discípulos musicais

Fãs fervorosos de músicos existem em praticamente todo canto, e James Mollison mostra a diversidade deles

Nem todos sabem cantar bem ou tocar um instrumento, por mais simples que seja. Há aqueles que sequer conseguem captar o ritmo de uma música para acompanhar com uma caixinha de fósforos. Mas todos têm ao menos uma música que amam ouvir, por algum motivo. E a maioria das pessoas certamente tem mais que uma música amada: tem uma banda ou cantor(a) que adora ouvir.

Existem, no entanto, os fãs que não contentam-se em escutar (bastante) sua banda preferida e ir a quantos shows puder, como também incorporam, ainda que a seu modo, o(s) artista(s). São os que poderiam ser chamados de discípulos musicais. Não importa em que década começou a carreira do seu ídolo, nem qual — ou quantos — estilo(s) ele já adotou no cabelo, na roupa, nas letras e melodias. Assim como não importa a origem daqueles que apresentam-se no palco, ou se ela é a mesma de seus fãs que mostram-se ao mesmo tempo distintos e iguais na curiosa comunhão celebrada, seja com qual música de fundo for.

Atento às similaridades sob as diferenças superficiais pelo mundo e até entre espécies, o fotógrafo queniano James Mollison registrou nitidamente o fenômeno, clicando desde os jovens discípulos da McFly aos soturnos seguidores de Marilyn Manson. Impossível não ficar intrigado. Vejam então um pouco do que Mollison captou na série The disciples.

Ajude-nos! Avalie, compartilhe e deixe um comentário mais abaixo:

Alexandre Maia

Clico, viajo, olho, analiso, converso, e repito — em qualquer ordem!

Também estou no blog da D&M Photo.

Siga-nos nas Redes Sociais

Não perca nenhum conteúdo nosso ;)

Abrir Chat
1
Close chat
Olá! Obrigado por nos visitar. Por favor, pressione o botão Iniciar para conversar com o nosso suporte :)

Iniciar