Aspirantes ou não, somos todos amantes da fotografia

Todos nós, sejamos aspirantes, amadores ou profissionais da fotografia amamos registrar momentos. Situações que nos fazem sentir alguma emoção incontrolável de clicar, como em um hiperlink da internet quando encontramos algo que buscamos há muito tempo.

Sensações são capturadas… Sorrisos… A hora mágica… Aquele nascer ou pôr do sol que nos deixam abismados com sua extensa beleza. Não importa onde estamos nos sentimos atraídos por tamanha formosura.

Encontramos no mundo todo pessoas que começam desde cedo a se interessar por registrar imagens, seja de um inseto, uma flor, uma pessoa anônima na rua sem que seja percebida, ou até mesmo do espaço, do sol e das estrelas. Um céu inteiro que acorda ou dorme com uma novidade. Esse anseio não tem idade, pessoas mais velhas, experientes que já passaram uma vida inteira trabalhando, estudando ou apenas vivendo sua história, tem seu momento capturado um uma caixa fotográfica.

A singularidade de uma rosa branca. Foto Cecilia Liz
          A singularidade de uma rosa branca. Foto Cecilia Liz

Para aqueles que estão sempre buscando mais, a melhor foto, o melhor momento, aquela foto de tirar o fôlego, existem técnicas tanto para máquinas semiprofissionais como para as câmeras profissionais DSLR que ajudam a chegar a esse estágio, mas que exigem muita dedicação, prática e estudo para chegar lá. E ainda, uma infinidade de ferramentas, programas e materiais para todos os bolsos e gostos.

Com as novas tecnologias ficou mais fácil ainda vermos muitas fotografias tiradas até mesmo com o celular que ganham de uma câmera DSLR no modo automático em questão de qualidade. Digo isso, porque não adianta investir muito dinheiro em uma máquina profissional e tirar fotos no modo automático não sabendo usar todos os recursos do modo manual. Mas é claro, depende muito também das condições externas do ambiente já que, geralmente a capacidade de geração de luz de um flash integrado ao celular é limitada.

Enfim, existem recursos para se chegar a excelência na qualidade de nossas fotos e despertar o interesse de curiosos e admiradores da arte e quem sabem pessoas que queiram adquirir e/ou exporem nossas fotografias.

Agora que leu, avalie o artigo e deixe um comentário mais abaixo:

  • Paulo Sales

    Cecilia.
    Tenho visto muito essa expressão "amante" da fotografia e a considero bastante fora de contexto.
    segundo do dicionário on line amante significa

    adjetivo e substantivo de dois gêneros
    1. que ou aquele que ama; namorado, apaixonado.

    2. que ou aquele que tem gosto ou inclinação por alguma coisa; amador, apreciador.
    "a. das artes"

    Veja que no item 1 há uma tendência a relação interpessoal, amorosa entre pessoas, via de regra extra conjugal.
    no item 2 temos apreciador, amador que pode ser aplicado ao simpatizante da fotografia.
    Se me permite, eu entendo que nenhuma das duas opções deveria ser aplicado a fotografia profissional, nem mesmo ao amador avançado, sobrando apenas a fotografia recreativa.
    Amantes da fotografia são aqueles que não a levam a sério do ponto de vista da profissão ou atividade.
    Quando da atividade podemos entender também ser hobby ou "bico", quebra galho ou algo que valha.
    Amar fotografia é, dentro desse contexto algo passional e restringe-se ao ato de fotografar, porém a fotografia é bem mais que clicar para quem vive comercialmente dela.
    Então use quem quiser essa expressão para se definir, mas está incorreto.
    Eu não sou amante da fotografia, me casei com ela, e como em todo casamento, amantes podem complicar.
    Abraço.

  • Itamar Sales

    QUE O MERCADO FOTOGRÁFICO NÃO VIVA DE PEDRAS.

    Se por um lado existem fotógrafos que utilizam a câmera no modo M(manual) e a mente no modo automático, e para mim esses são os piores, por outro lado, ganhamos com a inserção de novos consumidores nesse mercado tão competitivo, vaidoso, polêmico e caro. Devido a entrada de novos consumidores "apertadores de botões", o mercado aqueceu, cresceu, se diversificou ao mesmo tempo em que e ofereceu produtos mais acessíveis ao bolso da maioria que não tinha recurso pra comprar o equipamento dos sonhos. Que sejam bem vindos os "apertadores de botões e os colecionadores de equipamentos fotográficos", pois graças a vocês o mercado fotográfico não encolheu e sobreviverá por longos anos. Sejam bem-vindos!

Abrir Chat
1
Close chat
Olá! Obrigado por nos visitar. Por favor, pressione o botão Iniciar para conversar com o nosso suporte :)

Iniciar