Briefing – Como planejar os seus trabalhos 5/5 (1)

Para falar de Briefing preciso ilustrar o tema com uma pequena história sobre um homem que resolveu atravessar o oceano com uma canoa e só depois de 15 dias em alto mar percebeu que não conseguiria realizar o seu desejo e acabou morrendo por falta de planejamento.

shutterstock_69648940

Claro que na vida real ninguém atravessaria o oceano em uma canoa, muito menos se atreveria a se aventurar em alto mar sem o mínimo necessário de planejamento.

O que podemos aprender com esta história é que sem planejamento não devemos nos arriscar em áreas desconhecidas pois corremos o risco de morrer na praia. Então como deve ser o planejamento para que consigamos no mínimo atender as expectativas do cliente?

O briefing é o ato de reunir todas as ideias, todas as possibilidades e assim organiza-las de maneira que sejam possíveis atender a demanda da melhor forma possível.

Nenhum fotógrafo nasce sabendo o que gosta de fotografar, só com a experiência vamos descobrindo qual área queremos atuar, mas mesmo sem experiência é possível iniciar os trabalhos, muitos recomendam que os aspirantes a fotógrafos trabalhem como assistentes com outros fotógrafos para entender como é o dia a dia deste ofício.

Mesmo iniciando a sua carreira como assistente você não terá todo o conhecimento necessário para realizar os primeiros trabalhos, e por mais experiente que seja sempre vai existir aquele frio na barriga antes de iniciar o evento agendado com meses de antecedência, isso é normal e esse medo ajuda a evitar erros cometidos pelo excesso de confiança.

Briefing = Planejamento

Existem várias maneiras de escrever um briefing, vai depender do nível de detalhes que está disposto a trabalhar, lembrando que tudo da trabalho, seja um pequeno ou um grande planejamento este trabalho vai existir e não tem como evitar, acostume-se com isso e esteja pronto para alterar o seu planejamento caso tudo que esteja planejado saia do controle.

shutterstock_189811220

Reunião com o cliente

Uma reunião com o cliente possibilita ao fotógrafo realizar o levantamento necessário para realizar o trabalho, nesta reunião você consegue através de imagens ou perguntas saber que tipo de trabalho ou que tipo de fotografia o seu cliente mais se identifica.

Troca de emails

Através do e.mail é possível montar um escopo do projeto, como looks, temas e questionários que possam lhe auxiliar é importante porém montar questionários personalizados para cada tipo de trabalho.

Não adianta perguntar se o cliente pretende levar um pet se você vai fotografar um parto.

Momentos antes do ensaio

Na maioria das vezes não temos oportunidade de ver os looks antes do ensaio, sendo assim é preciso que nestes minutos antes do ensaio o profissional seja capaz de mentalmente montar um briefing de poses e locais dentro da locação escolhida que possa combinar com cada look que o cliente levou para aquele dia.

O briefing pode ajudar nas poses?

Vamos supor que o ensaio seja de uma gestante e neste caso seja a primeira vez que irá realizar tal trabalho.

Chegar no ensaio completamente cru sem noção nenhuma de nada é como navegar em alto mar com uma pequena canoa, dentro de 30 minutos todas as suas opções terão se esgotado.

Neste planejamento inicial é importante ter um pequeno catálogo de poses, ele pode ser o seu guia, ele vai lhe auxiliar neste início e no futuro as poses virão naturalmente, você pode navegar por diversos trabalhos de fotógrafos na internet e montar o seu próprio catálogo de poses.

shutterstock_77579770

O briefing e as fotos espontâneas

Para criar um ensaio espontâneo onde o fotógrafo não vai se preocupar com poses é fundamental que se tenha um roteiro, seja uma história, seja um conto ou até mesmo diversas interferências intencionais que possam dar sequencia em uma história que faça algum sentido, desde que as pessoas envolvidas se divirtam de alguma forma com o tema proposto, para que o fotógrafo consiga registrar momentos espontâneos sem forçar uma situação.

Neste caso vai exigir um pouco mais do fotógrafo que vai ter que usar toda a sua imaginação para criar situações que pareçam naturais, dentro de uma locação que foi pensada para aquela situação, é importante treinar porque não dá pra ficar lendo um roteiro durante o ensaio, ele tem que sair da cabeça do fotógrafo como se fosse de improviso mas com um ar profissional.

O que eu preciso saber para montar um briefing?

Você precisa do tema do ensaio, do tipo de fotos que as pessoas envolvidas mais gostam, você precisa conhecer um pouco da história desta pessoa ou do grupo de pessoas, você precisa saber do que elas gostam, você precisa estudar algumas poses clássicas, você precisa escrever pequenos roteiros, precisa conhecer a locação com antecedência para saber os melhores locais para se fotografar e principalmente os locais onde existem maior ou menor incidência de luz, você precisa estar 110% concentrado no trabalho que será realizado, você precisa de um check – list dos materiais que irá utilizar assim como dos equipamentos, você precisa entender que este trabalho é o trabalho mais importante da sua vida, porque ele é especial não só pra você mas sim para o cliente que está buscando na fotografia guardar um momento único de suas vidas.

Imagens shutterstock.com

[divider]

Se quiser conhecer um pouco do meu trabalho acesse o meu site WBertoni Fotografia e me siga no Facebook Bertoni Fotógrafo.

Ajude-nos! Avalie, compartilhe e deixe um comentário mais abaixo:

Washington Bertoni

Washington Bertoni é graduado em desenvolvimento de sistemas e pós - graduado em fotografia, professor de tecnologia e fotógrafo desde 2006, administra uma agência de fotografia que trabalha com registros de casamento, 15 anos, gestante, newborn, família, ensaios externos e cobertura de eventos institucionais.

Siga-nos nas Redes Sociais

Não perca nenhum conteúdo nosso ;)

Abrir Chat
1
Close chat
Olá! Obrigado por nos visitar. Por favor, pressione o botão Iniciar para conversar com o nosso suporte :)

Iniciar