Home » Artigos » Dicas » Composição na fotografia de paisagem

Composição na fotografia de paisagem

Você sabe como adicionar o fator “uau!” nas suas imagens?

 

Quero falar hoje com você de uma coisa muito importante na fotografia de paisagem que poucas pessoas se dão conta: uma ótima composição. A composição na fotografia de paisagem é tão importante quanto a iluminação e o pós-processamento. Muitas pessoas focam bastante nestes dois últimos, mas esquecem que você deve ter um excelente quadro para impressionar o público.

A primeira coisa que um fotógrafo profissional de paisagens atenta no momento de compor o seu quadro é a profundidade de campo. Sua foto tem frente, meio e fundo? Essa prática é muito importante para fazer fotos com grande apelo visual, onde os olhos do observador viajam para dentro do quadro olhando algo nessas três profundidades. No primeiro plano pode ter qualquer coisa da natureza bruta: uma flor, uma pedra, a textura do solo, um rio. No último plano podem ficar as montanhas, o pôr-do-sol, a paisagem em geral. No plano intermediário apresentam-se os figurativos ou artifícios para guiar os olhos até o fundo, simplesmente fazendo a liga entre essas duas profundidades.

Falando de guiar os olhos, vamos logo para o segundo ponto que são as linhas e curvas que guiam os olhos através do quadro. Lembre-se sempre que é muito importante fazer os olhos do observador viajarem por dentro da imagem, geralmente na direção do assunto principal. Essas linhas, também dão motricidade à imagem, fazendo as pessoas naturalmente caminharem por dentro da paisagem. Esse artifício é muito comum em fotos profissionais, conferindo suavidade, força, ou prendendo a atenção do observador.

NZ-3

Mais um fator importante são as cores e luzes. Todos gostam de ver aquele pôr-do-sol impressionante em amarelo, laranja e vermelho, campos de flores em um violeta intenso e a incrível variedade de cores de uma aurora boreal. Procure por cores. Cores complementares sempre chamam bastante atenção em uma foto. Cores em degrade também são bastante agradáveis. Mas, muita calma: não exagere no pós-processamento, colocando a saturação em um valor muito alto.

Por fim, o nosso último ponto é o apelo emocional. Mas Junior… na fotografia de paisagem? Sim, isso mesmo. Reparem que muitos fotógrafos famosos utilizam pessoas e objetos em uma paisagem para transmitir uma mensagem, uma história. Isso é feito principalmente em fotografias comerciais de aventura, estilo de vida e viagens. Há uma imensa diferença entre uma paisagem nua e crua e a mesma paisagem com um elemento humano como parte dela, contemplando ou atuando de alguma forma. Utilize essa estratégia para fotos criativas e belas e você não vai se arrepender!

NZ-5952

Não esqueça de conferir o vídeozinho em baixo sobre composição nas fotos para aprender mais ainda sobre o assunto e ficar fera!

Um abraço!

Ajude-nos, avalie este artigo:

Luiz Carlos Junior

Fotógrafo brasileiro de paisagens e viagens. Começou sua paixão por fotografia em 2005 com uma pequena Sony W5 e hoje roda o mundo em busca da imagem perfeita.

9 Comentários

Clique aqui para comentar