fbpx

Dicas para fotografar sua viagem de aventura com Lente Grande Angular

Você vai se aventurar e não quer perder nenhum momento? Saiba como registrar a sua viagem de aventura, usando a Lente Grande Angular!

Viajar é muito gostoso e poder registrar cada momento, melhor ainda. Porém, em uma viagem de aventura, é importante ter a câmera certa e com lente adequada para obter um melhor resultado.

Veja aqui como usar a Lente Grande Angular pode te ajudar a ter imagens incríveis e anote muitas outras dicas!

Sobre a Lente Grande Angular

As lentes grandes angulares são aquelas que têm a distância focal menor que 35 mm.  As mais encontradas no mercado são 14, 18, 20 e 24 mm de distância focal. Além dessas, temos um tipo de ultra-grande-angular, com menos de 14 mm de distância focal, e é chamada de “fish eye” por dar aquele efeito de olho de peixe nas fotos, onde tem os cantos exteriores curvados.

Muitas pessoas demoram um pouco para se adaptar às lentes grandes angulares, pela área de captação ser grande, pode ser difícil focar em um ponto principal nestes casos.

Principalmente nas viagens de aventura, as lentes grande angulares são ótimas aliadas para registrar paisagens. Confira algumas dicas para dominar melhor sua grande angular.

Dicas para usar as lentes grandes angulares

Se você quer registrar os seus melhores momentos na viagem, é preciso ir além de escolher a melhor câmera de viagem, especialmente em uma viagem de aventura. As lentes são muito importantes para se obter fotos perfeitas.

Hoje vamos dar dicas de como usar as lentes grandes angulares. Acompanhe!

1. Utilizar ou evitar a distorção

Esse tipo de lente é ótimo para manter as linhas retas quando a câmera é apontada para frente. Qualquer ligeira inclinação para cima ou para baixo pode resultar em distorção das linhas. Mantendo a câmera perpendicular ao horizonte, você conseguirá linhas horizontais e verticais retas. Porém, tem casos em que uma distorção valoriza a cena. Tente movimentar a câmera para verificar como as linhas retas ficam no enquadramento desejado.

2. Visualize a cena através da câmera

Olhando diretamente através da câmera, seja pelo viewfinder ou pelo visor LCD, você consegue criar efeitos de enquadramentos diferentes. Até objetos pequenos podem parecer maiores se comparados com o fundo da foto.

Quando encontrar um plano de fundo que deseja fotografar, procure por objetos pequenos em que você possa incluir em sua composição, principalmente para dar a ideia da dimensão do local fotografado.

3. Mantenha pessoas fora dos cantos da composição

Como as grandes angulares têm uma leve tendência a distorcer os cantos, o ideal é manter as pessoas no centro de sua composição, para evitar qualquer distorção.

4. Utilize aberturas menores

Utilizando uma menor abertura do diafragma, você tem mais áreas da foto em foco. Tenha atenção na hora de usar diafragmas bem fechados, para não comprometer a nitidez da foto.

5. Use as regras de composição

Como esse tipo de lente é bem amplo, tome cuidado para sua foto não ficar poluída. Então, utilize das regras de composição conhecidas. Seja a regra dos terços, simetria, linhas horizontais/verticais guiando até o ponto de foco, proporção áurea, existem várias regras que podem ser aplicadas na sua foto para deixá-la mais interessante.

Treine para orientar-se pelas linhas principais da cena, assim tem a possibilidade de criar fotos mais dramáticas.

6. Experimente vários pontos de vista

Geralmente, uma mudança mínima no ângulo em que você aponta a câmera pode gerar uma diferença gigantesca no resultado. Explore novos pontos de vista do assunto em que você quer clicar. Repare como pequenos objetos e linhas parecem grandes quando você se abaixa e dá um clique bem próximo ao chão.

Experimente também fotografar uma mesma cena de distâncias diferentes, pois quando usamos uma grande angular temos a impressão de que já conseguimos incluir tudo na cena. Às vezes, um passo para trás pode mudar totalmente a composição da foto.

Você quer deixar suas Fotos mais INCRÍVEIS de forma Prática e Fácil?
Saber Mais ➜