Home » Artigos » Dicas » Fotografando Recém-Nascidos

Fotografando Recém-Nascidos

Olá Leitores do Fotografia-DG, meu nome é Bruno Barbosa Muniz e estou aqui para compartilhar com vocês as técnicas que eu uso para fotografar recém-nascidos (Newborn).

Todo pai e mãe quer uma foto do seu bebê para poder compartilhar com entes queridos que moram longe ou mesmo para guardar de lembrança, então sempre se lembre de uma coisa, seu olhar fotográfico vale muito, mas os pais não querem só o seu olhar fotográfico, eles querem ver o bebê da forma que ele é em sua maior simplicidade. Você pode sim fazer todo aquele jogo de luzes e coloca-lo em posições diferentes, mas faça também um set em que ele esteja natural, interagindo com “seu meio”, brincando com a mãe, entre outras coisas.

Bom, todos sabem que os recém-nascidos são seres bem sensíveis, pois acabaram de chegar ao mundo, então temos que os tratar com muito cuidado. Nada de jogar o flash direto nos olhos do bebê, eles se irritam muito fácil e você não vai querer fotografar um bebê chorando toda hora (você provavelmente não planejou assim). Jogue a luz pra ela rebater no teto, isso dá uma sensação de sensibilidade e leveza (ideal) nas fotos.

fotografar-recém-nascidos

Na hora da sessão tente juntar todas aquelas coisinhas do bebê, como sapatos, brinquedos e afins. Se for um menino tente juntar coisas azuis e se for menina junte coisas rosas, por exemplo. Isso deixa bem caracterizado o gênero que você está fotografando. Como eu sempre digo, isso não é regra, mas é como eu faço.

Se ele estiver sendo fotografado em outros ambientes (fora do quarto do bebê) leve-o para fotografar em seu quarto, com os brinquedos, roupinhas, sapatos e enfeites infantis no geral. Todos vão querer se lembrar do primeiro quarto. Não se esqueça também de fotografar as decorações (bonecos, quadros, berço, entre outros).

Dê um close nos pequenos detalhes do bebê, chegue mais perto, fotografe a boca, as mãos, os pés, enfim, cada pequeno detalhe. Isto é importante.

Não é uma regra geral, mas eu uso somente duas tochas e duas sombrinhas, isso pra mim basta! Como eu disse anteriormente “Nada de jogar o flash direto nos olhos do bebê” e essa regra se aplica aqui também. Uma tocha rebatendo no teto e a outra rebatendo na parede. A leveza na luz é importante.

Ajude-nos, avalie este artigo:

Bruno Muniz

Sou Goiano, nativo da cidade de São Simão (interior). Comecei na fotografia desde pequeno, com oportunidades de fotografar pequenos eventos familiares com câmeras digitais comuns. Me interessei ainda mais pela arte quando montei um site de cobertura de eventos que ficou bem popular na cidade. Me profissionalizei e hoje trabalho profissionalmente em meu estúdio.

8 Comentários

Clique aqui para comentar

  • Na minha opinião, não há necessidade de caracterizar o gênero, até porque os pais sabem a que sexo pertence seu filho.

  • Logo aprece as "merdas de pessoas q tudo pode tudo e normal se nao gostou de homen usar azul e mulher rosa façam dos seus jeitos.A mulher ta falando de fotos que clientes querem e que e padrao !! Ficaram otimas as dicas colocam calsinha nos seus filhosce cuecas nas suas filhas e pronto !!!

  • Na minha opinião o post está bem básico, voltado para quem nunca fez nada nesse sentido. Além disso, acho que faltaram fotos exemplificando as dicas.

  • Achei pobre o post, fotografar criança é muito mais que isso! Procurar rosa pra meninas e azul pra meninos….

  • Muito legal! Mas vamos acabar com esses estereótipos de azul pra menino e rosa pra menina. Muito machista isso!

  • 30 fotos grátis na 1a compra