fbpx

Grande Angular na Fotografia de Esportes (Futebol)

Voltando aos posts de esporte, hoje sobre futebol e equipamentos – lente grande angular. Contarei a experiência da cobertura da partida de futebol entre Figueirense e Criciúma (dia 27/10/2018 – Campeonato Brasileiro da Série B).

A partida foi as 16h30min, com tempo bom, consequentemente, tivemos bastante luz, e sombra da cobertura da arquibancada também. Hoje tenho três corpos da Canon, uma 1Dx, uma 5D mark IV, e ainda uma Rebel 550D.

Chegando a hora de arrumar o equipamento para levar para o campo me deparei com a dúvida de quais equipamentos levar.

Em posts antigos já havia comentado de que alguns fotógrafos chegam a utilizar até três câmeras em jogos de futebol: um set com uma tele longa (ex: 400mm, 200-400mm); o segundo com uma lente média (tele zoom – 70-200mm, ou zoom grande angular); e o terceiro com uma grande angular (olho de peixe ou 16-35mm) com controle remoto atrás de um dos gols.

No meu set principal utilizo a 1Dx com a 400mm. Como eu não estava querendo levar uma terceira câmera (a Rebel, e consequentemente mais uma lente), optei por levar apenas a 5D. Porém demorei um pouco para decidir se usaria com controle remoto atrás do gol ou se utilizaria junto comigo.

Um dos pontos, foi não ter que levar o equipamento de disparo remoto e me preocupar com colocar a câmera atrás do gol, além de ter a outra câmera comigo para ter mais velocidade para baixar as fotos.

Outro ponto para escolher deixar a segunda câmera comigo, foi levar uma lente diferente das que costumava levar das últimas vezes (estava levando uma 70-200mm), e levar uma grande angular zoom (24-105mm), mais leve e para lances mais próximos.

No primeiro tempo fiquei na linha lateral, próximo ao banco de reservas – posição que estou acostumado a fazer, local que, quando tem jogo a noite, fico no mesmo sentido dos refletores, deixando menos sombras nos jogadores. Porém, desta posição, não fiquei muito satisfeito com o resultado do meu material. Se ficasse na linha de fundo, não poderia ficar próximo a bandeirinha de escanteio pois não tinha placa de publicidade, então teria de ficar mais do próximo ao gol, ou do outro lado, com contra luz.

No segundo tempo, já com uma luz mais homogênea causada pela sombra da cobertura arquibancada que ocupava quase a totalidade do campo, fiquei na linha de fundo, mais ou menos na metade entre o gol e a bandeirinha de escanteio.

Depois de contar sobre minhas escolhas pra esta cobertura, quero dar ênfase no resultado do seu segundo set, que foi uma 5D mark IV com lente 24-105mm.

Para quem está começando há sempre a dúvida sobre que equipamento usar, para que esporte usar. Já escrevi um post sobre quais equipamentos usar em cada tipo de esportes e suas situações.

O melhor equipamento é aquele que você tem, aquele que você consegue comprar. Assim não é preciso ter uma lente cara ou de grande distancia focal para fazer grandes fotos. O principal é o seu olhar, o ângulo que você captura as suas imagens, a sua criatividade para registrar o que está ao seu alcance com o equipamento que está a sua disposição.

Cristiano Andujar

Cristiano Andujar, (Florianópolis, 1979), criou gosto pela fotografia em 1995. Formado em Jornalismo (2001), especialista em Gestão e Marketing Esportivo (2007). Atuou como assessor de imprensa no Figueirense FC (2001-2008). Também têm experiência em redação, é correspondente de agências de notícias, e seus trabalhos já foram publicados em revistas e periódicos de várias países. Os eventos esportivos mais importantes foram a final de NBA, US Open de Tênis, e Finais do Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil de Futebol. Também já cobriu Vôlei, Automobilismo, Natação e Hipismo.

× Precisa de Ajuda?
Dicas Lightroom
Entre no nosso Grupo Whatsapp e receba 100 Dicas de Lightroom
Clique aqui para entrar