Fotografia de casamento – Trash the Dress 5/5 (4)

É com satisfação, que aproveito esta oportunidade oferecida pelo Fotografia-DG, para falar um pouco mais de minha experiência na fotografia de casamentos aqui no Brasil.

Fotografar para mim é uma necessidade, além de uma forma de expressão das  mais gratificantes e prazerosas. Porém, tenho total consciência da responsabilidade que temos em nossas mãos, no momento em que assumimos tal compromisso de registrar este momento tão lindo e importante na vida de duas pessoas.

Hoje, as noivas estão muito mais informadas e exigentes, criando uma demanda de grandes oportunidades, para nós fotógrafos da área social. Porém, isto também faz com que tenhamos que nos qualificar, para apresentar cada vez mais imagens que surpreendam e saciem esta busca pelo diferente, aliando não só beleza, mas também conteúdo de qualidade.

Quero começar falando sobre as sessões after wedding, também conhecidas como Trash the Dress. Grande oportunidade de fazermos lindas imagens do casal com a roupa “oficial” do grande dia.

Este é o momento para explorar melhor o clima romântico que ainda existe no ar, visto que durante o casamento há tantas atividades e roteiros a se cumprir, que mal sobra tempo para fotografar o casal adequadamente como gostaríamos.

Por ser uma temática livre e sem maiores compromissos, sua principal característica é buscar locais inusitados e explorar ao máximo as belezas naturais e detalhes das roupas do casal.

A seguir temos a sessão de Rose & Mike, ela brasileira e ele inglês. Adivinhe que tipo de recordação eles queriam de Florianópolis? Saímos cedinho, e começamos a sessão às 6:30h para pegar o nascer do sol na praia.

Sempre procure explorar de forma diferenciada as luzes disponíveis – planos e distâncias focais distintas: na foto acima, foi utilizada uma grande angular para fotografar o visual local, enquanto abaixo, uma 80-200mm recorta o casal do fundo, além de criar todo um clima romântico que permeia o momento.

O preto e branco fica muito bem nesta sessão de fotos. Principalmente quando temos neste caso, várias texturas e tonalidades de cinza, como as pedras, o mar, as nuvens e as árvores. Lindo demais!

O humor sempre é um diferencial, a grande sacada é deixar a noiva a vontade.

A seguir, temos uma outra alternativa de fotos no campo: Camila e Leonardo realizaram as suas fotos em um local paradisíaco, chamado Serra do Rio do Rastro, na Serra Catarinense.

Procurei criar um estilo de editorial de moda. É muito importante valorizar o vestido da noiva e seus principais detalhes. Neste caso uma 85mm é ideal para este tipo de foto.

Ou seja, temos uma infinidade de opções e estilos para fotografar, o importante é produzir algo interessante, diferenciado e oferecer mais este produto para seus clientes. Seja numa praia ou em um Shopping Center, crie!

Espero ter lhe ajudado, desejo Boa sorte e bons cliques! Precisando estamos por aqui…

Ajude-nos! Avalie, compartilhe e deixe um comentário mais abaixo:

Julio Trindade

O Fotógrafo gaúcho Julio Trindade, reside em São José e atua na região da Grande Florianópolis em Santa Catarina, Brasil.
Vem se destacando no cenário nacional na área da fotografia de casamentos, tendo ficado entre os top finalistas em vários concursos nacionais e com matérias em revistas especializadas do ramo.

Com uma linguagem própria, busca sempre a inovação e aprimoramento através de Palestras, Cursos e Workshops com os melhores fotógrafos do mundo, tais como: Vinicius Matos, Joseph Victor Stephanchick (JVS Pictures), Walter Firmo, Sebastião Salgado, Pedro Martinelli, Yervant, David Beckstead, entre outros.

Siga-nos nas Redes Sociais

Não perca nenhum conteúdo nosso ;)

Abrir Chat
1
Close chat
Olá! Obrigado por nos visitar. Por favor, pressione o botão Iniciar para conversar com o nosso suporte :)

Iniciar