Home » Artigos » Artigos de opinião » Diferenças entre ser um profissional e ser “O Profissional”

Diferenças entre ser um profissional e ser “O Profissional” 4.63/5 (8)

Pode até parecer clichê ou desnecessário abordar este assunto, mas não é. Acredite. Existe uma diferença gritante entre ser um profissional e ser “O Profissional”.

Isto porquê é denominado um profissional todo aquele que exerce uma determinada função e recebe uma gratificação (salário) por isso. Sendo assim, qualquer pessoa que compre uma TekPix, saia tirando fotos por aí e receba por isso, pode ser considerado um “profissional” da fotografia.

Infelizmente estas pessoas na maioria das vezes acabam por fazer um trabalho “porco” ou colocam anúncios em sites de compras coletivas cobrando o preço de um cafézinho para fazer um ensaio fotográfico, o que denigre de forma brutal a profissão de Fotógrafo.

Se você é um apaixonado pela fotografia e gostaria de se tornar um profissional, por favor, se torne “O Profissional”. Antes de investir em equipamentos invista em conhecimento, o que inclui cursos, livros, workshops, entre outros. Depois de investir em conhecimento e saber qual tipo de equipamento atenderá suas necessidades e em qual ramo da fotografia você gostaria de atuar, você deverá investir em equipamentos. Treine, mas treine muito mesmo!

Diferenças entre ser um profissional e ser O Profissional

Logo após passar por todas essas etapas, repita tudo de novo. Sim! Repita tudo de novo, pois conhecimento nunca é demais e equipamento fica ultrapassado.

Antes de tudo aquilo que eu escrevi acima existe um porém: Ame fotografar. Faça isso por amor, mas cobre por isso, pois todos nós temos contas a serem pagas e mesmo trabalhando de graça ninguém vai pagar nossas contas.

Nos meus artigos eu sempre digo no final: “Tudo que eu disse não é regra, são apenas dicas. Espero que façam bom proveito das informações e toda crítica é válida!”

Abraços leitores do Fotografia-DG, até a próxima… :-)

Ajude-nos, avalie este artigo:

Bruno Muniz

Sou Goiano, nativo da cidade de São Simão (interior). Comecei na fotografia desde pequeno, com oportunidades de fotografar pequenos eventos familiares com câmeras digitais comuns. Me interessei ainda mais pela arte quando montei um site de cobertura de eventos que ficou bem popular na cidade. Me profissionalizei e hoje trabalho profissionalmente em meu estúdio.

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar