fbpx

Fotografia macro e close-up: guia descomplicado para iniciantes

Macrofotografia, esse pequeno grande mundo que encanta tantos fotógrafos pode às vezes parecer um tanto complicado, mas Eduardo Mendonça chega para simplificar!

 

Fotografia de assuntos pequenos ou close-up é algo que motiva ainda mais os apaixonados por fotografia.  Acho que o ponto principal é o fato de que as lentes nos dão um detalhamento encantador que passa despercebido ao olho nu.

Pretendo abordar este assunto de forma simples, não é raro você procurar se informar um pouco mais sobre macro fotografia e se deparar com fórmulas, matemática, detalhamento de ótica e muitos acessórios que ao final da leitura, ficamos zonzos com tanta informação técnica. Não! Vamos falar tudo de forma descomplicada!

 

(c) Eduardo Mendonça

 

Câmeras compactas

A primeira coisa que gostaria de dizer é que a fotografia close-up ou macro está mais perto e acessível do que nunca, hoje temos excelentes câmeras compactas que possuem um botão macro.  São fantásticas!  Eu mesmo tenho a minha compacta com botão macro.  Quando desejo ir e vir sem dar muita ¨bandeira¨  com a minha DSLR gigante, está é a melhor opção.  A Nikon, Canon, Panasonic, Fuji, Leica apenas para citar alguns nomes de marcas famosas, possuem câmeras compactas com óticas para macro 1:1 incríveis.  Pesquise um pouco e se a grana estiver curta vá de compacta sem medo.

Agora vamos avançar, quero mais!  Usando uma DSLR  para Macro fotografia

Foco – Outra coisa básica que gostaria de compartilhar é que neste assunto você precisa ter atenção no foco.  Você vai perceber rapidamente que o pilar de conhecimento, a base, precisa ser o domínio da técnica de fazer foco, pois a diferença da imagem medíocre e uma que literalmente enche os olhos, é o domínio técnico que reside neste assunto de obter foco com boa profundidade de campo.

O foco deve ser manualmente controlado, portanto nada de deixar no automático sob pena de deixar a câmera perdida procurando continuamente o foco.  De fato uma boa dica é mudar a posição da câmera para frente e para trás para obter o foco.

 

Ampliação da lente

A ampliação é algo que infelizmente não é muito bem explicada em sites que ofertam as lentes.  Particularmente fico chateado com isto pois quase sempre você precisa ter uma base técnica para reconhecer a informação nos descritivos.  Acho que poderiam fazer algo mais simples para leigos.  Pena…    Mas voltando ao assunto de  ampliação existe um conceito que diz o seguinte:  se a ampliação da lente  é de 1:1 ,  tamanho real  (descrito também como ¨Life Size¨ nas fichas técnicas ) , isto é,   se a dimensão do item fotografado é do mesmo tamanho quando gravado no  CCD (sensor) ou do mesmo tamanho quando impressionado no retângulo do negativo do filme 35mm, temos uma ampliação macro.  Exemplo: uma régua com 1 cm foi fotografada e quando olhamos o que foi gravado no sensor a régua de 1 cm ocupará  exatamente o mesmo espaço no sensor ou no quadro do negativo 35mm.

Então quando ampliarmos a foto para 10x15cm ou maior, os detalhes vão ficar enormes e temos como resultado a nossa fotografia macro.   Existem técnicas e acessórios que podem ampliar ainda mais esta relação e se estiver entre 1 a 10 vezes ampliado no sensor , será considerado foto do tipo macro, acima disto é considerado micro fotografia e, via de regra, é usado um microscópio, abaixo de 1:1 é considerado foto close-up.

Fica a dica, nem todas as objetivas com inscrição Macro fazem uma ampliação 1:1.    De fato algumas zoom teles com botão macro dispõem uma relação menor de ampliação,1:2, 1:4 ou 1:6.   Fique atento e se precisar de maior ampliação escolha a lente macro com uma relação de ampliação 1:1 ou Life Size (tamanho real).

 

Distâncias focais

Outro ponto importante são as distâncias focais,  o que muda é a distância entre você e o assunto.  Por exemplo, se você desejar um foto do detalhe da boca do leão não escolha uma lente Macro de distância focal curta pois o leão pode ficar tentado a comer você.

Distâncias focais das lentes Macro e sugestão para uso:

Entre 40 a 90mm  – você tem um distância boa para joias e produtos pequenos

Entre 90 a 150mm  – você em uma distância boa para que os bichos e borboletas não se espantem

Entre 150mm a 300mm  – ainda é relativamente perto mas você já pode tentar fotografar o detalhe da boca do leão ou da cobra venenosa.  Na dúvida prepare o calçado de corrida :)

 

Compre o básico

Se puder compre uma lente  Macro clara  (f1.4 a 2.8),  um tripé de boa qualidade e um cabo disparador.

Explico, o foco em ampliação maior tende a reduzir a profundidade de campo e portanto, em certos casos, quando você deseja aumentar a profundidade de campo, você precisará fechar o diafragma e aumentar o tempo de exposição para compensar.  Nesta hora , travar o espelho, usar um disparador ou o timer e um bom tripé são fundamentais.

Indo além – Existe uma técnica avançada para aumentar o foco  que consiste em montar a câmera em um trilho onde a câmera se move para frente e para trás ,ao mesmo tempo que são feitas as fotos, depois com um software como Photoshop (usano a função layer stack) ou um software especialista, é feito uma pilha de fotos que são combinadas para obter foco perfeito em vários planos.  É uma técnica semelhante ao  HDR, mas para o  foco.  O resultado é muito legal.

 

Acessórios

Existem acessórios que não custam tanto quanto uma lente Macro mas que ajudam a obter a  fotografia macro quando instalados em lentes comuns (mas também podem ser usados com lentes macros para aumentar ainda mais a potência da ampliação)

São eles:  filtros close-up, tubos extensores, teleconversores, anel de inversão e flash ring

filtros close-up  – são lentes com vários graus de ampliação, usadas em conjunto ou separadamente que são encaixadas como um filtro na frente da lente.  Como tudo ligado a ótica, os kits possuem qualidade de muito pobre a razoável.    Pesquise bem antes de comprar.

tubos extensores – são tubos ocos, ou seja, sem ótica interna com ou sem contatos para a câmera.  Um modelo bastante conhecido é o da marca Kenko mas via de regra os fabricantes também oferecem os seus com um preço maior.  A lógica é usar um tubo deste entre a câmera e a lente e, de preferência, com os contatos para que a câmera possa ler as informações da lente.  É vendido em kits com diferentes tamanhos e quanto mais longo for o tubo extensor mais pontos de luz você perde e maior é a ampliação.  Como o tubo é oco não existe alteração na ótica da lente.

teleconversores – são semelhantes aos tubos acima com a diferença que incluem uma lente.  São vendidos em vários graus de ampliação e dependem de encaixe e tipo de lente.  Se optar pela compra recomendo fortemente que compre este acessório somente do mesmo fabricante da lente e câmera, inclusive consultando a mesma sobre a compatibilidade do conjunto.  Neste caso também haverá perdas de pontos de luz e se não for bem ¨casado¨ com as mesmas lentes do fabricante, você  terá todos os problemas com arranjos óticos inadequados, como perda da qualidade, aberrações cromáticas e distorções.  Muito cuidado com a compra deste acessório.

Anel de conversão – trata-se de um item muito curioso sobre o assunto de ampliação.  A ideia é colocar um pequeno adaptador de metal entre a câmera e a lente, que neste caso é encaixada invertida.  O fato é que nesta configuração, usada basicamente com lentes fixas e claras e abaixo de 50mm, você conseguirá potencias de ampliação até superiores que as macros convencionais apenas usando lentes comuns!   Existem alguns sites e vídeos que mostram como fazer isto. Particularmente eu vi e não gostei, achei um risco alto para a lente.  Mas se você é do estilo MacGyver (do seriado profissão perigo)  que gruda um chiclete no controle de obturador e cola uma fita nos contatos, etc   esta saída econômica é para você.  Não recomendo pois praticamente não existirá profundidade de campo.  Para casos onde se quer usar profundidade de campo muito rasa, tudo bem.

Flash ring – é um flash em forma de anel que fica ao redor da lente.  Muito útil para fotos mais próximas onde a própria câmera pode provocar sombras.

 

Conclusão –   a primeira pergunta agora é…     Compro uma lente macro ou um acessório?

Francamente…  Recomendo a lente macro, e mais clara, mais especialista, tem foco até o infinito, não é uma gambiarra.   Amigo, guarde a grana e compre a lente macro.

Mas….Se você já tem a lente macro então experimente os acessórios.  Um tubo extensor é bem leve, assim como um filtro close-up, se você for a um local distante pode ser bem interessante levar menor peso.

Este é um assunto que certamente poderia ser um livro, não foi possível escrever  hoje sobre técnicas de composição, como fazer o foco em detalhe e como trabalhar a criatividade com a profundidade de campo.  Em outro artigo darei mais informações destes pontos, explicando como faremos para obter uma linda fotografia criativa.

Hoje tenho a impressão que podemos produzir muito sobre arte abstrata via macro fotografia.  Este é um dos poucos campos da fotografia que de fato rendem imagens surreais maravilhosas e muito  ricas em cores, motivos ideais para quem curte e deseja produzir material para decoração ou Fine Art.    Este é um mercado em franca expansão no Brasil e já tem gente ganhando dinheiro com isto.  Vamos participar?

Espero que tenham gostado!    Compartilhem !

[divider]

Se precisar tirar alguma dúvida, trocar alguma ideia sobre tema use o canal DG, meu site www.foto.site.com.br ou a minha página no facebook.

Bons cliques!

Eduardo Mendonça

Sou fotografo e amante da fotografia. Faço trabalhos freelancer para produtos e retratos, principalmente para gestantes e book Newborn. Sou auto-didata e estou frequentemente procurando aprender mais. Sempre que posso, gosto de compartilhar algum texto bacana sobre fotografia ou montar um vídeo para a galera aprender também. Meu projeto de 2018 é montar um curso básico de fotografia em vídeo.

Este website utiliza cookies para melhorar a experiência do usuário. Ao clicar em "Aceitar Cookies" ou continuar com a navegação está a consentir a sua utilização. Para saber mais sobre cookies ou para os desativar consulte a
Política de Privacidade.
Aceitar Cookies
Este website utiliza cookies para melhorar a experiência do usuário. Ao clicar em "Aceitar Cookies" ou continuar com a navegação está a consentir a sua utilização. Para saber mais sobre cookies ou para os desativar consulte a
Política de Privacidade.
Aceitar Cookies