Home » Artigos » Dicas

Quando o ensaio torna-se um storyboard 4.33/5 (3)

Um ensaio pode facilmente tornar-se um storyboard — ou mesmo ter desde o princípio a ideia de um. Mostrando isso, temos José Neto:

Trabalho com fotografia tem pouco tempo. Mas todas as minhas referências e influências são oriundas do video. Sempre fui fanático com cinema e acabei me tornando videomaker numa produtora pequena, depois fui para uma grande produtora de visual effects (VFX), motion graphics e 3D design e, por fim, fui trabalhar numa TV, afiliada da Rede Globo, onde ganhei um concurso de fotografia, e daí me empolguei.

Mas essa história serve apenas para justificar um dos vários segmentos que venho estudando até aqui. Como sou relativamente novo na fotografia muita coisa ainda me surpreende, e por isso mergulho de cabeça em vários projetos. Já fotografei desde eventos de MMA até casamentos, e hoje tenho me concentrado mais em, pasmem, registro de partos humanizados e fotografia de família. Mas em outro momento falarei da minha experiência na fotografia de partos. Hoje venho falar mais especificamente dos meus ensaios influenciados pelas minhas vivências profissionais com o video. Hoje eu crio storyboards. Sim, storyboards. Aquelas coisas que parecem uma revista em quadrinhos  e que funcionam dentro da produtora de video como um guia ilustrativo do roteiro – se você não entendeu, ignore toda a explicação e imagine mesmo uma revista em quadrinhos. :)

Se eu ensaio tudo isso? Não.

storyboard título

storyboard 01

storyboard 02

storyboard 03

storyboard 04

storyboard 05

storyboard 06

storyboard 07

storyboard 08

storyboard 09

storyboard 12

storyboard 13

storyboard 15

Na metade das vezes vou para a locação já sabendo como montar a cena e criar toda a história daquele ensaio. Em outros momentos, faço o ensaio, e só durante a pós produção eu percebo que consigo montar uma sequência interessante com o trabalho do dia.

Na história O Encontro, por exemplo, eu registrei um casal de irmãos, e embora não goste de poses, tentava dirigi-los de alguma maneira e durante a pós produção, percebi a possibilidade da criaçao de uma estorinha super bacana.

No caso do story retratando a gestação me inspirei no videoclipe da música Cats in the cradle, com a banda  Ugly Kid Joe.

storyboard Quadros menor

Se isso é uma novidade? Não sei dizer. Mas o resultado é legal demais. Espero que vocês também gostem.

Agora que leu, avalie o artigo e deixe um comentário mais abaixo:

 

Gosta de algum dos artigos abaixo?

Abrir Chat
1
Close chat
Olá! Obrigado por nos visitar. Por favor, pressione o botão Iniciar para conversar com o nosso suporte :)

Iniciar