fbpx

Quero ser fotógrafo de casamentos 5/5 (3)

Hoje encontramos muitas pessoas assim, que desejam se tornar um fotógrafo, e muitas das vezes atraídos pelo glamour, pela “facilidade de entrar no mercado” e pela ilusão do “dinheiro fácil”, e estes decidem principalmente por casamentos.

Alguns acabam de sair do emprego e usam sua indenização para comprar os equipamentos, colocam a câmera no pescoço e pronto: “já virou fotógrafo”.

Muito bem, mas a coisa não é tão simples assim como parece, ou como alguns acham que é….

Antes de ser um fotógrafo de casamentos você precisa responder a si mesmo algumas perguntas bem básicas antes de decidir mergulhar de cabeça nesse mundo:

– você já é fotógrafo?

O fato de comprar uma câmera e aprender a fotometria básica e sair por aí fazendo umas fotos de pôr do sol não fazem de você um fotógrafo. Para fotografar um casamento antes de mais nada você precisa saber fotografar (super lógico não é? Mas muita gente infelizmente não tem esse bom senso).

Sim, pode ser óbvio, mas muita gente não sabe nem ao menos usar a câmera no manual, não domina seu equipamento e mal sabe a diferença entre ISO, obturador e diafragma.

Antes de se aventurar em um casamento, você precisa estudar muito, pois em um casamento não se pode errar jamais, não vai ser legal perder a foto do beijo não é?

Se você só fotografa no modo automático, joga o flash direto  e não sabe nem selecionar um ponto de foco, vc precisa estudar, e muito… Participe de saídas fotográficas, faça workshops, e se puder procure uma boa escola de fotografia para se profissionalizar…

– você gosta e sabe como funciona um casamento?

Acima de tudo você precisa gostar de casamentos (você já viu um fotografo de esportes que detesta o mundo esportivo?)

Fotografar casamentos é uma entrega, é se doar pelos noivos, se envolver na vida e na história de um casal e de duas famílias.

Todo casamento é composto de etapas chave que definem a história e o seu ritmo, e saber quando cada momento desse vai acontecer com precisão, vai lhe ajudar a se antecipar nos registros e nada vai passar despercebido ou “no susto”.

Frequente alguns casamentos, estude, busque workshops, leia alguns livros sobre fotografia de casamentos, tudo isso irá lhe ajudar a se preparar.

– você tem facilidade em relacionamento com pessoas?

Se você é muito tímido ou é intolerante com pessoas, fotografar casamentos não será sua “praia”, pois não vai ser nada legal uma briga com os cinegrafistas ou decoradores não é? (veja esse vídeo…rsrsrs)

O fotógrafo de casamentos precisa estar preparado para fotografar sob pressão, e saber lidar com o nervosismo da noiva e de todos os envolvidos.  Você estará mais tempo perto da noiva do que qualquer outro profissional, e em algumas vezes servirá até mesmo como um “psicólogo” para acalmar os noivos quando algo der errado.

– você já tem um 2º fotógrafo? (é impossível fotografar tudo sozinho)

Quando comecei a fotografar casamentos, eu cheguei a cometer a loucura de fotografar 3 casamentos sozinho (sim, podem me chamar de louco), mas graças a Deus reconheci os riscos que eu corria. Pois se em algum momento você falhar, o segundo estará ali para cobrir. Portanto, contrate outro fotografo experiente em casamentos e faça um lindo trabalho e com segurança.

– você já tem um bom computador para edição e um sistema de backup?

Editar as fotos em um computador Xing Ware, com 1Gb de RAM, HD de 160Gb e com monitor de LCD da Xing-Long de 14”, vai ser bem complicado, portanto invista em um bom equipamento de edição, e não estou falando de iMacs, estou falando de no mínimo um bom PC, com bom monitor e 1 Hd externo.

Nunca deixe para fazer o backup no dia seguinte, assim que chegar do evento grave os arquivos no PC e em um DVD ou HD externo urgentemente… leia este e-book sobre backup e veja as diferentes formas de fazê-lo.

Esse artigo não é uma verdade única e muito menos uma regra, são apenas algumas das dificuldades que quando decidi começar eu tive de passar, pois não havia ninguém para ensinar e é um pouco do que tenho visto ainda em alguns que querem ingressar no mercado, e dividir isso com vocês vai ajudar muito a se prepararem antes de encarar a realidade.

Acho eu poderia sim deixar umas regrinhas básicas para ser um bom fotógrafo de casamentos:

  1. Respire, viva e ame a fotografia;
  2. Se envolva de corpo e alma em todo casamento que fotografar;
  3. Seja ético com os seus concorrentes;
  4. Seja autêntico com seus clientes;

Grande abraço, e bons clicks… :-)

Ajude-nos! Avalie, compartilhe e deixe um comentário mais abaixo:

Anderson Marcello

Anderson Marcello é fotografo de casamentos e famílias no Rio de Janeiro, e é membro das principais associações de fotografia de casamentos do mundo, a WPJA e a AG | WPJA.

Chat

Este site usa Cookies & Política de Privacidade para lhe proporcionar a melhor experiência. Clique em "Aceitar" para consentir a sua utilização.