Home » Artigos » Dicas

O rebatedor – experiências 4.4/5 (5)

A hora de ouro sempre procurada por fotógrafos que fazem ensaio em externa, nem sempre está disponível quando precisamos dela. Às vezes, marcamos ensaios nos horários mais impróprios, por conta da disponibilidade nossa ou do cliente e encaramos um sol escaldante de 3 horas da tarde, que tem uma luz dura e projeta sombras indesejadas.

Como burlar isso?

A menos que não seja sua intenção, provavelmente o fotógrafo irá procurar a luz mais suave para fotografar seus retratados. A luz suave é mais difusa e provoca menos sombras, deixando a pele com aquelas imperfeiçõezinhas menos a mostra. Para conseguir ela, existem diversas maneiras. É possível usar equipamentos de iluminação ou mesmo fotografar em um dia nublado, quando a luz do sol é difundida pelas nuvens e não incide diretamente em cima de nós, o que em compensação deixa as fotos com menos brilho, mas garante a suavidade da imagem.

Além disso, uma outra maneira, é aproveitar essa luz dura que incide, rebatendo um pouco dela na direção desejada, no caso a pessoa retratada. Isso é possível fazer utilizando um rebatedor. Esse rebatedor não precisa ser somente esses que vendem nas lojas de fotografia. Na realidade, o rebatedor nada mais é que algo que reflete a luz, então tudo que reflete essa luz na direção que você quer, pode funcionar como um rebatedor.

No início da minha trajetória tentando entender os caminhos da luz, eu fiz inúmeros testes infelizes e que não resultaram em praticamente nada. Comprei isopor, colei papel alumínio e pesquisei muito. Acontece que meu grande erro nisso tudo, foi no tamanho desses meus rebatedores caseiros. Sim, como falei anteriormente, é possível utilizar qualquer coisa que de alguma maneira direcione a luz onde você quer, no entanto isso precisa ter um certo tamanho para que uma luz razoável seja direcionada, caso contrário não será possível ver a diferença. Pode usar isopor, lençol branco e qualquer outra coisa que se descubra por aí, desde que tenha um tamanho que faça diferença.

Então, nisso, pesquisei e acabei comprando um trio de rebatedores, que vem um dourado, prata e branco. Nas minhas economias, decidi comprar um redondo que era pequeno, mas foi o vendedor da loja que me alertou sobre o tamanho, (ainda bem), e comprei um maior.

Segue abaixo a minha experiência com eles.

Nas duas fotos abaixo utilizei o rebatedor direcionado para a modelo.

Amostra usando Rebatedor

Na primeira, é notável uma luz mais suave, mais difusa. Nessa utilizei o rebatedor branco.

Na segunda, utilizei o rebatedor dourado. É possível notar muito mais brilho na imagem, bem como um aquecimento na temperatura da cor. Mesmo as duas fotos já sendo tratadas.

Para o propósito que eu tinha, que era fotografia de gestante, me agrada muito mais o primeiro. A suavidade da luz combina com a suavidade da maternidade.

Mas o dourado, poderia muito bem combinar com um outro momento, como imagens de moda, femininos ou o que sua criatividade permitir.

Segue mais um exemplo, com os dois diferentes rebatedores.

amostra2

O princípio para mim é sempre o mesmo. Desde que se entenda como a luz funciona e o que ela pode te proporcionar, qualquer objeto pode virar equipamento de iluminação. A luz é luz e não interessa da onde vem, só precisa saber usar.

Agora que leu, avalie o artigo e deixe um comentário mais abaixo:

Gosta de algum dos artigos abaixo?

  • Pamela

    Carla, boa tarde!!

    O uso do rebatedor é feito em conjunto com o flash ou posso usar apenas o rebatedor (no caso de ensaio externo)??

    • carlapedraca

      Olá, Pamela. Desculpa a demora em responder.
      Olha, rebatedor mesmo, eu não utilizo com o flash, não sei se algum fotógrafo faz assim. Já vi a possibilidade de usar o difusor, que vem geralmente junto com esses rebatedores, que é a parte branca que fica dentro. Mas o rebatedor utilizo mesmo para rebater a luz do sol e utilizar em ensaios externos. Mas ele sendo um rebatedor de luz, a luz do flash também rebaterá. Eu já fiz alguns testes com meu gato rsrsrsr. Mas você vê isso de uma maneira mais fácil com a luz do sol, pois você vê nitidamente a luz saindo do rebatedor e indo para o local que você direciona. É isso. :)

  • guto_xmod

    Carla, você usa tripé para segurar os rebatedores? Estou pra comprar um, pra rebatedores 110cm, mas fiquei na dúvida… queria um pra aguentar tanto internas quanto externas, mas vi por aí que pros rebatedores de 110cm seria melhor um tripé mais parrudo (e mais caro), procede?

    • carlapedraca

      Olá, Guto. Olha, não uso tripé não. Um assistente segura pra mim. E acho que essa é a opção mais fácil, pois você vai direcionando a pessoa para onde quer que a luz vá. Acredito que com o tripé, você teria que ir mudando e olhando. E realmente precisa ser algo mais parrudo, pois um rebatedor de 110cm é grande e leve, mesmo pra segurar já fica meio complicado quando o vento bate. Então, o tripé precisa ser bem pesado pra não ser levado com o vento. Isso, falando de externas. Agora em internas, acho que não precisa ser um tripé muito pesado, desde que não tenha vento e fica mais fácil direcionar a luz com ela controlada. Quanto a valores não sei, exatamente. Mas de fato, quanto mais parrudo for, mais caro.

      • guto_xmod

        Obrigado, Carla!
        Como o meu objetivo inicial é basicamente estudar iluminação, acabei optando por um tripé com suporte pros rebatedores. Peguei um no meio termo, porque um pesado, pesado, fui ver, tinha 9kg o.O
        Agora é só esperar chegar e partir pra diversão! Aí quando eu realmente for partir pra externas, já corro atrás de um tripé mais adequado. Thanks pelo retorno! ;)

        • carlapedraca

          Legal, Guto! Fui responder um outro comentário e não sei se já tinha lido esse. De qualquer forma fiquei interessada. Deu certo os testes? Às vezes gostaria de levar o rebatedor sem precisar levar um assistente. Seria legal se tivesse a solução do tripé.

          • guto_xmod

            Oi Carla!
            Faz tempo, hein? Mas de qualquer forma, só umas semanas atrás é que topei sair da zona de conforto, e fotografar pessoas, mas continuo preferindo coisas e lugares, haha
            Mas olha, deu certíssimo, viu? Comprei um tripé desses que vende à rodo no ML, aqueles pretos de 2,8m de altura, e comprei também o braço pra segurar o rebatedor. O tripé é mais pesadinho, e a base dele abre bastante, então dá pra deixar relativamente estável. Claro que não dá pra brigar contra vento forte com esse conjunto, mas ele me atendeu bem nas necessidades! E mesmo em caso de vento, você pode colocar a mochila "segurando" o tripé na base, e ajuda mais ainda. Pra mim valeu muito a pena!

          • carlapedraca

            Olha, que legal saber disso, Guto! Talvez pense em tentar também. Vou ver isso. Obrigada por responder. Qualquer novidade, me conte. Abraços!

  • Alexandre Maia

    Gostei, Carla!

    Um artigo assim pra quem tá começando é legal. No meu caso, andei dando uma experimentada bem de iniciante com pequenos ensaios, e foi bom ver isto aqui.

    • carlapedraca

      Que bom, Alexandre.
      Também acho que ajuda, porque existem muitas dúvidas no começo de como funciona isso tudo.
      São muitos detalhes.
      Mas isso de experimentar é ótimo, só assim a gente vai entendendo. Já fiz e continuo fazendo inúmeros experimentos. Vale a pena.

  • Marcos Tavares

    qual o tamanho do rebatedor que vc recomenda?

    • carlapedraca

      Olá, Marcos.
      O meu tem diâmetro aberto de 110cm e vem em um case pra poder transportar.
      Acho que esse, pra começo, já dá um bom resultado. Os de tamanhos menores talvez sejam bons apenas para coisas pequenas. Mas para retrato esse de 110 já atende bem, no entanto acredito que existam maiores, que não sejam em formato circular.

    • Lívia

      Eu tbm estou iniciando, e ia faer a mesma pergunta de Marcos. Estava pretendendo comprar um de 80cm para usar em ensaios externos. Esse tamanho é aceitável, ou seja, consigo obter resultados bons com um rebatedor deste tamanho?
      Obg!

Abrir Chat
1
Close chat
Olá! Obrigado por nos visitar. Por favor, pressione o botão Iniciar para conversar com o nosso suporte :)

Iniciar