Home » Artigos » Dicas » Sou fotógrafo(a)! E agora?!

Sou fotógrafo(a)! E agora?!

- Última Atualização a: 06/12/2010

Um certo dia você se depara com a seguinte pergunta: “O que você faz?”.  Você pára por um instante e responde: Sou fotógrafo(a)!!!  Não sei com vocês…  Mas a primeira vez que eu disse de verdade que eu era fotógrafa me deu tanta emoção! Hoje eu encho a boca com todo o orgulho do mundo:  SOU FOTÓGRAFA! Mas o processo é lento.

O fotógrafo passa por várias fases. Começa amando todas as fotografias que faz, se acha e acha todos os seus click’s melhores do que os que vê por aí! Fica orgulhoso com tudo que faz e repete para si próprio que tem tudo pra dar certo, afinal, todos amam o seu trabalho.

Acontece que o tempo vai passando um pouco…  Você já se descreve como um fotógrafo profissional, afinal, já tem a fotografia como sua profissão… Já distribui cartõezinhos, já fez um site mais legal, recebe várias visitas e comentários no blog, orkut, já responde e-mails passando orçamento. Quando você, de repente, se depara com suas fotografias, elas já não têm mais aquele brilho que elas tinham anteriormente. Você já começa  a achar mil defeitos, começa a enjoar do seu site, não aguenta mais olhar pro teu cartãozinho… E acaba pensando em como é que alguém pode gostar daquilo que você faz??? Você pega e vai lá pro fundo do poço…

E de repente… Novamente… Você começa a gostar do que você faz! Vai gostando com mais cautela… Vai “cuidando onde pisa”. Gosta do que faz, mas, não se sente melhor do que ninguém! Nem pior!

E você já não pode mais “fugir”. A fotografia passa a ser o que você respira. Você estuda… Domina um pouco de técnica… Mas quando passa pro computador “falta” alguma coisa. É aí que entra o pós processamento. Não se iluda achando que pode melhorar uma fotografia ruim… Mas em boa fotografia, você pode valorizar, e muito, com a edição. Os programas mais usados para edições de imagens são o Photoshop e o Lightroom. Eu, particularmente, uso os 2, mas já visualizo todas as fotografias anteriormente no Lightroom. O que eu acho muito legal do Lightroom (alem de todo o mais) é poder trabalhar com as luzes apagadas. Faça um teste:  Com o Lightroom aberto, aperte o “L”uma vez e você terá as luzes meio apagadas… Aperte o “L” mais uma ves e terá todas as luzes do Lightroom apagadas, Eu acho sensacional…  E melhorar, pegue um fone de ouvido e EDITE TODAS AS FOTOGRAFIAS COM MÚSICA! Isso mesmo! Coloque músicas que transmitam algum sentimento para você  e verá  como muda a sensação! Você irá começar a dar mais emoção na própria edição. É legal também fazer um vídeo ou slideshow com música… Os clientes amam, sempre acontece uma lagrimazinha…. E aí a gente vê tudo o que vale a pena.

Fotografia de marioav.blogspot.com

E você: qual programa usa para editar suas fotos? Você as edita com músicas que transmitam sentimento? Quem quiser, comente um pouco !!! Vou ficar bem feliz.

Grade abraço! Nos vemos por aí! =]

Ajude-nos, avalie este artigo:

Carol Avon

Carol Avon tem 28 anos e é natural do Paraná, mas reside atualmente em Santa Catarina. Publicitária por formação, mãe por opção e fotógrafa por pura paixão. Atuação fotográfica em books externos, estúdio e eventos em geral.

22 Comentários

Clique aqui para comentar

  • Olá Carol Avon, blz!

    Bom, parabéns pelos artigos até então vibrantes.

    O texto e o gráfico explicitaram muito bem a vida, sentimentos, evolução deste trabalhador, artista. Mas o título deste artigo foi um paradoxo para mim, explico, porque, logo me veio à mente a gramática: “Não se é ministro, se está ministro” (Gramática essencial ilustrada, Luiz Antonio Sacconi, 19.ª edição).

    Abraço, td d bom.

    Jorge Lemos

Carrinho