Home » Artigos » Dicas

Até que ponto é viável realizar Sessões Sensuais Gratuitas

Olá querida(o) leitor do portal Fotografia-DG, tudo bem? Hoje trazemos um assunto meio que polêmico e que vem repercutindo muito nos últimos meses que é o fotógrafo 0800.

Fotógrafo-0800

Em meu primeiro artigo “Como entrar para fotografia Sensual” passo algumas das minhas experiências e dou algumas dicas e entre elas está o seguinte.

“Pratique muito antes de oferecer seus serviços. Hoje contamos com amigas, colegas, primas, namoradas, esposas, etc, pessoas que confiam em você, elas serão as pessoas que irão lhe ajudar a ter suas primeiras experiências. Lembrando que estas fotos não serão para montar seu portfólio e sim para que exercite os conhecimentos adquiridos com os estudos.”

Todos nós no início precisamos recorrer a pessoas mais próximas para servirem de modelo, seja no momento dos estudos iniciais ou mesmo para montar um portfólio interessante, até ai sem problemas.

O que vem acontecendo é que estão confundindo um pouco esta questão do portfólio e tem muito “fotógrafo” que vem oferecendo de forma gratuita sessões para metade da cidade e quando digo isso, não estou me referindo somente a região que atuo, mas sim num geral. Tenho passado madrugadas conversando com vários fotógrafos de cidades, estados e até países diferentes, claro que, aqui no Brasil isso tem acontecido com muito mais frequência.

Modelo: Bruna Kalafaty
Modelo: Bruna Kalafaty

Muita gente reclama que o mercado tem se “prostituído” com valores cada vez menores, mas hoje, também na categoria do sensual, pior do que brigar com valores baixos esta sendo lidar com pessoas que estão oferecendo de forma gratuita.

Para quem esta iniciando ou mesmo já trabalha no meio fotográfico, sabe o quanto esta mais caro para se manter nesta profissão, valores de equipamentos nas alturas, acessórios, especializações (sem elas é impossível progredir), investimento para melhoras no estabelecimento e por ai vai.

Juntamente com os convites gratuitos, sempre tem a defesa que o material será para um novo projeto. Quem realmente quer viabilizar um projeto que se prese, que realmente tenha um significado e atraia a atenção de um número maior espectadores, sabe que isso exige muito tempo, grandes parcerias e um investimento que quase sempre é bem alto. Desta forma como um bom projeto pode ir pra frente se já esta começando sem ter um custo, ou mesmo um orçamento para executa-lo.

Modelo: Bruna Kalafaty
Modelo: Bruna Kalafaty

Então você que esta começando, realize seus trabalhos gratuitos, monte seu portfólio, mas para isso você não precisa ter uma dúzia de sessões ou convidar seu bairro inteiro, de 3 a 4 sessões bem trabalhadas e com estéticas diferentes, já é o suficiente para começar a vender seu trabalho, antes ter pouco e com qualidade do que ter muito sem qualidade alguma, resumindo “Menos é Mais”.

É preciso analisar muito alguns fatores porque, além de você oferecer um trabalho gratuito, caso a modelo escolhida não goste das fotos, com certeza além de não lhe ajudar a divulgar  e será uma das primeiras a falar mal de seu trabalho, justamente para um outro profissional e isso na prática é péssimo para rua carreira que corre o risco de nem começar.

Para finalizar, tome muito cuidado para não ser confundido (a) com maus “profissionais”, hoje tem muito picareta no mercado, que estão usando este segmento da fotografia sensual atraindo mulheres e já com más intenções, que esta em jogo não é a fotografia e sim o de ver mais uma mulher nua.
Nos últimos meses surgiram denuncias em vários estados e uma das que mais repercutiu foi  a de um fotógrafo do Rio de Janeiro que foi denunciado por várias modelos.

Um bom profissional, nunca trabalha sozinho, sempre estará acompanhado de alguma auxiliar, produtora, maquiadora, ou mesmo uma pessoa de confiança da modelo/cliente, alguns usam a desculpa de quanto menos pessoas no local, mais a cliente/modelo se solta, se você já ouviu ou leu isto, me desculpe, é tudo conversa, tanto que qualquer trabalho bem elaborado sempre terá uma grande equipe por trás e isso não atrapalha o andamento da sessão. Quando uma mulher esta acompanhada de alguém de confiança dela ou mesmo sabe que na equipe tem outra mulher que ira lhe auxiliar com certeza ela ficará muito mais tranquila ira reagir melhor às fotos.

Ai você pergunta – Mas para ter uma auxiliar ou equipe terei custo? E eu lhe respondo, – Este é mais um motivo para não se trabalhar de graça.

Modelo: Bruna Kalafaty
Modelo: Bruna Kalafaty

Deixo aqui o vídeo “Ensaio Sensual – Tutorial para Modelo” produzido pela excelente fotógrafa e referência em autorretrato, Elizabeth Borges que compartilha dicas para mulheres comuns e também é uma aula para fotógrafos(as).

Bora valorizar sua profissão, caso não o fizer pode ter certeza que ninguém ira fazer por você.

Espero que possa ter ajudado com mais este artigo, qualquer duvida estou a disposição, o portal também esta recheado de artigos sensacionais, se gostou clique no curtir e compartilhe com os seus amigos (as).

Abraço e até o próximo artigo.

As fotos que compõe este artigo foram realizadas no nosso estúdio.
A produção foi da própria modelo com algumas dicas passadas por nós no briefing.

Fotografia de Paulo Roberto
Auxílio fotográfico e Making of – Ione Leite

Agora que leu, avalie o artigo e deixe um comentário mais abaixo:

Gosta de algum dos artigos abaixo?

  • Excelente matéria! Embora ainda não faça trabalhos "profissionais" com fotografia, a área de Sensual/Nu é definitivamente uma das que mais me interesso. E realmente bate um desespero toda vez que vejo alguém se valendo disso pra ver mulher nua. É no mínimo deselegante!
    Já "convoquei" algumas amigas para ajudar nisso, minha namorada também ajuda, e já fizemos algumas sessões. Claro, dei total liberdade para escolher o tema, e uma inclusive pedir pra fazer sensual com ambientação "film noire". Já tou com quase 30 horas de vídeos e referências para estudar, e é algo que vale muito a pena. Você acaba aprendendo coisa nova, muitas vezes com os erros, quando não tem experiência, e tá aí a vantagem de uma amiga que sabe disso e colabora com você. O mais importante é o respeito sempre, e acima de tudo!
    A Elizabeth também faz um trabalho fantástico, e acompanho assiduamente as postagens e vídeos para ter como referência!
    Uma coisa que fiquei pensando aqui com meus botões: claro, tou planejando levar minha namorada junto (no mínimo) nesse tipo de ensaios, e com certeza tá nos planos encorajar a pessoa a levar alguém de confiança. Mas vi esses dias atrás a Patrícia Prado sugerir que deveria evitar de manter "amigas" da modelo próxima, por "coisas de mulher", como por exemplo, a típica competitividade de "quem é mais bonita/afins", e que a modelo pode se retrair um pouco na expectativa do que a amiga vai falar sobre a sessão pra outras meninas, e também tem o aspecto de que muitas vezes, por inveja, por assim dizer, a amiga da modelo pode acabar boicotando ao dizer que certas poses não estão boas, quando na verdade estão ótimas. Procede? Caso sim, não posso negar o direito da modelo levar alguém em quem ela deposita confiança, então, como lidar com isso?

    • bendet29

      Olá Mauro tudo bem com você? Muito bacana de sua parte compartilhar um pouco desta sua experiência com nós.
      Bom, respondendo ao seu questionamento e duvida. A fotógrafa Patrícia Prado atua a muitos anos neste meio e o que ela diz é real, porque boa parte das mulheres competem entre si mesmas, mas para mim até o momento não tive problemas de a acompanhante ficar dando opiniões nas sessões.
      Em meu estúdio, antes de chegar o momento da sessão fotográfica, buscamos conversar muito com a cliente, fazendo indicações, recomendações, conversamos sobre o questionário que enviamos a elas, até mesmo cuidados com a pele dias antes da sessão, neste momento também falamos sobre a questão de quem ira acompanhar, que seja alguém que ela goste muito e tenha afinidade, que a mesma não deverá interferir no trabalho e que só estará ali para lhe tranquilizar, até então não tivemos problemas, pelo contrario, acaba que a amiga que acompanha sempre se interessa e se encanta com o trabalho e logo depois decide fazer uma sessão também.
      Hoje além da minha auxiliar e minha esposa (que participa de algumas sessões), também conto com uma produtora, que cuida de toda a organização e make-up, sendo eu o único homem do set, então chega um momento que a cliente nem lembra mais que o fotógrafo é homem, e como costumo brincar nos tornamos todas AMIGAS.
      Mas cada um tem seu modo de trabalho e para isso não existe regra.
      Não sei se você já acompanha o trabalho da Michele Moll da Naked e também a Americana Christa Meola autora do Livro "A Arte da Fotografia Boudoir".
      Neste seu caminho você ira descobrir qual o melhor caminho para você e seu trabalho.
      Grande abraço amigo e sucesso sempre.

  • Elizabeth,
    Top seu vídeo!!
    Sou fotografa, e só trabalho com Mulheres. As tuas palavras são bem parecidas com as minhas opiniões… Isto é legal, pois demostra que estou no caminho certo e lidar com mulheres não é nada muito fácil, mas é gratificante o resultado de cada trabalho.
    Vou compartilhar teu vídeo na minha página, Raquel Moraes – Photografias

    • bendet29

      Olá Raquel.
      Muitoooo obrigada pelo carinho.
      Fico feliz e imensamente grata que tenha gostado. Vou visitar sua página.
      Beijãoo!
      Resposta By Elizabeth Borges

Abrir Chat
1
Close chat
Olá! Obrigado por nos visitar. Por favor, pressione o botão Iniciar para conversar com o nosso suporte :)

Iniciar